quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

FELIZ ANO ANOVO




Para os bons momentos, gratidão. Para os maus, esperança. Para cada dia, uma ilusão. E sempre, sempre, felicidade. É o que VOS desejo neste ano novo!

ANO NOVO

 
 
 
… e mais um ano se foi, tá indo, só falta um dia… para começar…  mais um … novo…
mais um ano da minha vida, mais um ano da minha caminhada, mais um ano que se me encara cheio de oportunidades, expectativas, miras, mas que, e também, mais um ano que se me depara cheio de indeterminações… ambiguidades, hesitações, interrogações, vacilações….
meu costume neste trânsito, pensar tantas vezes e quando estou sozinha … como se fosse a primeira vez…  com tanta paixão… e nas horas que passam por mim … sempre perto dos derradeiros dias , não antes, daquele  período que está a findar  … imaginar… iludir … que vou ser feliz no ano que está prestes a brotar,  sonhar com uma nova oportunidade de metamorfose, a transmutação daquilo que nunca até à data completei ou tive forças para obrar, mudanças de algo que, conjecturo, imagino , com  o trânsito de um ano para o outro vou alcançar….  e afianço  a mim mesma… vou neste ano que começa … reformar, vou fazer aquilo e o outro que até agora não fiz e sempre aprazei, vou preocupar-me mais comigo,  vou fazer tal e tal que não tive coragem ou disposição de fazer até agora, e vou… vou.. vou… mudar (…)
e  a noite vem e tocam as badaladas, dá a meia noite, e no segundo seguinte começa um novo ano,  na minha vida, grito, bebo, brindo,  canto, danço até à exaustão, e todos os mais “os” que possam existir,  e…. no dia seguinte, quando amanhece, o mais provável é nem sequer chegar a ver o amanhecer do dia em que tudo deveria começar a mudar… estarei, provavelmente, atordoada  num sono profundo, reabilitador, da noite que passou e que começou à poucos momentos pois tentei utilizar a noite até ao limite das minhas forças… no sonho que vivo…
e quando acordo… no novo ano,  tudo está igual, as pessoas que me rodeiam  estão iguais, reagem iguais, a casa está igual, as sombras continuam a lá estar, a carregar… carregar… não desapareceram com a entrada do novo ano, as feridas continuam doendo…nada mudou… a esperança sentida dias atrás vai-se desvanecendo… segundo a segundo… a alma continua vazia e os olhos, meus olhos, continuam cheios  de desprazer… vou fazendo tudo aquilo que não queria, não quero , e pouco a pouco vou -me rendendo,  afinal nada mudou….  apenas ficou a minha palavra … de mudança … mentindo a mim mesma, logo quando eu mais precisava mudar… mudar por dentro, logo nesse momento , nesse instante de princípio do ano…  já não vivo … por mim … e a falta de amor… pela minha pessoa,  que  desprezou  todas as promessas feitas num final de ano cheio de esperanças, momentos atrás, pinta o meu coração de dor, numa dor  que mata por dentro, marca de sofrimento… com um nó no coração
….e assim é o meu viver .. todos os fins de ano e começos do novo …não sei porquê mas comigo é sempre assim…

quinta-feira, 23 de dezembro de 2010

FELIZ NATAL


DESEJO DO FUNDO DO MEU CORAÇÃO UM NATAL ESPECIAL PARA TODOS OS MEUS SEGUIDORES E PARA TODOS OS VISISANTES DESTE MEU BLOG.

AFINAL NO NATAL COMEMORA-SE O NASCIMENTO DE JESUS, AQUELE QUE FOI UMA DAS ALMAS MAIS BONITAS E ESPECIAIS QUE PISOU O NOSSO PLANETA TERRA, SEM SEGUIR QUALQUER RELIGIÃO NEM A IMPOR, MOSTROU-NOS QUE O CAMINHO É A PAZ, HARMONIA ENTRE TODOS, O AMOR INCONDIOCIONAL A TODOS OS SERES VIVOS, O RESPEITO, E ACIMA DE TUDO, AJUDARMO-NOS UNS AOS OUTROS SEM QUALQUER DISCRIMINAÇÃO  PARA ALCANÇARMOS A TÃO DESEJADA E PROCURADA FELICIDADE.

BEM HAJAM E PROCUREM SER FELIZES COMO ELE DITOU

DEIXO AQUI A MINHA GRATIDÃO POR VIVER NUM PLANETA QUE FOI ABENÇOADO POR UM SER ASSIM.

FELIZ NATAL A TODOS

quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

FELIZ NATAL PARA TODOS




Milagre de natal


Quero neste Natal
Desejar não somente que tenha muitas felicidades neste dia
Mas sim que Milagres te dominam,
E te faça perceber que Natal
Não está somente na virada do dia 24 de Dezembro para o dia 25,
Mas está em todos os dias do ano.
Nesta virada está apenas a concretização de todos os desejos
Feitos durante todo o ano que se passou.
A noite de Natal é fantástica
A cidade fica toda iluminada,
As pessoas sorridentes,
E em instante tudo fica em paz...
O Milagre do Natal
Está no nascimento de nosso salvador
Jesus Cristo,
Ele com toda certeza não deseja um único instante de paz,
Mas deseja que todos tenham um milagre dentro de si.
O céu se ilumina,
Em homenagem a este dia tão sagrado entre todas as famílias.
Os pedidos são de prosperidade, paz e amor...
Mas se Natal é todos os dias do ano,
Por que então deixar para desejar felicidades
Somente em um único dia destes 365???
O Milagre de Natal está no sorriso que no dia-a-dia
Encontramos nas pessoas andando nas ruas,
Nas crianças brincando,
Enfim
O Milagre Natalino está no desejo de cada um de ser feliz.
Pois Milagres existem sim,
Principalmente com tamanha benção de Deus,
Muitas Glórias, Conquistas e Emoções podem ser desejadas
Pois o Natal do dia 25 está chegando,
Faça seus desejos e acredite em todos eles,
Pois estão prestes a se concretizar nesta noite especial...
FELIZ NATAL!!!
E MUITA PROSPERIDADE NESTE DIA
E EM TODOS OS DIAS DO ANO
QUE ESTÁ PRESTES A NASCER!!!

Autor Desconhecido

quinta-feira, 9 de dezembro de 2010

Titanic

desesperança desaparece

desesperança desaparece

Disseram a Osho: Não tenho uma pergunta - apenas um sentimento de desesperança. Não acredito em minhas perguntas, sinto que elas vêm de algo frágil e irreal.

Como surge essa desesperança? Você deve estar esperando demais; ela vem do excesso de esperança.

Se você não espera, toda a desesperança desaparece. Se espera demais, a frustração é garantida . Se está querendo ter sucesso, fracassará com certeza. Tudo aquilo que você tenta com afinco exagerado produz o contrário.

Você deve estar querendo com muito afinco concretizar alguma esperança, e é aí que surge a desesperança. Se quiser mesmo se livrar da desesperança - e todo mundo quer -, então livre-se da esperança.

Abandone toda esperança e de repente verá que, com ela, a desesperança também desaparece. Assim você alcançará a tranquilidade interior, na qual não há esperança - e tampouco desesperança. Estará simplesmente calmo, quieto e sereno - um reservatório profundo de energia, um lago fresco de energia.

Mas, para isso, você precisa sacrificar a esperança. A questão mostra que você ainda está esperando... Vá um pouco mais fundo e mais longe - se estiver totalmente sem esperança, a desesperança desaparece.

Osho,

Sinta-se assim ...

terça-feira, 7 de dezembro de 2010

domingo, 5 de dezembro de 2010

Fotos Kirlian

Fotos Kirlian 

 

 

Próximo ao final do ano de 1939, em uma pequena cidade ao sul da antiga União Soviética, Semyon Davidovit Kirlian, um eletricista famoso pôr seus bons serviços de manutenção em equipamentos eletro-eletrônicos, obtinha acidentalmente (ou não), a primeira Foto Kirlian da história. Ao ser chamado para consertar um aparelho de eletromedicina de um hospital local, Kirlian encostou a mão em uma peça energizada e foi vítima de uma fortíssima descarga elétrica. No momento do choque, ele observou que entre seus dedos e a peça energizada, formavam-se interessantes e maravilhosas luminescências azuladas. Sem saber o que havia descoberto, e sem se preocupar muito com a dor, ele novamente encostou sua mäo na peça energizada, só que desta vez com um filme fotográfico entre eles e na mais completa escuridão. Ele colocou o filme no revelador e a medida que a foto era formada, Kirlian se deparava com maravilhosos matizes e raios, que aos poucos iam tomando a forma de sua mäo.
É claro que naquela época Kirlian nem se quer imaginava o que havia descoberto, e mesmo sem saber o que aquelas estranhas formas podiam revelar, ele continuou suas pesquisas, sempre muito bem apoiado por sua esposa Valentina que sempre estava disposta a ser sua "cobaia" nas fotos.
O tempo foi passando e Kirlian desenvolveu aparelhos que pudessem lhe proporcionar as fotos sem a desagradável dor e os malefícios das descargas elétricas. Certa vez se deparou com uma foto estranha, diferente do "padrão" que estava acostumado a obter. Kirlian testou todos os componentes da máquina, tirou novas fotos e as mesmas estranhas formas estavam presentes. Poucos dias depois ele adoeceu com sérios problemas cardíacos, provavelmente conseqüentes das experiências com a alta voltagem, só que a estranha foto que tirou de seu próprio dedo já lhe mostrara isso, mesmo antes dele adoecer.
Quando os cientistas ficaram cientes desse fato, estes juntamente com os líderes estaduais passaram a dar certa atenção às pesquisas que Kirlian e sua esposa vinham fazendo. Certa vez um cientista levou duas folhas aparentemente de um mesmo vegetal para que Kirlian as fotografasse. Ao revelar as fotos, uma delas apresentava maravilhosos contornos luminescentes, enquanto a outra apenas manchas ou borrões luminosos podiam ser vistos. Somente após chamar o cientista à sua casa é que Kirlian ficou sabendo que o vegetal cuja folha proporcionou a foto ruim já havia até morrido, contaminado com uma doença. Somente então é que o trabalho que Kirlian vinha realizando tornou-se realmente reconhecido.

De lá para ca muita coisa aconteceu, muitas pesquisas foram feitas, muitas dúvidas foram levantadas e muitas especulações foram feitas em cima do que realmente estava se obtendo com as fotos Kirlian.
Mas e hoje ? Depois do polêmico "Efeito Kirlian" já ter sido mais do que testado, duvidado e comprovado, será que sua total aceitação e viabilidade de uso em diagnósticos de doenças, não foi possível até agora porque nos falta um "elo" de conhecimento que nos possibilite entender exatamente o que é obtido nessas fotos ?
 
De acordo com a milenar cultura oriental, sabemos que os raios solares ao incidirem sobre a Terra, não produzem apenas ondas de calor, mas em contato com as camadas de gases que nos envolve, formam partículas de energia que foram chamadas de "Ki" ou "Prana" ou ainda, de "Energia Vital", que são responsáveis pela "manutenção energética" da vida em nosso Planeta, equilibrando energeticamente e literalmente "mantendo vivo" tudo que se encontra a nossa volta e, inclusive, nós mesmos. Através de pesquisas, foi constatado que a maior parte dos óbitos de pacientes dos hospitais ocorre durante a noite, exatamente quando a quantidade de "Prana" presente no ar diminui consideravelmente, comprovando sua extrema importância na vida de nosso Planeta!
Todos os seres vivos e todas as coisas que podemos encontrar a nossa volta, está constantemente trocando energias com o meio, buscando sempre o "equilíbrio", sejam estas energias em forma de ondas de calor, ondas magnéticas, eletromagnéticas e etc. O mesmo ocorre em relação ao Prana, que é assimilado por tudo e, no caso dos seres humanos, entra principalmente através dos três primeiros "CHAKRAS", alimenta os "Corpos" e, após equilibrá-los, o que não for utilizado é sabiamente devolvido à natureza, para que seja aproveitado no equilíbrio do próximo. É exatamente o retorno dessa energia prânica devolvida que forma o que chamamos de "AURA". Constatamos com isso que, não somente os seres vivos, mas também todos os objetos animados ou inanimados possuem "Aura", pois também estão diretamente recebendo o "Prana".
Através da Teosofia, sabemos que o homem possui sete principais Chakras, que exercem a função de assimilar as energias pranicas e alimentar os "sete corpos principais". O primeiro e mais denso desses sete corpos, é chamado de "Corpo Físico" e é formado por matéria física (corpo físico) e matéria etérica (corpo etérico ou duplo etérico).




É sabido também que muito antes de nos tornarmos enfermos, os sintomas dessas doenças podem ser diagnosticados no nosso corpo etérico, aparecendo como um "desequilíbrio energético" indicando uma "tendência" a ficarmos doentes, podendo isso acontecer ou não. Isso significa que, se podemos "ver" que estamos tendendo e ter certa doença antes dela se manifestar fisicamente, podemos nos fortalecer ou nos "prevenir" para que esta não se manifeste no corpo físico. E esta, sem dúvida, é a maior utilidade da Máquina Kirlian: a prevenção de doenças.
Através de fotos das pontas dos dedos, onde se localizam os extremos dos "Meridianos" (condutores invisíveis do fluxo natural de energias para certas partes vitais do corpo humano), que são utilizados pela acupuntura e outras técnicas orientais, podemos saber como está nossa "saúde energética" por onde esses meridianos passam.
 



Então fotografando o dedo polegar, por exemplo, podemos saber se estamos com desequilíbrios nos meridianos responsáveis pela manutenção de energia nos pulmões, faringe, ouvidos, sistema linfático e maxilares, assim como, no dedo mínimo temos os meridianos do coração e intestino delgado. Além disso, através da média das fotos de cinco dedos de uma pessoa, tiradas de uma só vez, podemos constatar também o grau de Paranormalidade, Preocupação com os outros, Conflitos Emocionais, Mágoas, Carências e outros aspectos pessoais que constituem o que podemos chamar de "Personalidade Aurica". Isso é uma coisa muito interessante, pois diferencia muito as pessoas, e pode ser facilmente constatado ao observarmos que o conjunto de cinco (ou mais) fotos de uma pessoa, que se mostram semelhantes entre si, são tão diferentes do conjunto de fotos de outra pessoa. Hoje em dia, até mesmo doenças como o Câncer, ou simples tendências à tumores que uma pessoa apresente pode ser diagnosticado prematuramente com as Fotos Kirlian.



As Máquinas Kirlian que são utilizadas hoje em dia, ao contrário do que muita gente pensa, não possui a mínima semelhança física com uma máquina fotográfica comum e, com elas, não é possível se obter fotos de corpo inteiro das pessoas, pois no processo de obtenção das fotos, o dedo fica em contato direto com o filme. Os próprios Meridianos inviabilizam a necessidade de se fotografar a pessoa por inteiro, além, é claro, do custo da revelação e do filme de proporções humanas.
A Máquina Kirlian, é composta de um gerador temporizado de alta tensão e freqüência, um compartimento especial que chamamos de porta-filme, e uma bolsa ou câmara escura onde este porta-filme fica encerrado, pois durante todo o processo, o filme não pode receber a menor quantidade que seja de luz. Esta é mais uma grande diferença entre uma máquina fotográfica comum e nossas Máquinas Kirlian.




A KIRLIANGRAFIA NA PREVENÇÄO DO CÂNCER E OUTRAS DOENÇAS
O sol, ao incidir seus raios sobre a Terra, não produz apenas calor e outros tipos de radiações que conhecemos e nos acostumamos a sentir, mas, conforme a milenar cultura oriental, o Sol também é responsável pela formação de partículas de energia que são chama das de KI, Prana ou ainda Energia Vital. Essas partículas são responsáveis pela manutenção da vida em nosso Planeta, e tudo que se encontra a nossa volta, incluindo nós mesmos, está constantemente trocando energias com o meio, sejam essas em forma de calor, luz, eletromagnéticas e etc.. O mesmo ocorre com o Prana que, no caso do homem, entra através dos Sete Chakras Principais para alimentar os Sete Principais Corpos Sutis e, como "na Natureza nada se cria, tudo se transforma", o que não é aproveitado, é sabiamente devolvido, numa infinita busca ao Equilíbrio (Yin & Yang), perpetuando o infinito ciclo da vida. É exatamente o retorno dessa Energia que chamamos de AURA.



Quanto mais "sadios energeticamente" estivermos e quanto maior for o grau de nossa "evoluçäo espiritual", menos Prana necessitaremos, devolvendo praticamente tudo que captamos de volta ao meio, e com isso, maior será o "tamanho" de nossa Aura. Diz-se que a Aura de líderes espirituais como Buda, Jesus e outros, se estendiam por mais de 360 quilômetros (isso mesmo!) de distância. Isso pode ser lido em uma passagem Bíblica, embora restringida apenas à presença de Deus, que diz: "Nele vivemos, nos movemos e somos".
Quando certa parte do corpo está energeticamente debilitada, necessita de uma porção maior de Prana que outra parte "sadia"; nessa região o Prana pode ser totalmente absorvido e quase nada é de volvido. Neste caso ocorre o que chamamos de "Furo Áurico". Os "Furos Áuricos", conforme já foi observado em estudos, estão diretamente ligados com o lado emocional das pessoas, pois podem ser gerados não só pela influência de Energias Externas (intrusas), mas na sua maioria, são gerados internamente, através dos "conflitos emocionais" de uma pessoa, e quanto maior sua intensidade, maior é a tendência dessa pessoa a entrar em Estado Depressivo. Quanto mais essa pessoa fica depressiva, mais aumenta esse Furo Áurico, que torna a pessoa ainda mais depressiva e debilitada, em um efeito "bola de neve", que aumenta cada vez mais e quanto mais aumenta, mais deixa a pessoa sujeita a doenças. É por isso que alguns sábios dizem que "Doenças não existem, pois somos nós mesmos que a criamos", e de certa forma o fazemos. Para reforçar como o Prana é essencial à vida, pesquisas mostram que a maioria do "óbitos naturais" ocorrem durante a noite, justamente no período que a quantidade de Prana diminui bastante. Podemos observar isso facilmente com simples resfriados, quando pioramos no período da noite e melhoramos consideravelmente durante o dia.
No Primeiro Plano de Evoluçäo do Homem (Plano Físico), pode ser encontrado o primeiro de nossos Sete Principais Corpos Sutis, que é formado por Matéria Física (Corpo Físico) e por uma "cópia xerox" formada por Energia Etérica (Duplo Etérico). Este corpo é o responsável direto pela entrada e saída das energias e é sabido que muito antes de nos tornarmos enfermos, já apresentamos em nosso Corpo Etérico os vestígio (Desequilíbrios Energéticos) dessas possíveis enfermidades, as vezes até muito tempo antes e depois delas se manifestarem (ou não) fisicamente, e se tornarem o que conhecemos como doenças. Esses desequilíbrios podem se manifestar de várias formas, não só como "Furos Áuricos", mas também de muitas outras formas e cores na Aura, como manchas, borrões, desorganizações e/ou concentração de raios (no casos de dor e intoxicação) e até mesmo como outra forma de "energia" que se vê nitidamente que não pertence a Aura da pessoa que a carrega (no caso de Energia Intrusa ou "obsessor").
É exatamente nesse Primeiro Corpo (Físico/Etérico) que nossa Máquina Kirlian opera. Fotografando os Desequilíbrios Energéticos de uma pessoa, podemos preveni-la da possibilidade de desenvolver (se ainda não aconteceu) aquele tipo de doença. Esses Desequilíbrios podem ser eliminados de várias formas, no lado Físico com a simples prevenção ou precaução, por exemplo: se uma pessoa apresentar Desequilíbrios na região do Pulmão, pode vir a ficar resfriada, e, sabendo dessa possibilidade, deve se prevenir; ou no lado Etérico, com as Terapias Alternativas, como por exemplo, a Cromoterapia, que no caso de resfriados aconselha as tonalidades da cor laranja.
Hoje em dia podemos diagnosticar nas Fotos Kirlian de uma pessoa, problemas de ordem emocional, mental e física, como por exemplo: Conflitos Emocionais, Depressão, Preocupação Excessiva, Perdas de Energias, Impreguinação do Organismo (Intoxicação), desequilíbrios energéticos nos Meridianos (possíveis problemas de saúde), e até em casos mais graves, tendências à Tumores e até mesmo a CÂNCER. É claro, que ao se analisar um conjunto de fotos de uma pessoa, deve se levar em conta vários fatores, como hora em que as fotos foram tiradas, idade dessa pessoa e se esta já não apresenta ou já apresentou os sintomas dos problemas encontrados. Devemos acima de tudo deixar que nosso bom senso fale pôr nós mesmos, para não tirarmos conclusões precipitadas, passando um diagnóstico errôneo, comprometendo com isso a seriedade de nosso trabalho, que deve ser levada em conta acima de qualquer outro fator.


Obs.: A Máquina Kirlian nacional é um aparelho feito por processos que preservam características e apresentação profissionais. Sua construção segue a risca padrões de funcionamento que garantem seu uso em pesquisas sérias e até científicas, nada deixando a desejar aos modelos importados.
Significado
Muito se especula sobre o que é registrado nas fotos Kirlian. Numa visão mística, alguns entusiastas religiosos alegam que as imagens do halo registrado nas fotos, correspondem à aura. Outros, sob uma visão puramente científica, dizem que se trata apenas de "Efeito Corona" ou "Fogo de Santelmo" e nada além disso fica registrado nas fotos.
Seja o que esteja por trás do "efeito Kirlian" e sua aplicabilidade prática, é sabido que não se trata de "Aura" o que é registrado nas fotos Kirlian. Provavelmente cabendo à propria "ciência" aceitar a estudar do "fenômeno" de forma clara, objetiva e despreconceituosa.
Céticos afirmam que grande parte dos halos são gerados pela umidade que ocorre naturalmente em todos os seres vivos, que se tornam ionizada devido aos campos elétricos de alta-tensão e alta-freqüência utilizados nessa técnica e captados pela emulsão fotográfica. De fato, considera-se que pelo menos vinte e duas características físicas, químicas e fotoquímicas podem influenciar as descargas coronais vistas nas fotos Kirlian.
A hipótese de o fenômeno registrado ser realmente a aura dos objetos fotografados é atualmente desacreditada em praticamente todos os meios, salvo em alguns círculos místicos que ignoram as evidências contra tal explicação.
O maior argumento a favor da explicação aceita pela comunidade científica (e consequentemente contra a explicação mística para o fenômeno) é o fato de que a suposta aura não aparece se a fotografia for realizada no vácuo. Como a suposta aura defendida pelos esotéricos deveria continuar existindo no vácuo, ou em qualquer outra condição atmosférica, esse fato representou um duro golpe na explicação mística para a imagem registrada pela fotografia Kirlian.

A ascensão espiritual





A ascensão espiritual e limpeza espiritual possuem vários sintomas, nem todos passam pelos mesmos, abaixo segue uma lista de alguns, se prestar atenção verá que sente alguns sintomas que não estão nessa lista, alguns deles são tão comuns que só notamos pela persistência! 

1. Mudança no padrão de sono - Perturbações durante o sono, pés quentes, acordar duas ou três vezes durante a noite. Sentir-se cansado e com sono depois de acordar. Adormecer e acordar durante o dia. O Padrão de 3 Sonos, que acontece freqüentemente muitas pessoas caracteriza-se por: dormir cerca de 2-3 horas, acordar, voltar a adormecer mais 2-3 horas, acordar de novo, voltar a adormecer mais 2-3 horas.
Outras pessoas viram alterarem-se as suas necessidades de sono, passando a dormir menos. Ultimamente, algumas pessoas sentem enormes ondas energéticas percorrendo seu corpo a partir da coroa. Estas ondas podem afetar o sono.
Conselho: Habitue-se. Pacifique-se com essa energia, e não se preocupe se não dormir o suficiente (preocupação que, por vezes, pode causar mais insônia). Será capaz de suportar bem o dia se pensar que tem a quantidade certa do que necessita. Também pode pedir ao seu Eu Superior que, de vez em quando, lhe dê um intervalo para poder ter um sono reparador. Se, durante a noite, não conseguir adormecer, aproveite esse tempo para meditar, ler poesia, escrever o seu diário ou olhar para a Lua. O seu corpo ajustar-se-á ao novo padrão.


2. Atividade do chakra coronal (alto da cabeça)

Sensações de tilintar, comichão, formigueiro e arrepios no couro cabeludo e/ou na coluna. Sensação de vibração energética no topo da cabeça, como se a energia jorrasse em chuveiro. Poderá sentir pressão na coroa, como se alguém estivesse a pressionar um dedo contra o centro da cabeça. Como referido no ponto 1, vivemos enormes carregamentos de energia através do chakra coronal. Podemos sentir uma pressão mais generalizada, como se a cabeça estivesse dentro dum aparelho muito suave.
Conselho: Não se assuste. Trata-se da abertura do chakra as coroa. Tais sensações dizem-lhe que você está aberto a receber a energia divina.


3. Repentinas ondas de emoção

Choro convulsivo. Inesperadamente, sente-se zangado, deprimido, triste ou muito infeliz à mínima provocação. Emoções à solta. Muitas vezes a pressão ou as emoções congestionadas são sentidas no chakra do coração (no centro do peito), o que não deve ser confundido com o coração, localizado à esquerda do chakra do coração.
Conselho: Aceite os seus sentimentos como surgem, abençoe-os e deixe-os partir. Sinta a conteúdo emocional da energia no chakra do coração. Expande-a para todos os seus campos e respire profundamente, desde o umbigo até à parte superior do peito. Sinta a emoção e deixe-a evaporar-se. Não dirija as emoções para ninguém. Você está a limpar o passado. Se necessitar de ajuda, diga em voz alta que pretende largar todo esse velho material e peça ajuda ao seu Eu Superior. Também pode pedir aos Anjos da Graça (energia branco cristal) que o ajudem a soltar estas emoções, fácil e suavemente. Agradeça por o seu corpo estar a soltar-se destas emoções, não as retendo dentro de si, o que poderia provocar danos. Uma das nossas fontes sugere que a depressão está ligada às relações de «deixar andar», de relações pessoais, profissionais, etc. que já não servem nem a nós, nem às nossas freqüências).


4. Clarificação de carma

Velhos conteúdos parecem estar a ressurgir, como descrito acima, surgindo na sua vida as pessoas envolvidas nesses episódios. Casos de encerramento de processo. Ou talvez você precise trabalhar o seu amor-próprio, abundância, criatividade, apegos, etc. Começarão a aparecer os recursos ou as pessoas de que necessita para auxiliar este trabalho.
Conselho: O mesmo do que para Ponto 3. E ainda: não se envolva demasiado na análise destas situações, pois isso fará com que volte para eles, uma e outra vez, cada vez a níveis mais profundos.
 
Peça ajuda de um terapeuta, se necessitar, e avance. Não tente evitar nem «passar ao lado» destas «memórias». Abrace o que aparecer e agradeça por isso contribuir para o seu desenvolvimento. Agradeça ao seu Eu Superior por lhe dar a oportunidade de se livrar destes «resíduos». Lembre-se, você não quer que eles continuem no seu ADN.


5. Alteração no peso corporal

O peso adquirido pela população é, em geral, é extraordinário. Outros sectores da população podem, pelo contrário, estar a perder peso. Geralmente, ganhamos peso porque muitos medos reprimidos estão a voltar para serem tratados. Reagimos construindo defesas, tentando ancorar-nos ou obter massa corporal, de forma a não permitir que a freqüência no corpo aumente.
Conselho: Não seja teimoso. Aceite isto como um sintoma do que está a passar-se consigo. Perderá ou ganhará peso, quando todos os seus medos forem integrados. Solte a sua ansiedade. Depois, talvez constate que será mais fácil perder ou ganhar peso.
Exercício: Antes de começar a comer, experimente o seguinte: sente-se à mesa, posta com um serviço de lógica bonito. Acenda uma vela. Aprecie a aparência da comida. Coloque a sua mão dominante no coração e abençoe o alimento. Diga ao seu corpo que para usar o alimento para se alimentar corretamente, em vez de usar a comida para alimentar as suas zangas emocionais. Depois, passe a mão, da esquerda para a direita, por cima do alimento, abençoando-o. Poderá notar que a comida parece quente à sua mão, mesmo que seja um prato frio. Repare que quando abençoamos a comida, não comemos tanta quantidade. Outra coisa que poderá fazer enquanto come é não ver TV ou ler. Aprecie saudavelmente a benção que está à sua frente.


6. Mudanças nos hábitos alimentares.

Desejos estranhos e escolhas esquisitas. Há quem sinta mais fome ou menos fome do que anteriormente.
Conselho: Não negue o que o corpo lhe pede. Se não tiver a certeza, tente provar antes de escolher, para ver se é isso o que o corpo quer.
Tente também abençoar os alimentos, como descrito no ponto 5.

7. Intolerância e alergias a certo tipo de alimentos, que nunca teve antes.Conforme vai crescendo espiritualmente, você torna-se mais sensível a tudo o que o rodeia. O seu corpo dir-lhe-á o que já não tolera, como se também ele estivesse a rejeitar o que já não lhe serve. Pode estar a limpar-se de toxinas. Certas pessoas descobrem um resíduo branco na boca, parecido com a baba de corredores no fim de uma corrida.
Conselho: Isso pode ser retirado esfregando 2 colheres de azeite na boca, durante 10 a 15 minutos (não engula); depois cuspa para a retrete – não para o lavatório. Escove os dentes e, depois, limpe a escova.


8. Amplificação dos sentidos. Aumento de sensibilidade.

a) Perturbação na visão, objetos tremeluzentes, observação de partículas brilhantes, visão de auras em pessoas, plantas animais e objetos. Alguns relatam ver como transparentes os objetos normalmente opacos. Quando fecha os olhos já não vê escuridão, mas vermelhidão. Talvez veja formas geométricas, cores brilhantes e quadros quando tem os olhos fechados. As cores aparecem mais vivas. O céu pode parecer tingido ou a relva ter um verde espantoso. Conforme se vai tornando mais sensível, poderá ver formas ou riscos no ar, especialmente quando o quarto estiver mais escuro. Poderá ver formas brancas na sua visão periférica, quer com olhos abertos, quer com eles fechados.
Conselho: A sua visão está a mudar de várias maneiras; está a conhecer novas formas de ver. Seja paciente. Aconteça o que acontecer, não se assuste. Visões nebulosas podem ser aliviadas desviando o olhar. b) Aumento ou diminuição na capacidade auditiva. Audição de ruídos na cabeça, como «bips», sons, música ou sons eletrônicos. Há quem ouça água a correr, zunidos, barulhos ou toques. Há quem tenha o que se chama dislexia auditiva, ou seja, nem sempre consegue perceber o que os outros estão a dizer, como se não conseguisse entender a sua própria língua.

Algumas pessoas ouvem vozes estranhas em sonhos, como se alguém Ies estivesse a gritar ao ouvido. Nestes casos pode pedir à «isso» para se ir embora, ou pedir ao plano angélico para tomar conta da situação. Mais uma vez, não tem nada a temer.

Conselho: Renda-se. Deixe ir. Ouça. Os seus ouvidos estão a ajustar-se a novas freqüências.

c) Intensificação do sentido do olfato, tacto (toque) e/ou sabor. Há quem se aperceba de que passou a conseguir detectar o cheiro e o sabor dos aditivos químicos nalguns alimentos, de uma forma bastante desagradável. Por outro lado, alguns alimentos sabem maravilhosamente. Para algumas pessoas, esta intensificação dos sentidos é tanto maravilhosa como divertida. Pode ser possível cheirar a fragrância de flores aqui e ali. Muitos místicos fazem-no. Aproveite.


9. Erupções da pele: borbulhas, inchaços, acne, urticária e herpes.

A ira produz perturbações à volta da boca e queixo. Certa pessoa teve uma dermatite nas extremidades durante vários meses, enquanto curava um episódio do seu passado. Quando saneou a maior parte desse material, o problema foi resolvido.
Conselho: Poderá estar a deixar sair toxinas e a trazer emoções à superfície. Quando existe material que deve ser libertado e você tenta reprimi-lo, a sua pele expressará a situação por si, até que se decida a trabalhar as emoções.


10. Alternância entre vigor e cansaço

Episódios de energia intensa que o faz querer saltar da cama e agir, seguido por períodos de letargia e cansaço. O cansaço, normalmente, segue-se a grandes mudanças. Aceite, pois este é um tempo de integração.
Conselho: Flua com a natureza da energia. Não a combata. Seja gentil consigo. Durma a sesta, se estiver cansado. No caso de sentir muita energia e não conseguir dormir, escreva pensamentos ou um romance. Tire vantagem do tipo de energia.


11. Alterações na oração ou na meditação.

Talvez não sinta as sensações habituais. Não tem a mesma experiência no contado com o Espírito. Dificuldade em concentrar-se.
 
Conselho: Talvez tenha passado a estar em comunhão com o Espírito mais freqüentemente e durante mais tempo. A sensação pode ser diferente, mas acabará por se adaptar a ela. Na verdade, você passou a pensar e agir em conformidade com o Espírito. Poderá notar que os seus períodos de meditação são agora mais curtos.


12. Ondas de energia.

De repente, sente-se percorrido por energia da cabeça aos pés. E uma sensação momentânea e pouco confortável. Por outro lado, algumas pessoas sentem um frio inexplicável. Se você for um trabalhador de energia, deve ter reparado que o calor que corre em suas mãos aumentou consideravelmente. Isto é bom.
Conselho: Se sentir desconforto, peça ao seu Eu Superior para aumentar ou diminuir a temperatura.


13. Sintomas variados

Dores de cabeça, dores de costas, dores de pescoço, sintomas de constipação (chamada «constipação de vibração»), problemas digestivos, danos musculares, aceleração dos batimentos cardíacos, dores no peito, alterações no desejo sexual, dores nos membros, vocalizações ou movimentos de corpo involuntários. Há quem tenha que se defrontar e curar certos episódios da infância. Relaxe. São sintomas temporários.


14. Rejuvenescimento.

Tornar-se-á cada vez mais leve à medida que for limpando o material emocional, libertando crenças limitadoras assim como bagagem pesada do passado. A sua freqüência aumentou. Ama-se mais, assim como ama mais a vida. Comece a mostrar a perfeição que você realmente é.


15. Sonhos vivos

Por vezes, os sonhos são tão reais que acorda confuso. Também pode ter sonhos lúcidos, nos quais está no controlo: você sabe que não está a «sonhar»; o que está a acontecer é de alguma forma real. Muitos sonhos poderão ser místicos ou trazer mensagens. Lembrar-se-á daquilo que for importante para si. Não force nada. Acima de tudo, não tenha medo.

 

16. Acontecimentos que alteram completamente a sua vida

Morte, divórcio, mudança no ou do emprego, perda de casa, doença, e/ou outras catástrofes – por vezes, várias duma só vez. Trata-se de forças que o obrigam a desacelerar, simplificar, mudar, reexaminar o que você é, assim como o que a sua vida lhe diz. Forças que não pode ignorar, que o obrigam a desapegar-se, que o acordam para o amor e compaixão por tudo.


17. Libertação

Desejo de cortar com todos os padrões restritivos: empregos, estilos de vida consumistas, e pessoas ou situações tóxicas. Necessidade de «se encontrar» e de encontrar o propósito da sua vida – Agora! Quer ser criativo e livre para ser aquilo que é, na verdade. Apetência para as artes e a natureza. Desejo de cortar com coisas e pessoas que já não lhe dizem nada.
Conselho: FAÇA-O!

18. Confusão mental e emocional

Sentimento de que precisa de arrumar a sua vida, pois está uma confusão. Mas, ao mesmo tempo, sente-se caótico e incapaz de o fazer, de se concentrar. Veja o Ponto 45.
Conselho: Concentre-se no seu coração e ouça o seu próprio discernimento.

19. Introspecção, solidão e perda de interesse por atividades no exterior

Este estado apareceu de surpresa a muitos extrovertidos que, antes, se viam envolvidos em diversas atividades. Agora dizem: «Não sei porquê, mas já não gosto tanto de sair como antes».

20. Manifestações de criatividade

Recepção freqüente de imagens, idéias, música e outras inspirações criativas.
Conselho: Pelo menos registre estas inspirações, porque o Espírito está a falar consigo sobre como poderá preencher seu propósito e contribuir para a cura do planeta.

21. Percepção de que o tempo está a acelerar

Tem essa impressão porque sofreu muitas e freqüentes alterações na sua vida. A sua quantidade parece estar a aumentar.
Conselho: Repartir o dia em encontros e segmentos temporários, aumenta o sentido de aceleração.



22. Premonição

Um sentimento de que algo vai acontecer, o que pode criar ansiedade.
Conselho: Não há nada com que se preocupar. As coisas acontecem mesmo, mas a ansiedade só lhe criará mais problemas. Não há nada a temer.

23. Impaciência.

Sabe o que fazer, mas, por vezes, isso não ajuda. Quer resolver o que lhe parece estar no seu caminho. Reconheça que as incertezas são desconfortáveis.
Conselho: Aprenda a viver com incertezas sabendo que nada lhe aparecerá à sua frente, se não estiver pronto. A impaciência é, na realidade, uma falta de confiança, especialmente no seu Eu Superior. Quando focar o presente, verá milagres a acontecerem.

24. Despertar

Talvez um interesse pelo Espírito surja, pela primeira vez, na vida. Uma chamada profunda para o significado da vida, para o seu propósito. Ligação espiritual e revelação. Um “constante desejo ardente” como lhe chama K.D. Lang. A vida mundana não preenche este vazio.
Conselho: Siga o seu coração, e o caminho ser-lhe-á mostrado.

25. Ser diferente dos outros

Um sentimento estranho de que tudo na sua vida parece novo e alterado, que deixou o seu eu antigo para trás. E deixou! Está muito maior que pode imaginar. E há mais para vir!

26. Ajudas de vários tipos

Aparecem «professores» em todo o lado, no momento certo, para ajudar à sua caminhada espiritual pessoas, livros, palestras, filmes, acontecimentos, Mãe Natureza, etc. Estes «professores» podem parecer negativos ou positivos, mas, de uma perspectiva transcendente, são sempre perfeitos. Surgirá, precisamente, o que tiver que aprender.
Conselho: Lembre-se de que nunca receberemos mais do que aquilo que estamos preparados para lidar. Cada desafio apresenta-nos uma oportunidade para provarmos a nossa mestria na sua superação.

27. Compreensão súbita

Encontro de uma pista espiritual, que faz sentido para si e que lhe «toca» nos mais profundos níveis. Repentinamente, obtém uma perspectiva que nunca tinha considerado. Tem fome de mais. Lê, partilha os conhecimentos com outros, faz perguntas, e vai ao fundo, para descobrir quem é e porque está aqui. Corre o risco filosófico de se perguntar «Por que Existo?».

28. Rapidez de aprendizagem

Aprende depressa. Sente que está «a apanhar» bastante rapidamente.
Conselho: Lembre-se que as coisas lhe chegarão quando estiver pronto para lidar com elas. Não antes. Lide corajosamente com o que for surgindo e, assim, avançará rapidamente.

29. Presenças invisíveis

Algumas pessoas dizem que, à noite, se sentem rodeadas por seres, ou têm a sensação de serem tocadas ou de que «alguém» lhes fala. Por vezes, acordam. Outras pessoas sentem as órbitas oculares vibrarem. Estas vibrações são causadas pelas mudanças energéticas, depois de feita a limpeza emocional.
Conselho: Este é um assunto sensível, mas talvez se sinta melhor se, antes de adormecer, abençoar a sua cama e o espaço à sua volta. Adormeça, na certeza que está rodeado pelos mais magníficos seres espirituais e que está em segurança, ao cuidado de Deus. Não se culpe por ter medo de vez em quando.

30. Presságios, visões, números e símbolos

Vê coisas a que dá significado espiritual. Repara na sincronicidade dos números. Tudo tem uma mensagem se se der ao trabalho de reparar.

31. Intensificação de integridade

Reconhece que é tempo para viver e falar a sua verdade. Subitamente, parece-lhe importante ser mais autêntico, mais você mesmo. Talvez tenha que dizer «não» a pessoas a quem tentou agradar no passado. Achará intolerável manter-se num casamento, emprego ou sítio, que já não se coaduna com o que você é atualmente. Igualmente, talvez se dê conta de que já não tem nada a esconder ou segredos a manter. A honestidade torna-se importante em todos os seus relacionamentos.
Conselho: Ouça o seu coração. Se o seu interior lhe disser para não fazer algo, fale alto e aja. Diga «não».
 
Da mesma forma deverá dizer «sim» àquilo que considera válido. Deve arriscar não agradar aos outros, sem culpas, de forma a atingir a soberania espiritual.

32. Harmonia com épocas e ciclos

Sente-se mais sintonizado com as estações do ano, fases da lua e ciclos naturais. Maior entendimento sobre o eu lugar no mundo. Uma forte ligação à Terra.

33. Desarranjos elétricos e mecânicos

Consigo por perto, as luzes vão abaixo, o computador bloqueia ou o rádio perde a sintonia.
Conselho: Chame os seus anjos ou guias para os arranjar, ou colocarem um campo protetor nas máquinas. Imagine o seu carro rodeado de luz azul. Aprenda a rir…

34. Aumento da sincronicidade

Se ocorrem muitos pequenos milagres… espere por mais!
Conselho: Situações sincronizadas dizem-lhe que está a agir na direção certa ou a fazer as escolhas acertadas. O espírito usa a sincronicidade para comunicar consigo. Começou a viver os milagres diários. Veja ponto 30.

35. Desenvolvimento das habilidades intuitivas e alteração de estados de consciência

Pensar em alguém e imediatamente saber desse alguém. Mais sincronismo. Ter percepções internas sobre padrões ou acontecimentos passados. Ver o futuro, ter experiências fora do corpo e outros fenômenos físicos. Intensificação da sensibilidade e do conhecimento. Entender a sua própria essência e a dos outros.

36. Comunicação com o Espírito

Contacto com anjos, guias espirituais e outras entidades divinas. Canalizar informação. Cada vez mais pessoas parecem estar a receber esta oportunidade. Sentir inspiração e obter informação, que toma a forma de escritura, pintura, idéias, comunicações, dança, etc.

37. Sentimento de Unidade.

Experiência direta de União. Conhecimento transcendente. Compaixão e amor por tudo o que vive. Compaixão desligada ou amor incondicional por tudo, o que nos leva a mais altos níveis de consciência e júbilo.
38. Alegria e benção
Um profundo e permanente sentido de paz e acompanhamento.

39. Integração

Torna-se mais forte e mais leve emocional, psicológica, física e espiritualmente. Sensação de alinhamento com o Eu Superior.

40. Viver o seu propósito

Sabe que está, finalmente, a fazer aquilo que o trouxe à Terra. Novas aptidões e dons estão a emergir, especialmente os de cura. A sua vida/trabalho está, agora, a convergir e a começar a fazer sentido. Vai usar, finalmente, todas estas aptidões.
Conselho: Ouça o seu coração. A sua paixão leva-o para onde deve estar. Deixe-se ir, e pergunte ao seu Eu Interior: «O que queres que eu faça?» Tome atenção às sincronicidades. Ouça.

41. Sentir-se mais perto dos animais e plantas

Para algumas pessoas, os animais parecem ser mais «humanos» no seu comportamento. Os animais selvagens mostram menos medo. As plantas respondem ao amor e à atenção que você lhes, agora mais que nunca. Algumas até podem ter mensagens para si.

42. Visualização de seres de outras dimensões

O véu entre dimensões é cada vez mais fino, pelo que este fato não surpreende. Mantenha-se no seu posto. Dado que você tem mais poder do que imagina, não receie nada. Peça ajuda aos seus guias, no caso de sentir que escorrega para o medo.

43. Refinamento da visão

Visão de formas mais verdadeiras das pessoas; visão de pessoas queridas com uma face diferente – vida passada ou vida paralela.
44. Manifestação física de pensamentos e desejos
Tudo isto passa a ocorrer de forma mais rápida e eficiente.
Conselho: Controle os seus pensamentos. Pois todos eles são orações. Tenha cuidado com o que pede.

45. Hemisfério esquerdo confuso

As suas habilidades físicas, o seu saber intuitivo, os seus sentimentos e compaixão, a sua forma de sentir o corpo, a sua visão, a sua expressão, todos emanam do lado direito do cérebro. Para que esta parte do cérebro se desenvolva melhor, o lado esquerdo do cérebro deve «abrandar».

Normalmente, a capacidade do hemisfério esquerdo de ordenar, organizar, estruturar, alinhar, analisar, rever, precisar, concentrar, resolver problemas, e aprender matemática, domina o nosso menos valorizado cérebro direito. Daqui resulta: lapsos de memória, colocação de palavras na seqüência errada, falta de habilidade ou falta de vontade de ler durante muito tempo, falta de concentração, esquecer-se do que ia dizer, impaciência com formas lineares de comunicação (áudio ou escrita), dispersão, perca de interesse em investigar ou em informação complexa; sentimento de ser bombardeado com palavras, conversas e informação. Relutância em escrever. Por vezes sente-se «obtuso» e não tem interesse em analisar, viver discussões intelectuais ou investigar. Por outro lado, pode sentir-se inclinado ao que tem significado: vídeos, revistas com fotografias, trabalhos artísticos, filmes, música, escultura, pintura, estar com pessoas, dançar, jardinar, andar a pé, e outras formas de esforço muscular. Pode procurar informação espiritual, ou até ficção científica.
Conselho: Se permitir que o seu coração e o lado direito cerebral o orientem, o cérebro esquerdo será ativado apropriadamente para o ajudar. Um dia, estaremos bem equilibrados, usando ambos os hemisférios com maestria.

46. Vertigens

Isto acontece quando não está estabilizado. Talvez tenha acabado de limpar uma grande carga emocional e o seu corpo esteja a ajustar-se ao seu estado mais «leve».
Conselho: «Aterre» comendo proteínas. Algumas vezes, os «alimentos que consolam» são os certos. Não rotule nenhum tipo de comida como boa ou má para si. Utilize a sua intuição para saber do que necessita em dado momento. Tire os sapatos e ponha os pés na relva, por uns minutos.

47. Quedas, acidentes, fraturas

O seu corpo não está estabilizado ou talvez a sua vida esteja desequilibrada. Talvez o corpo esteja a dizer-lhe para abrandar, examinar certos aspectos da sua vida ou a curar certos bloqueios. Procure o significado da mensagem.
 

Conselho: Caminhe na terra ou na relva; melhor, deite-se na erva com um cobertor por cima. Sinta a terra por baixo. Passeie na natureza. Abrande e preste atenção. Veja o que está a fazer. Sinta os sentimentos quando estes brotam. Fique no presente. Cerque-se de luz azul quando se sentir confuso.

48. Palpitações cardíacas

Um coração apressado geralmente é acompanhado por uma abertura. Só dura alguns momentos, e quer dizer que o coração está a equilibrar-se depois duma libertação emocional.
Conselho: Consulte o seu médico ou terapeuta sempre que for preciso ou não se sinta bem.

49. Crescimento rápido de cabelo e unhas Significa que está a ser utilizada mais proteína no corpo.


 
50. Desejo de encontrar a sua/seu parceiro certo

Mais que nunca, a idéia de que podemos ter uma relação ideal parece mais desejada.
Conselho: A verdade é que devemos ser o tipo de pessoa que queremos atrair. Temos que gostar de nós e do sítio onde nos encontramos agora, antes de podermos atrair um parceiro mais «perfeito». O trabalho começa em casa: retenha o desejo por aquela pessoa no seu coração, mas sem apego. Espere que algum dia irá encontrar alguém que se ajuste mais a si, mas não mantenha expectativas de quem será e de como se passará. Centre-se, antes do mais, em limpar a sua vida e ser a pessoa que quer ser. Seja feliz agora. Goze a vida. Depois verá…

51. Memórias

Memórias de superfície, memórias de corpos, memórias suprimidas, imagens de vidas passadas e/ou vidas paralelas. Porque estamos a curar e a integrar todos os nossos «eus», espere por alguma destas experiências.
Conselho: O melhor é prestar atenção só ao que lhe vem à mente. Deixe o resto, não analise tudo ao pormenor (senão ficará atolado de material antigo) e sinta os sentimentos conforme eles forem

sábado, 4 de dezembro de 2010

QUESTÕES SOBRE A AURA

 


O que é a aura humana?
A aura humana é uma força energética evolutiva, que reúne todas as nossas informações físicas e metafísicas, que sustenta a vida e caracteriza o ser humano. Sem ela, não poderíamos existir. Ela é uma radiografia de todas as nossas vidas desde o momento de nossa formação espiritual e contem dados sobre o passado, sobre a vida presente e até mesmo tendências futuras.
 
A aura é sempre visível?
Sob condições adequadas, que discutiremos mais adiante, a aura pode ser vista por quase todos. Embora de maneira geral sua visualização constitua um processo natural e espontâneo, o aperfeiçoamento da nossa capacidade de vê-la quase sempre requer a pratica, em algum grau, de procedimentos sistemáticos. Pelo exercício e pela experiência, é possível desenvolvermos a faculdade não só de ver a aura, mas também de interpreta-la.
 

Existem equipamentos especiais para visualização da aura?
Embora haja alguns dispositivos que ajudam, tais como óculos especiais, em geral, não há necessidade de equipamentos especiais, os quais na verdade poderiam dificultar a visualização, em alguns casos. Existem também vários tipos da maquinas fotográficas, incluindo a que é usada na eletrofotografia, que podem ser empregados para registrar a aura (ou detalhes dela). Contudo, em razão de contínua transformação da aura, a utilidade desses aparelhos é limitada, exceto como instrumentos de pesquisa.
 
As crianças vêem a aura?
A aura é um fenômeno natural, e é comum as crianças – sem qualquer treinamento em procedimentos sistemáticos de visualização – relatarem que costumam vê-la. Todavia, com a maturidade, a nossa capacidade de visualização espontânea diminui e pode acabar escondida no subconsciente. É concebível, entretanto, que continuemos a ver e a reagir à aura no nível subconsciente pelo resto da vida.
 
Minha aura se mantém inalterada no dia a dia?
A aura constitui um sistema dinâmico e evolutivo, portanto, sujeito a uma continua transformação. Embora sua constituição exclusiva, ou estrutura básica, seja normalmente estável, o sistema áurico dispõe de flexibilidade suficiente para alterar sua coloração, intensidade, amplitude e freqüência.
 
Posso ver a minha própria aura?
Actualmente existem técnicas extremamente eficazes para visualizarmos a nossa aura. Descreveremos vários desses procedimentos.
 
Até que distância do corpo físico a aura se estende?
A despeito de a aura visível, como é usualmente visualizada, estender-se apenas a alguns centímetros do corpo (linha branca), é possível que uma aura inteira , enquanto fenómeno energético se estenda ao infinito. É bastante provável  que a aura humana esteja em constante interação com outras dimensões de tempo, espaço, energia e matéria.
 
O meio ambiente interfere na aura?
A aura é sensível à totalidade do nosso ambiente interno e externo. Os factores mentais, físicos, espirituais interagem constantemente para actuar sobre a aura. Traços de personalidade, condições de saúde, interesses pessoais, questões sociais, estados emocionais e as circunstancias do momento podem exercer um efeito drástico e imediato sobre a aura. Mesmo eventos distantes, globais ou cósmicos, podem alterar a aura.
 
Condições adversas que podem afetar a aura.
Uma vasta gama de estados mentais negativos, tais como ansiedade, hostilidade e frustrações, podem exercer um efeito devastador sobre o corpo e drenar a energia do sistema áurico. Da mesma forma, a falta de auto-estima, um conceito desfavorável sobre si mesmo e relação sociais negativas podem debilitar a aura e reduzir seriamente seu suprimento de energia. Os poluentes ambientais e certas substâncias presentes nas drogas podem temporariamente descolorir a aura ou diminuir sua extensão.
 
Factores positivos que atuam sobre a aura.
O amor, a força mais poderosa do universo, invariavelmente expande, ilumina e energiza a aura. Dentre os demais fatores que a fortalecem destacam-se uma imagem positiva de si mesmo, sensação intensa de bem-estar, equilíbrio e harmonia interiores e interesse genuíno pelos outros. Cada esforço para ajudar o próximo ou para tornar o mundo um lugar melhor injeta uma energia que se irradia por todo o sistema áurico.
 
Qual a importância psíquica da aura?
Por constituir uma crônica da historia de cada individuo, a aura pode fornecer informações importantes e não disponíveis por meio de outras fontes. Um número cada vez maior de evidências sugere que, alem das experiências de vidas passadas e presente, os eventos futuros, positivos e negativos, podem estar registrados na aura. Sua simples visualização é capaz de ativar nossas faculdades psíquicas, incluindo telepatia, premonição e clarividência.
 
Todas as auras tem cor?
A aura humana jamais perde a coloração. Embora a intensidade e a distribuição de cores possam variar consideravelmente, em termos gerais, a aura se caracteriza pela predominância de uma cor numa estrutura áurica relativamente estável. Embora às vezes se observem áreas brancas, a aura inteiramente branca, que significa perfeição, não existe.
 
Os animais tem aura?
Assim como os seres humanos, todos os animais tem aura, embora suas características sejam substancialmente diferentes da aura humana. A aura dos animais é normalmente menos complexa no que se refere à estrutura, mas sua coloração á mais intensa do que a nossa. Comparada à aura dos animais selvagens, a aura dos animais domesticados tem uma amplitude maior e uma coloração mais suave. Curiosamente, a aura dos animais de estimação freqüentemente assume certas características de coloração, inclusive a cor dominante, dos seus primeiros donos. Com exceção dos animais doentes ou estressados, tais como aqueles que foram retirados da vida selvagem e colocados numa jaula, raramente se constata descoloração na aura dos animais.
 
 As plantas tem aura?
Todas as plantas, qualquer que seja o seu porte, são dotadas de sistemas energéticos próprios, alem de um campo energético que as circunda, o qual, embora não seja habitualmente chamado de aura, apresenta algumas características semelhantes às da aura dos seres humanos e dos animais.
Em muitos casos, os padrões energéticos ao redor das plantas aparecem como uma extensão iridescente de sua estrutura básica e de suas cores. Percebemos ao longo de experiências que a nossa interação com a vida das plantas, especialmente das arvores, pode influenciar o nosso próprio sistema energético.
 

Qual a relação entre a aura e o corpo físico?
A aura é uma manifestação visível da força vital que energiza a totalidade do nosso ser – físico, mental e espiritual. Sem essa força vital que o energiza, o corpo físico não funcionaria. Embora o corpo físico dependa da força vital refletida na aura, essa força vital independe do corpo físico. A aura, ao manifestar a força vital que serve de base para a nossa existência, também manifesta a nossa imortalidade como seres espirituais.
 
Qual a relação entre a aura e corpo astral?
O corpo astral, às vezes chamado de corpo etérico, é o correspondente não físico do corpo biológico. Ambos são mantidos pelo mesmo sistema energético de origem cósmica – o corpo astral em caráter permanente e o biológico, apenas temporário. Sem essa fonte de energia, não poderíamos existir fosse sob a forma física, mental e espiritual. Como já observado aqui, a aura humana é a manifestação visível dessa fonte de energia.
 
Qual a relação entre a aura e consciência?
A percepção consciente constitui a essência da nossa existência como fonte permanente de energia. A consciência individual é energia cósmica especialmente projetada para assegurar tanto a nossa individualidade como a nossa imortalidade. A nossa existência como entidade consciente é sustentada por um sistema de energia que compreende a aura e seu núcleo. É bastante freqüente considerar-se esse núcleo como a eterna centelha da divindade que nos liga às nossas origens espirituais e dê sentido e permanência à nossa existência consciente.
 
O que acontece com a aura na morte?
A morte, mais do que um término de nossa existência como ser consciente, é o portal para um nova e estimulante dimensão de crescimento continuo. Embora na morte, o corpo físico “expire” como forma de vida, o não físico permanece energizado ao ascender para o plano extrafísico.  Neste plano, a força vital permanente, refletida pela aura, continua sendo a mesma força vital de energização da nossa existência como entidades conscientes. Em alguns casos, a aura desprendida é visualizada como uma forma brilhante de energia que se ergue suavemente do corpo físico no momento da morte.
Em resumo, o sistema áurico humano está intimamente ligado a totalidade do nosso ser, permeando-nos e energizando-nos nos níveis físicos, mental e espiritual. É uma crônica em permanente evolução das nossas vidas, desde os nossos primórdios até o presente. É a manifestação do nosso destino de permanência e grandiosidade. Embora sua estrutura básica seja relativamente estável, é sempre sensível e reage ao nosso esforço de dirigi-lo.
Agora equipados com uma compreensão mais profunda da aura e de sua poderosa natureza, estamos prontos para explorar as novas e instigantes dimensões da mente, do corpo e do espírito. A nossa missão – dominar as novas estratégias que energizam a nossa vida no presente e nos preparam para um crescimento ilimitado no futuro.

sexta-feira, 3 de dezembro de 2010

"colocar as coisas no lugar certo"



A principal premissa do Ho'oponopono decorre do sentido da tradução da palavra, chegada até nós a partir da cultura havaiana. Traduzindo, Ho'oponopono significa "colocar as coisas no lugar certo", ou em termos mais simples, para consertar as coisas.

 
Cada um de nós tem coisas a corrigir (na verdade, coisas a serem limpas) e o Ho'oponopono não é apenas uma maneira de se corrigir ou limpar qualquer limitação que possamos imaginar, mas só este fato já nos é tão amigável que não há razões para não se tomar vantagem desta técnica tão poderosa.

O conceito básico por trás do Ho'oponopono requer, antes de tudo, perceber a verdade imutável que tudo em nossa vida vem "de dentro" de nós. Não há "lá fora...".

Nós somos uma "Unidade" - um complexo de todas as coisas, em todos os momentos. Pode ser difícil para alguém entender isso logo de primeira, mas é verdade. Simplesmente nós somos extensões da Grande "Fonte de Energia", que é o "Elemento" que permeia o universo inteiro.

Então, se nós somos feitos de energia, e por isso, com base na física quântica, todos somos criadores de nossas vidas. Isto é um fato inegável. Tudo é criado por nós mesmos - repito, com a autorização da Divindade, que nos torna seus assistente na grande Obra da Criação, portanto, "co-criadores".

Tudo o que você ver, ouvir, sentir, cheirar, tocar, pensar, lembrar, causa uma reação emocional, logo, refletindo a sua criação. E sim, inclusive as coisas boas, mas também incluindo as não tão boas. Cada uma destas coisas existem porque em algum nível de consciência, espaço ou tempo, foi você quem fez existir... Isso nos traz de volta ao Ho'oponopono.

Se tudo o que percebemos no mundo existe porque nós criamos e, é claro, percebemos, tente imaginar o tamanho do poder maravilhoso que você tem em suas mãos!

E nós sempre podemos optar por usá-lo a nosso favor ou contra nós. Não, eu não estou falando de milagrosamente se gerar dinheiro ou riqueza a partir do zero, ou, da noite para o dia, nos livrarmos de parentes e amigos irritantes ou problemáticos.

Mas você pode conduzir, criar sua vida para que muito ou mais dinheiro chegue até você, atraindo a prosperidade, e que seus parentes e amigos que lhe causam problemas parem de causar, deixando de ser incômodos para você.
COMO POSSO FAZER ISSO COM O HOOPONOPONO?

Ao aceitar simplesmente sua própria responsabilidade. Quando você realmente pode digerir o fato de que está literalmente criando cada fato de sua existência, desde a menor molécula até a mais complexa ou maravilhosa situação, então você percebe que pode mudar todas essas coisas, porque você é responsável pelo fato de tudo isso existir.

Você pode fazer isso simplesmente mostrando gratidão por todas as coisas ou pessoas que causam alegria em sua vida, e mostrando o perdão para tudo aquilo ou aqueles que lhe causam dissabor, em vez de tentar eliminar ou mandá-los embora (se fizer isso com facilidade, por favor, me ensine).

Vamos ver se você prestou atenção:

Se você é responsável por todas os fatos em sua vida, tanto o bonito quanto o feio, você tem o poder de reduzi-los, eliminá-los, ou permitir que eles cresçam ou continuem acontecendo, simplesmente mostrando gratidão ou perdão para com eles. Será que podemos fazer isto neste exato momento?



........ Ok, tempo para pensar sobre o assunto.

VOCÊ! Se você criou algo maravilhoso, agradeça por isso. Se você criou algo terrível, perdoe-se por fazê-lo, certificando-se de que não volte a acontecer no futuro.

Aqui fica difícil de engolir, mas estes conceitos são verdadeiros, tanto a nível de microcosmo e macrocosmo:

Você é responsável por tudo que faz parte de sua vida! Terrorismo é culpa sua. Assassinatos são culpa sua. A fome e a doença são culpa sua. Corrupção (e quanta corrupção...), violência, altos impostos são culpa sua. Isso dói, né? Você pode apostar que sim.

Mas aqui está a boa notícia:

O Amor é culpa sua. O nascimento bem sucedido de uma criança é culpa sua. Os amigos, a família, culpa sua. Milagres na medicina são culpa sua. Animais de estimação que alegram seu dia são culpa sua. A curiosidade de uma criança é sua culpa. A Felicidade pura, é tudo culpa sua! Tá bom, vamos trocar, nestes casos, "culpa" por "criação"!



Você começa a ver o seu poder agora? Você pode fazer ou refazer tudo! De fato, pode, sim. Mesmo agora, neste momento, quando você estiver lendo este artigo, pode ao mesmo tempo estar colaborando para a criação ou destruição de seu mundo.



Se você vai para a cama à noite e não consegue dormir, você criou isso. Quando coloca a cabeça no travesseiro e tem a melhor noite de sono de sua vida, você criou, também. Quando você se levanta de manhã e chove tanto que você nem imagina como chegar ao trabalho... tá, não vou falar! Mas quando você se levanta e se depara com um lindo dia, é criação sua - ficou melhor, né?



Observe com mais atenção todo o bem, mal, tudo e todos à sua volta. E você pode verificar isso para aumentar a sua gratidão e sua capacidade de perdoar. Mas principalmente, para ajudar a todos que você possa. Assim, estará praticando o Ho'oponopono em sua vida, a serviço do BEM.

 
UM POUCO DA PRÁTICA...

Várias pessoas têm diferentes maneiras de invocar o poder do Ho'oponopono, mas desde que eu iniciei meu convívio com Al McAllister, seguindo suas orientações, e para fazer a conhecida "limpeza de memórias limitantes", posso afirmar que é plenamente eficaz se ter em mente e pronunciar as quatro seguintes frases:

"Sinto muito"
"Perdoe-me"
"Eu te amo"
"Sou grato"

Devemos repetir frequentemente essas quatro frases (ou uma combinação delas) tanto quanto possível, todos os dias, logo que percebemos a necessidade de amar as pessoas e a nós mesmos, afirmando setirmos muito toda vez que fizermos algo errado, pedindo perdão pelos erros (a nós e a outros prejudicados), e agradecendo cada vez que algo belo acontece conosco, ou mesmo algo desagradável.

Lembre-se que a tradução literal do Ho'oponopono é trazer as coisas de volta para o seu eixo. Desde que você é co-criador de sua vida, no sentido de sermos Obreiros de nosso destino autorizados por DEUS, você tem o poder de criar o mundo "direito", ou seja, do jeito que ele tem de ser, do jeito que Deus o fez. E você pode fazê-lo dizendo, confiando e agindo em consonância com essas quatro sentenças.

Sei que para alguns pode parecer impossível aceitar o fato de que nós estamos literalmente criando o que acontece em nossa vida, e que portanto podemos mudar o rumo das coisas.

Aqui está mais um teste: se você acredita em nada disso, quem criou esta descrença? Eu? Eu, não!

Pense sobre isso.



 - por Rafael Silva

Tarot de OSHO clik

Se gosta de ERVAS e ESPECIARIAS CLIK

Se lhe interessa a NOVA ERA Clik

quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

FELIZ ANO ANOVO




Para os bons momentos, gratidão. Para os maus, esperança. Para cada dia, uma ilusão. E sempre, sempre, felicidade. É o que VOS desejo neste ano novo!

ANO NOVO

 
 
 
… e mais um ano se foi, tá indo, só falta um dia… para começar…  mais um … novo…
mais um ano da minha vida, mais um ano da minha caminhada, mais um ano que se me encara cheio de oportunidades, expectativas, miras, mas que, e também, mais um ano que se me depara cheio de indeterminações… ambiguidades, hesitações, interrogações, vacilações….
meu costume neste trânsito, pensar tantas vezes e quando estou sozinha … como se fosse a primeira vez…  com tanta paixão… e nas horas que passam por mim … sempre perto dos derradeiros dias , não antes, daquele  período que está a findar  … imaginar… iludir … que vou ser feliz no ano que está prestes a brotar,  sonhar com uma nova oportunidade de metamorfose, a transmutação daquilo que nunca até à data completei ou tive forças para obrar, mudanças de algo que, conjecturo, imagino , com  o trânsito de um ano para o outro vou alcançar….  e afianço  a mim mesma… vou neste ano que começa … reformar, vou fazer aquilo e o outro que até agora não fiz e sempre aprazei, vou preocupar-me mais comigo,  vou fazer tal e tal que não tive coragem ou disposição de fazer até agora, e vou… vou.. vou… mudar (…)
e  a noite vem e tocam as badaladas, dá a meia noite, e no segundo seguinte começa um novo ano,  na minha vida, grito, bebo, brindo,  canto, danço até à exaustão, e todos os mais “os” que possam existir,  e…. no dia seguinte, quando amanhece, o mais provável é nem sequer chegar a ver o amanhecer do dia em que tudo deveria começar a mudar… estarei, provavelmente, atordoada  num sono profundo, reabilitador, da noite que passou e que começou à poucos momentos pois tentei utilizar a noite até ao limite das minhas forças… no sonho que vivo…
e quando acordo… no novo ano,  tudo está igual, as pessoas que me rodeiam  estão iguais, reagem iguais, a casa está igual, as sombras continuam a lá estar, a carregar… carregar… não desapareceram com a entrada do novo ano, as feridas continuam doendo…nada mudou… a esperança sentida dias atrás vai-se desvanecendo… segundo a segundo… a alma continua vazia e os olhos, meus olhos, continuam cheios  de desprazer… vou fazendo tudo aquilo que não queria, não quero , e pouco a pouco vou -me rendendo,  afinal nada mudou….  apenas ficou a minha palavra … de mudança … mentindo a mim mesma, logo quando eu mais precisava mudar… mudar por dentro, logo nesse momento , nesse instante de princípio do ano…  já não vivo … por mim … e a falta de amor… pela minha pessoa,  que  desprezou  todas as promessas feitas num final de ano cheio de esperanças, momentos atrás, pinta o meu coração de dor, numa dor  que mata por dentro, marca de sofrimento… com um nó no coração
….e assim é o meu viver .. todos os fins de ano e começos do novo …não sei porquê mas comigo é sempre assim…

quinta-feira, 23 de dezembro de 2010

FELIZ NATAL


DESEJO DO FUNDO DO MEU CORAÇÃO UM NATAL ESPECIAL PARA TODOS OS MEUS SEGUIDORES E PARA TODOS OS VISISANTES DESTE MEU BLOG.

AFINAL NO NATAL COMEMORA-SE O NASCIMENTO DE JESUS, AQUELE QUE FOI UMA DAS ALMAS MAIS BONITAS E ESPECIAIS QUE PISOU O NOSSO PLANETA TERRA, SEM SEGUIR QUALQUER RELIGIÃO NEM A IMPOR, MOSTROU-NOS QUE O CAMINHO É A PAZ, HARMONIA ENTRE TODOS, O AMOR INCONDIOCIONAL A TODOS OS SERES VIVOS, O RESPEITO, E ACIMA DE TUDO, AJUDARMO-NOS UNS AOS OUTROS SEM QUALQUER DISCRIMINAÇÃO  PARA ALCANÇARMOS A TÃO DESEJADA E PROCURADA FELICIDADE.

BEM HAJAM E PROCUREM SER FELIZES COMO ELE DITOU

DEIXO AQUI A MINHA GRATIDÃO POR VIVER NUM PLANETA QUE FOI ABENÇOADO POR UM SER ASSIM.

FELIZ NATAL A TODOS

quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

FELIZ NATAL PARA TODOS




Milagre de natal


Quero neste Natal
Desejar não somente que tenha muitas felicidades neste dia
Mas sim que Milagres te dominam,
E te faça perceber que Natal
Não está somente na virada do dia 24 de Dezembro para o dia 25,
Mas está em todos os dias do ano.
Nesta virada está apenas a concretização de todos os desejos
Feitos durante todo o ano que se passou.
A noite de Natal é fantástica
A cidade fica toda iluminada,
As pessoas sorridentes,
E em instante tudo fica em paz...
O Milagre do Natal
Está no nascimento de nosso salvador
Jesus Cristo,
Ele com toda certeza não deseja um único instante de paz,
Mas deseja que todos tenham um milagre dentro de si.
O céu se ilumina,
Em homenagem a este dia tão sagrado entre todas as famílias.
Os pedidos são de prosperidade, paz e amor...
Mas se Natal é todos os dias do ano,
Por que então deixar para desejar felicidades
Somente em um único dia destes 365???
O Milagre de Natal está no sorriso que no dia-a-dia
Encontramos nas pessoas andando nas ruas,
Nas crianças brincando,
Enfim
O Milagre Natalino está no desejo de cada um de ser feliz.
Pois Milagres existem sim,
Principalmente com tamanha benção de Deus,
Muitas Glórias, Conquistas e Emoções podem ser desejadas
Pois o Natal do dia 25 está chegando,
Faça seus desejos e acredite em todos eles,
Pois estão prestes a se concretizar nesta noite especial...
FELIZ NATAL!!!
E MUITA PROSPERIDADE NESTE DIA
E EM TODOS OS DIAS DO ANO
QUE ESTÁ PRESTES A NASCER!!!

Autor Desconhecido

quinta-feira, 9 de dezembro de 2010

Titanic

desesperança desaparece

desesperança desaparece

Disseram a Osho: Não tenho uma pergunta - apenas um sentimento de desesperança. Não acredito em minhas perguntas, sinto que elas vêm de algo frágil e irreal.

Como surge essa desesperança? Você deve estar esperando demais; ela vem do excesso de esperança.

Se você não espera, toda a desesperança desaparece. Se espera demais, a frustração é garantida . Se está querendo ter sucesso, fracassará com certeza. Tudo aquilo que você tenta com afinco exagerado produz o contrário.

Você deve estar querendo com muito afinco concretizar alguma esperança, e é aí que surge a desesperança. Se quiser mesmo se livrar da desesperança - e todo mundo quer -, então livre-se da esperança.

Abandone toda esperança e de repente verá que, com ela, a desesperança também desaparece. Assim você alcançará a tranquilidade interior, na qual não há esperança - e tampouco desesperança. Estará simplesmente calmo, quieto e sereno - um reservatório profundo de energia, um lago fresco de energia.

Mas, para isso, você precisa sacrificar a esperança. A questão mostra que você ainda está esperando... Vá um pouco mais fundo e mais longe - se estiver totalmente sem esperança, a desesperança desaparece.

Osho,

Sinta-se assim ...

domingo, 5 de dezembro de 2010

Fotos Kirlian

Fotos Kirlian 

 

 

Próximo ao final do ano de 1939, em uma pequena cidade ao sul da antiga União Soviética, Semyon Davidovit Kirlian, um eletricista famoso pôr seus bons serviços de manutenção em equipamentos eletro-eletrônicos, obtinha acidentalmente (ou não), a primeira Foto Kirlian da história. Ao ser chamado para consertar um aparelho de eletromedicina de um hospital local, Kirlian encostou a mão em uma peça energizada e foi vítima de uma fortíssima descarga elétrica. No momento do choque, ele observou que entre seus dedos e a peça energizada, formavam-se interessantes e maravilhosas luminescências azuladas. Sem saber o que havia descoberto, e sem se preocupar muito com a dor, ele novamente encostou sua mäo na peça energizada, só que desta vez com um filme fotográfico entre eles e na mais completa escuridão. Ele colocou o filme no revelador e a medida que a foto era formada, Kirlian se deparava com maravilhosos matizes e raios, que aos poucos iam tomando a forma de sua mäo.
É claro que naquela época Kirlian nem se quer imaginava o que havia descoberto, e mesmo sem saber o que aquelas estranhas formas podiam revelar, ele continuou suas pesquisas, sempre muito bem apoiado por sua esposa Valentina que sempre estava disposta a ser sua "cobaia" nas fotos.
O tempo foi passando e Kirlian desenvolveu aparelhos que pudessem lhe proporcionar as fotos sem a desagradável dor e os malefícios das descargas elétricas. Certa vez se deparou com uma foto estranha, diferente do "padrão" que estava acostumado a obter. Kirlian testou todos os componentes da máquina, tirou novas fotos e as mesmas estranhas formas estavam presentes. Poucos dias depois ele adoeceu com sérios problemas cardíacos, provavelmente conseqüentes das experiências com a alta voltagem, só que a estranha foto que tirou de seu próprio dedo já lhe mostrara isso, mesmo antes dele adoecer.
Quando os cientistas ficaram cientes desse fato, estes juntamente com os líderes estaduais passaram a dar certa atenção às pesquisas que Kirlian e sua esposa vinham fazendo. Certa vez um cientista levou duas folhas aparentemente de um mesmo vegetal para que Kirlian as fotografasse. Ao revelar as fotos, uma delas apresentava maravilhosos contornos luminescentes, enquanto a outra apenas manchas ou borrões luminosos podiam ser vistos. Somente após chamar o cientista à sua casa é que Kirlian ficou sabendo que o vegetal cuja folha proporcionou a foto ruim já havia até morrido, contaminado com uma doença. Somente então é que o trabalho que Kirlian vinha realizando tornou-se realmente reconhecido.

De lá para ca muita coisa aconteceu, muitas pesquisas foram feitas, muitas dúvidas foram levantadas e muitas especulações foram feitas em cima do que realmente estava se obtendo com as fotos Kirlian.
Mas e hoje ? Depois do polêmico "Efeito Kirlian" já ter sido mais do que testado, duvidado e comprovado, será que sua total aceitação e viabilidade de uso em diagnósticos de doenças, não foi possível até agora porque nos falta um "elo" de conhecimento que nos possibilite entender exatamente o que é obtido nessas fotos ?
 
De acordo com a milenar cultura oriental, sabemos que os raios solares ao incidirem sobre a Terra, não produzem apenas ondas de calor, mas em contato com as camadas de gases que nos envolve, formam partículas de energia que foram chamadas de "Ki" ou "Prana" ou ainda, de "Energia Vital", que são responsáveis pela "manutenção energética" da vida em nosso Planeta, equilibrando energeticamente e literalmente "mantendo vivo" tudo que se encontra a nossa volta e, inclusive, nós mesmos. Através de pesquisas, foi constatado que a maior parte dos óbitos de pacientes dos hospitais ocorre durante a noite, exatamente quando a quantidade de "Prana" presente no ar diminui consideravelmente, comprovando sua extrema importância na vida de nosso Planeta!
Todos os seres vivos e todas as coisas que podemos encontrar a nossa volta, está constantemente trocando energias com o meio, buscando sempre o "equilíbrio", sejam estas energias em forma de ondas de calor, ondas magnéticas, eletromagnéticas e etc. O mesmo ocorre em relação ao Prana, que é assimilado por tudo e, no caso dos seres humanos, entra principalmente através dos três primeiros "CHAKRAS", alimenta os "Corpos" e, após equilibrá-los, o que não for utilizado é sabiamente devolvido à natureza, para que seja aproveitado no equilíbrio do próximo. É exatamente o retorno dessa energia prânica devolvida que forma o que chamamos de "AURA". Constatamos com isso que, não somente os seres vivos, mas também todos os objetos animados ou inanimados possuem "Aura", pois também estão diretamente recebendo o "Prana".
Através da Teosofia, sabemos que o homem possui sete principais Chakras, que exercem a função de assimilar as energias pranicas e alimentar os "sete corpos principais". O primeiro e mais denso desses sete corpos, é chamado de "Corpo Físico" e é formado por matéria física (corpo físico) e matéria etérica (corpo etérico ou duplo etérico).




É sabido também que muito antes de nos tornarmos enfermos, os sintomas dessas doenças podem ser diagnosticados no nosso corpo etérico, aparecendo como um "desequilíbrio energético" indicando uma "tendência" a ficarmos doentes, podendo isso acontecer ou não. Isso significa que, se podemos "ver" que estamos tendendo e ter certa doença antes dela se manifestar fisicamente, podemos nos fortalecer ou nos "prevenir" para que esta não se manifeste no corpo físico. E esta, sem dúvida, é a maior utilidade da Máquina Kirlian: a prevenção de doenças.
Através de fotos das pontas dos dedos, onde se localizam os extremos dos "Meridianos" (condutores invisíveis do fluxo natural de energias para certas partes vitais do corpo humano), que são utilizados pela acupuntura e outras técnicas orientais, podemos saber como está nossa "saúde energética" por onde esses meridianos passam.
 



Então fotografando o dedo polegar, por exemplo, podemos saber se estamos com desequilíbrios nos meridianos responsáveis pela manutenção de energia nos pulmões, faringe, ouvidos, sistema linfático e maxilares, assim como, no dedo mínimo temos os meridianos do coração e intestino delgado. Além disso, através da média das fotos de cinco dedos de uma pessoa, tiradas de uma só vez, podemos constatar também o grau de Paranormalidade, Preocupação com os outros, Conflitos Emocionais, Mágoas, Carências e outros aspectos pessoais que constituem o que podemos chamar de "Personalidade Aurica". Isso é uma coisa muito interessante, pois diferencia muito as pessoas, e pode ser facilmente constatado ao observarmos que o conjunto de cinco (ou mais) fotos de uma pessoa, que se mostram semelhantes entre si, são tão diferentes do conjunto de fotos de outra pessoa. Hoje em dia, até mesmo doenças como o Câncer, ou simples tendências à tumores que uma pessoa apresente pode ser diagnosticado prematuramente com as Fotos Kirlian.



As Máquinas Kirlian que são utilizadas hoje em dia, ao contrário do que muita gente pensa, não possui a mínima semelhança física com uma máquina fotográfica comum e, com elas, não é possível se obter fotos de corpo inteiro das pessoas, pois no processo de obtenção das fotos, o dedo fica em contato direto com o filme. Os próprios Meridianos inviabilizam a necessidade de se fotografar a pessoa por inteiro, além, é claro, do custo da revelação e do filme de proporções humanas.
A Máquina Kirlian, é composta de um gerador temporizado de alta tensão e freqüência, um compartimento especial que chamamos de porta-filme, e uma bolsa ou câmara escura onde este porta-filme fica encerrado, pois durante todo o processo, o filme não pode receber a menor quantidade que seja de luz. Esta é mais uma grande diferença entre uma máquina fotográfica comum e nossas Máquinas Kirlian.




A KIRLIANGRAFIA NA PREVENÇÄO DO CÂNCER E OUTRAS DOENÇAS
O sol, ao incidir seus raios sobre a Terra, não produz apenas calor e outros tipos de radiações que conhecemos e nos acostumamos a sentir, mas, conforme a milenar cultura oriental, o Sol também é responsável pela formação de partículas de energia que são chama das de KI, Prana ou ainda Energia Vital. Essas partículas são responsáveis pela manutenção da vida em nosso Planeta, e tudo que se encontra a nossa volta, incluindo nós mesmos, está constantemente trocando energias com o meio, sejam essas em forma de calor, luz, eletromagnéticas e etc.. O mesmo ocorre com o Prana que, no caso do homem, entra através dos Sete Chakras Principais para alimentar os Sete Principais Corpos Sutis e, como "na Natureza nada se cria, tudo se transforma", o que não é aproveitado, é sabiamente devolvido, numa infinita busca ao Equilíbrio (Yin & Yang), perpetuando o infinito ciclo da vida. É exatamente o retorno dessa Energia que chamamos de AURA.



Quanto mais "sadios energeticamente" estivermos e quanto maior for o grau de nossa "evoluçäo espiritual", menos Prana necessitaremos, devolvendo praticamente tudo que captamos de volta ao meio, e com isso, maior será o "tamanho" de nossa Aura. Diz-se que a Aura de líderes espirituais como Buda, Jesus e outros, se estendiam por mais de 360 quilômetros (isso mesmo!) de distância. Isso pode ser lido em uma passagem Bíblica, embora restringida apenas à presença de Deus, que diz: "Nele vivemos, nos movemos e somos".
Quando certa parte do corpo está energeticamente debilitada, necessita de uma porção maior de Prana que outra parte "sadia"; nessa região o Prana pode ser totalmente absorvido e quase nada é de volvido. Neste caso ocorre o que chamamos de "Furo Áurico". Os "Furos Áuricos", conforme já foi observado em estudos, estão diretamente ligados com o lado emocional das pessoas, pois podem ser gerados não só pela influência de Energias Externas (intrusas), mas na sua maioria, são gerados internamente, através dos "conflitos emocionais" de uma pessoa, e quanto maior sua intensidade, maior é a tendência dessa pessoa a entrar em Estado Depressivo. Quanto mais essa pessoa fica depressiva, mais aumenta esse Furo Áurico, que torna a pessoa ainda mais depressiva e debilitada, em um efeito "bola de neve", que aumenta cada vez mais e quanto mais aumenta, mais deixa a pessoa sujeita a doenças. É por isso que alguns sábios dizem que "Doenças não existem, pois somos nós mesmos que a criamos", e de certa forma o fazemos. Para reforçar como o Prana é essencial à vida, pesquisas mostram que a maioria do "óbitos naturais" ocorrem durante a noite, justamente no período que a quantidade de Prana diminui bastante. Podemos observar isso facilmente com simples resfriados, quando pioramos no período da noite e melhoramos consideravelmente durante o dia.
No Primeiro Plano de Evoluçäo do Homem (Plano Físico), pode ser encontrado o primeiro de nossos Sete Principais Corpos Sutis, que é formado por Matéria Física (Corpo Físico) e por uma "cópia xerox" formada por Energia Etérica (Duplo Etérico). Este corpo é o responsável direto pela entrada e saída das energias e é sabido que muito antes de nos tornarmos enfermos, já apresentamos em nosso Corpo Etérico os vestígio (Desequilíbrios Energéticos) dessas possíveis enfermidades, as vezes até muito tempo antes e depois delas se manifestarem (ou não) fisicamente, e se tornarem o que conhecemos como doenças. Esses desequilíbrios podem se manifestar de várias formas, não só como "Furos Áuricos", mas também de muitas outras formas e cores na Aura, como manchas, borrões, desorganizações e/ou concentração de raios (no casos de dor e intoxicação) e até mesmo como outra forma de "energia" que se vê nitidamente que não pertence a Aura da pessoa que a carrega (no caso de Energia Intrusa ou "obsessor").
É exatamente nesse Primeiro Corpo (Físico/Etérico) que nossa Máquina Kirlian opera. Fotografando os Desequilíbrios Energéticos de uma pessoa, podemos preveni-la da possibilidade de desenvolver (se ainda não aconteceu) aquele tipo de doença. Esses Desequilíbrios podem ser eliminados de várias formas, no lado Físico com a simples prevenção ou precaução, por exemplo: se uma pessoa apresentar Desequilíbrios na região do Pulmão, pode vir a ficar resfriada, e, sabendo dessa possibilidade, deve se prevenir; ou no lado Etérico, com as Terapias Alternativas, como por exemplo, a Cromoterapia, que no caso de resfriados aconselha as tonalidades da cor laranja.
Hoje em dia podemos diagnosticar nas Fotos Kirlian de uma pessoa, problemas de ordem emocional, mental e física, como por exemplo: Conflitos Emocionais, Depressão, Preocupação Excessiva, Perdas de Energias, Impreguinação do Organismo (Intoxicação), desequilíbrios energéticos nos Meridianos (possíveis problemas de saúde), e até em casos mais graves, tendências à Tumores e até mesmo a CÂNCER. É claro, que ao se analisar um conjunto de fotos de uma pessoa, deve se levar em conta vários fatores, como hora em que as fotos foram tiradas, idade dessa pessoa e se esta já não apresenta ou já apresentou os sintomas dos problemas encontrados. Devemos acima de tudo deixar que nosso bom senso fale pôr nós mesmos, para não tirarmos conclusões precipitadas, passando um diagnóstico errôneo, comprometendo com isso a seriedade de nosso trabalho, que deve ser levada em conta acima de qualquer outro fator.


Obs.: A Máquina Kirlian nacional é um aparelho feito por processos que preservam características e apresentação profissionais. Sua construção segue a risca padrões de funcionamento que garantem seu uso em pesquisas sérias e até científicas, nada deixando a desejar aos modelos importados.
Significado
Muito se especula sobre o que é registrado nas fotos Kirlian. Numa visão mística, alguns entusiastas religiosos alegam que as imagens do halo registrado nas fotos, correspondem à aura. Outros, sob uma visão puramente científica, dizem que se trata apenas de "Efeito Corona" ou "Fogo de Santelmo" e nada além disso fica registrado nas fotos.
Seja o que esteja por trás do "efeito Kirlian" e sua aplicabilidade prática, é sabido que não se trata de "Aura" o que é registrado nas fotos Kirlian. Provavelmente cabendo à propria "ciência" aceitar a estudar do "fenômeno" de forma clara, objetiva e despreconceituosa.
Céticos afirmam que grande parte dos halos são gerados pela umidade que ocorre naturalmente em todos os seres vivos, que se tornam ionizada devido aos campos elétricos de alta-tensão e alta-freqüência utilizados nessa técnica e captados pela emulsão fotográfica. De fato, considera-se que pelo menos vinte e duas características físicas, químicas e fotoquímicas podem influenciar as descargas coronais vistas nas fotos Kirlian.
A hipótese de o fenômeno registrado ser realmente a aura dos objetos fotografados é atualmente desacreditada em praticamente todos os meios, salvo em alguns círculos místicos que ignoram as evidências contra tal explicação.
O maior argumento a favor da explicação aceita pela comunidade científica (e consequentemente contra a explicação mística para o fenômeno) é o fato de que a suposta aura não aparece se a fotografia for realizada no vácuo. Como a suposta aura defendida pelos esotéricos deveria continuar existindo no vácuo, ou em qualquer outra condição atmosférica, esse fato representou um duro golpe na explicação mística para a imagem registrada pela fotografia Kirlian.

A ascensão espiritual





A ascensão espiritual e limpeza espiritual possuem vários sintomas, nem todos passam pelos mesmos, abaixo segue uma lista de alguns, se prestar atenção verá que sente alguns sintomas que não estão nessa lista, alguns deles são tão comuns que só notamos pela persistência! 

1. Mudança no padrão de sono - Perturbações durante o sono, pés quentes, acordar duas ou três vezes durante a noite. Sentir-se cansado e com sono depois de acordar. Adormecer e acordar durante o dia. O Padrão de 3 Sonos, que acontece freqüentemente muitas pessoas caracteriza-se por: dormir cerca de 2-3 horas, acordar, voltar a adormecer mais 2-3 horas, acordar de novo, voltar a adormecer mais 2-3 horas.
Outras pessoas viram alterarem-se as suas necessidades de sono, passando a dormir menos. Ultimamente, algumas pessoas sentem enormes ondas energéticas percorrendo seu corpo a partir da coroa. Estas ondas podem afetar o sono.
Conselho: Habitue-se. Pacifique-se com essa energia, e não se preocupe se não dormir o suficiente (preocupação que, por vezes, pode causar mais insônia). Será capaz de suportar bem o dia se pensar que tem a quantidade certa do que necessita. Também pode pedir ao seu Eu Superior que, de vez em quando, lhe dê um intervalo para poder ter um sono reparador. Se, durante a noite, não conseguir adormecer, aproveite esse tempo para meditar, ler poesia, escrever o seu diário ou olhar para a Lua. O seu corpo ajustar-se-á ao novo padrão.


2. Atividade do chakra coronal (alto da cabeça)

Sensações de tilintar, comichão, formigueiro e arrepios no couro cabeludo e/ou na coluna. Sensação de vibração energética no topo da cabeça, como se a energia jorrasse em chuveiro. Poderá sentir pressão na coroa, como se alguém estivesse a pressionar um dedo contra o centro da cabeça. Como referido no ponto 1, vivemos enormes carregamentos de energia através do chakra coronal. Podemos sentir uma pressão mais generalizada, como se a cabeça estivesse dentro dum aparelho muito suave.
Conselho: Não se assuste. Trata-se da abertura do chakra as coroa. Tais sensações dizem-lhe que você está aberto a receber a energia divina.


3. Repentinas ondas de emoção

Choro convulsivo. Inesperadamente, sente-se zangado, deprimido, triste ou muito infeliz à mínima provocação. Emoções à solta. Muitas vezes a pressão ou as emoções congestionadas são sentidas no chakra do coração (no centro do peito), o que não deve ser confundido com o coração, localizado à esquerda do chakra do coração.
Conselho: Aceite os seus sentimentos como surgem, abençoe-os e deixe-os partir. Sinta a conteúdo emocional da energia no chakra do coração. Expande-a para todos os seus campos e respire profundamente, desde o umbigo até à parte superior do peito. Sinta a emoção e deixe-a evaporar-se. Não dirija as emoções para ninguém. Você está a limpar o passado. Se necessitar de ajuda, diga em voz alta que pretende largar todo esse velho material e peça ajuda ao seu Eu Superior. Também pode pedir aos Anjos da Graça (energia branco cristal) que o ajudem a soltar estas emoções, fácil e suavemente. Agradeça por o seu corpo estar a soltar-se destas emoções, não as retendo dentro de si, o que poderia provocar danos. Uma das nossas fontes sugere que a depressão está ligada às relações de «deixar andar», de relações pessoais, profissionais, etc. que já não servem nem a nós, nem às nossas freqüências).


4. Clarificação de carma

Velhos conteúdos parecem estar a ressurgir, como descrito acima, surgindo na sua vida as pessoas envolvidas nesses episódios. Casos de encerramento de processo. Ou talvez você precise trabalhar o seu amor-próprio, abundância, criatividade, apegos, etc. Começarão a aparecer os recursos ou as pessoas de que necessita para auxiliar este trabalho.
Conselho: O mesmo do que para Ponto 3. E ainda: não se envolva demasiado na análise destas situações, pois isso fará com que volte para eles, uma e outra vez, cada vez a níveis mais profundos.
 
Peça ajuda de um terapeuta, se necessitar, e avance. Não tente evitar nem «passar ao lado» destas «memórias». Abrace o que aparecer e agradeça por isso contribuir para o seu desenvolvimento. Agradeça ao seu Eu Superior por lhe dar a oportunidade de se livrar destes «resíduos». Lembre-se, você não quer que eles continuem no seu ADN.


5. Alteração no peso corporal

O peso adquirido pela população é, em geral, é extraordinário. Outros sectores da população podem, pelo contrário, estar a perder peso. Geralmente, ganhamos peso porque muitos medos reprimidos estão a voltar para serem tratados. Reagimos construindo defesas, tentando ancorar-nos ou obter massa corporal, de forma a não permitir que a freqüência no corpo aumente.
Conselho: Não seja teimoso. Aceite isto como um sintoma do que está a passar-se consigo. Perderá ou ganhará peso, quando todos os seus medos forem integrados. Solte a sua ansiedade. Depois, talvez constate que será mais fácil perder ou ganhar peso.
Exercício: Antes de começar a comer, experimente o seguinte: sente-se à mesa, posta com um serviço de lógica bonito. Acenda uma vela. Aprecie a aparência da comida. Coloque a sua mão dominante no coração e abençoe o alimento. Diga ao seu corpo que para usar o alimento para se alimentar corretamente, em vez de usar a comida para alimentar as suas zangas emocionais. Depois, passe a mão, da esquerda para a direita, por cima do alimento, abençoando-o. Poderá notar que a comida parece quente à sua mão, mesmo que seja um prato frio. Repare que quando abençoamos a comida, não comemos tanta quantidade. Outra coisa que poderá fazer enquanto come é não ver TV ou ler. Aprecie saudavelmente a benção que está à sua frente.


6. Mudanças nos hábitos alimentares.

Desejos estranhos e escolhas esquisitas. Há quem sinta mais fome ou menos fome do que anteriormente.
Conselho: Não negue o que o corpo lhe pede. Se não tiver a certeza, tente provar antes de escolher, para ver se é isso o que o corpo quer.
Tente também abençoar os alimentos, como descrito no ponto 5.

7. Intolerância e alergias a certo tipo de alimentos, que nunca teve antes.Conforme vai crescendo espiritualmente, você torna-se mais sensível a tudo o que o rodeia. O seu corpo dir-lhe-á o que já não tolera, como se também ele estivesse a rejeitar o que já não lhe serve. Pode estar a limpar-se de toxinas. Certas pessoas descobrem um resíduo branco na boca, parecido com a baba de corredores no fim de uma corrida.
Conselho: Isso pode ser retirado esfregando 2 colheres de azeite na boca, durante 10 a 15 minutos (não engula); depois cuspa para a retrete – não para o lavatório. Escove os dentes e, depois, limpe a escova.


8. Amplificação dos sentidos. Aumento de sensibilidade.

a) Perturbação na visão, objetos tremeluzentes, observação de partículas brilhantes, visão de auras em pessoas, plantas animais e objetos. Alguns relatam ver como transparentes os objetos normalmente opacos. Quando fecha os olhos já não vê escuridão, mas vermelhidão. Talvez veja formas geométricas, cores brilhantes e quadros quando tem os olhos fechados. As cores aparecem mais vivas. O céu pode parecer tingido ou a relva ter um verde espantoso. Conforme se vai tornando mais sensível, poderá ver formas ou riscos no ar, especialmente quando o quarto estiver mais escuro. Poderá ver formas brancas na sua visão periférica, quer com olhos abertos, quer com eles fechados.
Conselho: A sua visão está a mudar de várias maneiras; está a conhecer novas formas de ver. Seja paciente. Aconteça o que acontecer, não se assuste. Visões nebulosas podem ser aliviadas desviando o olhar. b) Aumento ou diminuição na capacidade auditiva. Audição de ruídos na cabeça, como «bips», sons, música ou sons eletrônicos. Há quem ouça água a correr, zunidos, barulhos ou toques. Há quem tenha o que se chama dislexia auditiva, ou seja, nem sempre consegue perceber o que os outros estão a dizer, como se não conseguisse entender a sua própria língua.

Algumas pessoas ouvem vozes estranhas em sonhos, como se alguém Ies estivesse a gritar ao ouvido. Nestes casos pode pedir à «isso» para se ir embora, ou pedir ao plano angélico para tomar conta da situação. Mais uma vez, não tem nada a temer.

Conselho: Renda-se. Deixe ir. Ouça. Os seus ouvidos estão a ajustar-se a novas freqüências.

c) Intensificação do sentido do olfato, tacto (toque) e/ou sabor. Há quem se aperceba de que passou a conseguir detectar o cheiro e o sabor dos aditivos químicos nalguns alimentos, de uma forma bastante desagradável. Por outro lado, alguns alimentos sabem maravilhosamente. Para algumas pessoas, esta intensificação dos sentidos é tanto maravilhosa como divertida. Pode ser possível cheirar a fragrância de flores aqui e ali. Muitos místicos fazem-no. Aproveite.


9. Erupções da pele: borbulhas, inchaços, acne, urticária e herpes.

A ira produz perturbações à volta da boca e queixo. Certa pessoa teve uma dermatite nas extremidades durante vários meses, enquanto curava um episódio do seu passado. Quando saneou a maior parte desse material, o problema foi resolvido.
Conselho: Poderá estar a deixar sair toxinas e a trazer emoções à superfície. Quando existe material que deve ser libertado e você tenta reprimi-lo, a sua pele expressará a situação por si, até que se decida a trabalhar as emoções.


10. Alternância entre vigor e cansaço

Episódios de energia intensa que o faz querer saltar da cama e agir, seguido por períodos de letargia e cansaço. O cansaço, normalmente, segue-se a grandes mudanças. Aceite, pois este é um tempo de integração.
Conselho: Flua com a natureza da energia. Não a combata. Seja gentil consigo. Durma a sesta, se estiver cansado. No caso de sentir muita energia e não conseguir dormir, escreva pensamentos ou um romance. Tire vantagem do tipo de energia.


11. Alterações na oração ou na meditação.

Talvez não sinta as sensações habituais. Não tem a mesma experiência no contado com o Espírito. Dificuldade em concentrar-se.
 
Conselho: Talvez tenha passado a estar em comunhão com o Espírito mais freqüentemente e durante mais tempo. A sensação pode ser diferente, mas acabará por se adaptar a ela. Na verdade, você passou a pensar e agir em conformidade com o Espírito. Poderá notar que os seus períodos de meditação são agora mais curtos.


12. Ondas de energia.

De repente, sente-se percorrido por energia da cabeça aos pés. E uma sensação momentânea e pouco confortável. Por outro lado, algumas pessoas sentem um frio inexplicável. Se você for um trabalhador de energia, deve ter reparado que o calor que corre em suas mãos aumentou consideravelmente. Isto é bom.
Conselho: Se sentir desconforto, peça ao seu Eu Superior para aumentar ou diminuir a temperatura.


13. Sintomas variados

Dores de cabeça, dores de costas, dores de pescoço, sintomas de constipação (chamada «constipação de vibração»), problemas digestivos, danos musculares, aceleração dos batimentos cardíacos, dores no peito, alterações no desejo sexual, dores nos membros, vocalizações ou movimentos de corpo involuntários. Há quem tenha que se defrontar e curar certos episódios da infância. Relaxe. São sintomas temporários.


14. Rejuvenescimento.

Tornar-se-á cada vez mais leve à medida que for limpando o material emocional, libertando crenças limitadoras assim como bagagem pesada do passado. A sua freqüência aumentou. Ama-se mais, assim como ama mais a vida. Comece a mostrar a perfeição que você realmente é.


15. Sonhos vivos

Por vezes, os sonhos são tão reais que acorda confuso. Também pode ter sonhos lúcidos, nos quais está no controlo: você sabe que não está a «sonhar»; o que está a acontecer é de alguma forma real. Muitos sonhos poderão ser místicos ou trazer mensagens. Lembrar-se-á daquilo que for importante para si. Não force nada. Acima de tudo, não tenha medo.

 

16. Acontecimentos que alteram completamente a sua vida

Morte, divórcio, mudança no ou do emprego, perda de casa, doença, e/ou outras catástrofes – por vezes, várias duma só vez. Trata-se de forças que o obrigam a desacelerar, simplificar, mudar, reexaminar o que você é, assim como o que a sua vida lhe diz. Forças que não pode ignorar, que o obrigam a desapegar-se, que o acordam para o amor e compaixão por tudo.


17. Libertação

Desejo de cortar com todos os padrões restritivos: empregos, estilos de vida consumistas, e pessoas ou situações tóxicas. Necessidade de «se encontrar» e de encontrar o propósito da sua vida – Agora! Quer ser criativo e livre para ser aquilo que é, na verdade. Apetência para as artes e a natureza. Desejo de cortar com coisas e pessoas que já não lhe dizem nada.
Conselho: FAÇA-O!

18. Confusão mental e emocional

Sentimento de que precisa de arrumar a sua vida, pois está uma confusão. Mas, ao mesmo tempo, sente-se caótico e incapaz de o fazer, de se concentrar. Veja o Ponto 45.
Conselho: Concentre-se no seu coração e ouça o seu próprio discernimento.

19. Introspecção, solidão e perda de interesse por atividades no exterior

Este estado apareceu de surpresa a muitos extrovertidos que, antes, se viam envolvidos em diversas atividades. Agora dizem: «Não sei porquê, mas já não gosto tanto de sair como antes».

20. Manifestações de criatividade

Recepção freqüente de imagens, idéias, música e outras inspirações criativas.
Conselho: Pelo menos registre estas inspirações, porque o Espírito está a falar consigo sobre como poderá preencher seu propósito e contribuir para a cura do planeta.

21. Percepção de que o tempo está a acelerar

Tem essa impressão porque sofreu muitas e freqüentes alterações na sua vida. A sua quantidade parece estar a aumentar.
Conselho: Repartir o dia em encontros e segmentos temporários, aumenta o sentido de aceleração.



22. Premonição

Um sentimento de que algo vai acontecer, o que pode criar ansiedade.
Conselho: Não há nada com que se preocupar. As coisas acontecem mesmo, mas a ansiedade só lhe criará mais problemas. Não há nada a temer.

23. Impaciência.

Sabe o que fazer, mas, por vezes, isso não ajuda. Quer resolver o que lhe parece estar no seu caminho. Reconheça que as incertezas são desconfortáveis.
Conselho: Aprenda a viver com incertezas sabendo que nada lhe aparecerá à sua frente, se não estiver pronto. A impaciência é, na realidade, uma falta de confiança, especialmente no seu Eu Superior. Quando focar o presente, verá milagres a acontecerem.

24. Despertar

Talvez um interesse pelo Espírito surja, pela primeira vez, na vida. Uma chamada profunda para o significado da vida, para o seu propósito. Ligação espiritual e revelação. Um “constante desejo ardente” como lhe chama K.D. Lang. A vida mundana não preenche este vazio.
Conselho: Siga o seu coração, e o caminho ser-lhe-á mostrado.

25. Ser diferente dos outros

Um sentimento estranho de que tudo na sua vida parece novo e alterado, que deixou o seu eu antigo para trás. E deixou! Está muito maior que pode imaginar. E há mais para vir!

26. Ajudas de vários tipos

Aparecem «professores» em todo o lado, no momento certo, para ajudar à sua caminhada espiritual pessoas, livros, palestras, filmes, acontecimentos, Mãe Natureza, etc. Estes «professores» podem parecer negativos ou positivos, mas, de uma perspectiva transcendente, são sempre perfeitos. Surgirá, precisamente, o que tiver que aprender.
Conselho: Lembre-se de que nunca receberemos mais do que aquilo que estamos preparados para lidar. Cada desafio apresenta-nos uma oportunidade para provarmos a nossa mestria na sua superação.

27. Compreensão súbita

Encontro de uma pista espiritual, que faz sentido para si e que lhe «toca» nos mais profundos níveis. Repentinamente, obtém uma perspectiva que nunca tinha considerado. Tem fome de mais. Lê, partilha os conhecimentos com outros, faz perguntas, e vai ao fundo, para descobrir quem é e porque está aqui. Corre o risco filosófico de se perguntar «Por que Existo?».

28. Rapidez de aprendizagem

Aprende depressa. Sente que está «a apanhar» bastante rapidamente.
Conselho: Lembre-se que as coisas lhe chegarão quando estiver pronto para lidar com elas. Não antes. Lide corajosamente com o que for surgindo e, assim, avançará rapidamente.

29. Presenças invisíveis

Algumas pessoas dizem que, à noite, se sentem rodeadas por seres, ou têm a sensação de serem tocadas ou de que «alguém» lhes fala. Por vezes, acordam. Outras pessoas sentem as órbitas oculares vibrarem. Estas vibrações são causadas pelas mudanças energéticas, depois de feita a limpeza emocional.
Conselho: Este é um assunto sensível, mas talvez se sinta melhor se, antes de adormecer, abençoar a sua cama e o espaço à sua volta. Adormeça, na certeza que está rodeado pelos mais magníficos seres espirituais e que está em segurança, ao cuidado de Deus. Não se culpe por ter medo de vez em quando.

30. Presságios, visões, números e símbolos

Vê coisas a que dá significado espiritual. Repara na sincronicidade dos números. Tudo tem uma mensagem se se der ao trabalho de reparar.

31. Intensificação de integridade

Reconhece que é tempo para viver e falar a sua verdade. Subitamente, parece-lhe importante ser mais autêntico, mais você mesmo. Talvez tenha que dizer «não» a pessoas a quem tentou agradar no passado. Achará intolerável manter-se num casamento, emprego ou sítio, que já não se coaduna com o que você é atualmente. Igualmente, talvez se dê conta de que já não tem nada a esconder ou segredos a manter. A honestidade torna-se importante em todos os seus relacionamentos.
Conselho: Ouça o seu coração. Se o seu interior lhe disser para não fazer algo, fale alto e aja. Diga «não».
 
Da mesma forma deverá dizer «sim» àquilo que considera válido. Deve arriscar não agradar aos outros, sem culpas, de forma a atingir a soberania espiritual.

32. Harmonia com épocas e ciclos

Sente-se mais sintonizado com as estações do ano, fases da lua e ciclos naturais. Maior entendimento sobre o eu lugar no mundo. Uma forte ligação à Terra.

33. Desarranjos elétricos e mecânicos

Consigo por perto, as luzes vão abaixo, o computador bloqueia ou o rádio perde a sintonia.
Conselho: Chame os seus anjos ou guias para os arranjar, ou colocarem um campo protetor nas máquinas. Imagine o seu carro rodeado de luz azul. Aprenda a rir…

34. Aumento da sincronicidade

Se ocorrem muitos pequenos milagres… espere por mais!
Conselho: Situações sincronizadas dizem-lhe que está a agir na direção certa ou a fazer as escolhas acertadas. O espírito usa a sincronicidade para comunicar consigo. Começou a viver os milagres diários. Veja ponto 30.

35. Desenvolvimento das habilidades intuitivas e alteração de estados de consciência

Pensar em alguém e imediatamente saber desse alguém. Mais sincronismo. Ter percepções internas sobre padrões ou acontecimentos passados. Ver o futuro, ter experiências fora do corpo e outros fenômenos físicos. Intensificação da sensibilidade e do conhecimento. Entender a sua própria essência e a dos outros.

36. Comunicação com o Espírito

Contacto com anjos, guias espirituais e outras entidades divinas. Canalizar informação. Cada vez mais pessoas parecem estar a receber esta oportunidade. Sentir inspiração e obter informação, que toma a forma de escritura, pintura, idéias, comunicações, dança, etc.

37. Sentimento de Unidade.

Experiência direta de União. Conhecimento transcendente. Compaixão e amor por tudo o que vive. Compaixão desligada ou amor incondicional por tudo, o que nos leva a mais altos níveis de consciência e júbilo.
38. Alegria e benção
Um profundo e permanente sentido de paz e acompanhamento.

39. Integração

Torna-se mais forte e mais leve emocional, psicológica, física e espiritualmente. Sensação de alinhamento com o Eu Superior.

40. Viver o seu propósito

Sabe que está, finalmente, a fazer aquilo que o trouxe à Terra. Novas aptidões e dons estão a emergir, especialmente os de cura. A sua vida/trabalho está, agora, a convergir e a começar a fazer sentido. Vai usar, finalmente, todas estas aptidões.
Conselho: Ouça o seu coração. A sua paixão leva-o para onde deve estar. Deixe-se ir, e pergunte ao seu Eu Interior: «O que queres que eu faça?» Tome atenção às sincronicidades. Ouça.

41. Sentir-se mais perto dos animais e plantas

Para algumas pessoas, os animais parecem ser mais «humanos» no seu comportamento. Os animais selvagens mostram menos medo. As plantas respondem ao amor e à atenção que você lhes, agora mais que nunca. Algumas até podem ter mensagens para si.

42. Visualização de seres de outras dimensões

O véu entre dimensões é cada vez mais fino, pelo que este fato não surpreende. Mantenha-se no seu posto. Dado que você tem mais poder do que imagina, não receie nada. Peça ajuda aos seus guias, no caso de sentir que escorrega para o medo.

43. Refinamento da visão

Visão de formas mais verdadeiras das pessoas; visão de pessoas queridas com uma face diferente – vida passada ou vida paralela.
44. Manifestação física de pensamentos e desejos
Tudo isto passa a ocorrer de forma mais rápida e eficiente.
Conselho: Controle os seus pensamentos. Pois todos eles são orações. Tenha cuidado com o que pede.

45. Hemisfério esquerdo confuso

As suas habilidades físicas, o seu saber intuitivo, os seus sentimentos e compaixão, a sua forma de sentir o corpo, a sua visão, a sua expressão, todos emanam do lado direito do cérebro. Para que esta parte do cérebro se desenvolva melhor, o lado esquerdo do cérebro deve «abrandar».

Normalmente, a capacidade do hemisfério esquerdo de ordenar, organizar, estruturar, alinhar, analisar, rever, precisar, concentrar, resolver problemas, e aprender matemática, domina o nosso menos valorizado cérebro direito. Daqui resulta: lapsos de memória, colocação de palavras na seqüência errada, falta de habilidade ou falta de vontade de ler durante muito tempo, falta de concentração, esquecer-se do que ia dizer, impaciência com formas lineares de comunicação (áudio ou escrita), dispersão, perca de interesse em investigar ou em informação complexa; sentimento de ser bombardeado com palavras, conversas e informação. Relutância em escrever. Por vezes sente-se «obtuso» e não tem interesse em analisar, viver discussões intelectuais ou investigar. Por outro lado, pode sentir-se inclinado ao que tem significado: vídeos, revistas com fotografias, trabalhos artísticos, filmes, música, escultura, pintura, estar com pessoas, dançar, jardinar, andar a pé, e outras formas de esforço muscular. Pode procurar informação espiritual, ou até ficção científica.
Conselho: Se permitir que o seu coração e o lado direito cerebral o orientem, o cérebro esquerdo será ativado apropriadamente para o ajudar. Um dia, estaremos bem equilibrados, usando ambos os hemisférios com maestria.

46. Vertigens

Isto acontece quando não está estabilizado. Talvez tenha acabado de limpar uma grande carga emocional e o seu corpo esteja a ajustar-se ao seu estado mais «leve».
Conselho: «Aterre» comendo proteínas. Algumas vezes, os «alimentos que consolam» são os certos. Não rotule nenhum tipo de comida como boa ou má para si. Utilize a sua intuição para saber do que necessita em dado momento. Tire os sapatos e ponha os pés na relva, por uns minutos.

47. Quedas, acidentes, fraturas

O seu corpo não está estabilizado ou talvez a sua vida esteja desequilibrada. Talvez o corpo esteja a dizer-lhe para abrandar, examinar certos aspectos da sua vida ou a curar certos bloqueios. Procure o significado da mensagem.
 

Conselho: Caminhe na terra ou na relva; melhor, deite-se na erva com um cobertor por cima. Sinta a terra por baixo. Passeie na natureza. Abrande e preste atenção. Veja o que está a fazer. Sinta os sentimentos quando estes brotam. Fique no presente. Cerque-se de luz azul quando se sentir confuso.

48. Palpitações cardíacas

Um coração apressado geralmente é acompanhado por uma abertura. Só dura alguns momentos, e quer dizer que o coração está a equilibrar-se depois duma libertação emocional.
Conselho: Consulte o seu médico ou terapeuta sempre que for preciso ou não se sinta bem.

49. Crescimento rápido de cabelo e unhas Significa que está a ser utilizada mais proteína no corpo.


 
50. Desejo de encontrar a sua/seu parceiro certo

Mais que nunca, a idéia de que podemos ter uma relação ideal parece mais desejada.
Conselho: A verdade é que devemos ser o tipo de pessoa que queremos atrair. Temos que gostar de nós e do sítio onde nos encontramos agora, antes de podermos atrair um parceiro mais «perfeito». O trabalho começa em casa: retenha o desejo por aquela pessoa no seu coração, mas sem apego. Espere que algum dia irá encontrar alguém que se ajuste mais a si, mas não mantenha expectativas de quem será e de como se passará. Centre-se, antes do mais, em limpar a sua vida e ser a pessoa que quer ser. Seja feliz agora. Goze a vida. Depois verá…

51. Memórias

Memórias de superfície, memórias de corpos, memórias suprimidas, imagens de vidas passadas e/ou vidas paralelas. Porque estamos a curar e a integrar todos os nossos «eus», espere por alguma destas experiências.
Conselho: O melhor é prestar atenção só ao que lhe vem à mente. Deixe o resto, não analise tudo ao pormenor (senão ficará atolado de material antigo) e sinta os sentimentos conforme eles forem

sábado, 4 de dezembro de 2010

QUESTÕES SOBRE A AURA

 


O que é a aura humana?
A aura humana é uma força energética evolutiva, que reúne todas as nossas informações físicas e metafísicas, que sustenta a vida e caracteriza o ser humano. Sem ela, não poderíamos existir. Ela é uma radiografia de todas as nossas vidas desde o momento de nossa formação espiritual e contem dados sobre o passado, sobre a vida presente e até mesmo tendências futuras.
 
A aura é sempre visível?
Sob condições adequadas, que discutiremos mais adiante, a aura pode ser vista por quase todos. Embora de maneira geral sua visualização constitua um processo natural e espontâneo, o aperfeiçoamento da nossa capacidade de vê-la quase sempre requer a pratica, em algum grau, de procedimentos sistemáticos. Pelo exercício e pela experiência, é possível desenvolvermos a faculdade não só de ver a aura, mas também de interpreta-la.
 

Existem equipamentos especiais para visualização da aura?
Embora haja alguns dispositivos que ajudam, tais como óculos especiais, em geral, não há necessidade de equipamentos especiais, os quais na verdade poderiam dificultar a visualização, em alguns casos. Existem também vários tipos da maquinas fotográficas, incluindo a que é usada na eletrofotografia, que podem ser empregados para registrar a aura (ou detalhes dela). Contudo, em razão de contínua transformação da aura, a utilidade desses aparelhos é limitada, exceto como instrumentos de pesquisa.
 
As crianças vêem a aura?
A aura é um fenômeno natural, e é comum as crianças – sem qualquer treinamento em procedimentos sistemáticos de visualização – relatarem que costumam vê-la. Todavia, com a maturidade, a nossa capacidade de visualização espontânea diminui e pode acabar escondida no subconsciente. É concebível, entretanto, que continuemos a ver e a reagir à aura no nível subconsciente pelo resto da vida.
 
Minha aura se mantém inalterada no dia a dia?
A aura constitui um sistema dinâmico e evolutivo, portanto, sujeito a uma continua transformação. Embora sua constituição exclusiva, ou estrutura básica, seja normalmente estável, o sistema áurico dispõe de flexibilidade suficiente para alterar sua coloração, intensidade, amplitude e freqüência.
 
Posso ver a minha própria aura?
Actualmente existem técnicas extremamente eficazes para visualizarmos a nossa aura. Descreveremos vários desses procedimentos.
 
Até que distância do corpo físico a aura se estende?
A despeito de a aura visível, como é usualmente visualizada, estender-se apenas a alguns centímetros do corpo (linha branca), é possível que uma aura inteira , enquanto fenómeno energético se estenda ao infinito. É bastante provável  que a aura humana esteja em constante interação com outras dimensões de tempo, espaço, energia e matéria.
 
O meio ambiente interfere na aura?
A aura é sensível à totalidade do nosso ambiente interno e externo. Os factores mentais, físicos, espirituais interagem constantemente para actuar sobre a aura. Traços de personalidade, condições de saúde, interesses pessoais, questões sociais, estados emocionais e as circunstancias do momento podem exercer um efeito drástico e imediato sobre a aura. Mesmo eventos distantes, globais ou cósmicos, podem alterar a aura.
 
Condições adversas que podem afetar a aura.
Uma vasta gama de estados mentais negativos, tais como ansiedade, hostilidade e frustrações, podem exercer um efeito devastador sobre o corpo e drenar a energia do sistema áurico. Da mesma forma, a falta de auto-estima, um conceito desfavorável sobre si mesmo e relação sociais negativas podem debilitar a aura e reduzir seriamente seu suprimento de energia. Os poluentes ambientais e certas substâncias presentes nas drogas podem temporariamente descolorir a aura ou diminuir sua extensão.
 
Factores positivos que atuam sobre a aura.
O amor, a força mais poderosa do universo, invariavelmente expande, ilumina e energiza a aura. Dentre os demais fatores que a fortalecem destacam-se uma imagem positiva de si mesmo, sensação intensa de bem-estar, equilíbrio e harmonia interiores e interesse genuíno pelos outros. Cada esforço para ajudar o próximo ou para tornar o mundo um lugar melhor injeta uma energia que se irradia por todo o sistema áurico.
 
Qual a importância psíquica da aura?
Por constituir uma crônica da historia de cada individuo, a aura pode fornecer informações importantes e não disponíveis por meio de outras fontes. Um número cada vez maior de evidências sugere que, alem das experiências de vidas passadas e presente, os eventos futuros, positivos e negativos, podem estar registrados na aura. Sua simples visualização é capaz de ativar nossas faculdades psíquicas, incluindo telepatia, premonição e clarividência.
 
Todas as auras tem cor?
A aura humana jamais perde a coloração. Embora a intensidade e a distribuição de cores possam variar consideravelmente, em termos gerais, a aura se caracteriza pela predominância de uma cor numa estrutura áurica relativamente estável. Embora às vezes se observem áreas brancas, a aura inteiramente branca, que significa perfeição, não existe.
 
Os animais tem aura?
Assim como os seres humanos, todos os animais tem aura, embora suas características sejam substancialmente diferentes da aura humana. A aura dos animais é normalmente menos complexa no que se refere à estrutura, mas sua coloração á mais intensa do que a nossa. Comparada à aura dos animais selvagens, a aura dos animais domesticados tem uma amplitude maior e uma coloração mais suave. Curiosamente, a aura dos animais de estimação freqüentemente assume certas características de coloração, inclusive a cor dominante, dos seus primeiros donos. Com exceção dos animais doentes ou estressados, tais como aqueles que foram retirados da vida selvagem e colocados numa jaula, raramente se constata descoloração na aura dos animais.
 
 As plantas tem aura?
Todas as plantas, qualquer que seja o seu porte, são dotadas de sistemas energéticos próprios, alem de um campo energético que as circunda, o qual, embora não seja habitualmente chamado de aura, apresenta algumas características semelhantes às da aura dos seres humanos e dos animais.
Em muitos casos, os padrões energéticos ao redor das plantas aparecem como uma extensão iridescente de sua estrutura básica e de suas cores. Percebemos ao longo de experiências que a nossa interação com a vida das plantas, especialmente das arvores, pode influenciar o nosso próprio sistema energético.
 

Qual a relação entre a aura e o corpo físico?
A aura é uma manifestação visível da força vital que energiza a totalidade do nosso ser – físico, mental e espiritual. Sem essa força vital que o energiza, o corpo físico não funcionaria. Embora o corpo físico dependa da força vital refletida na aura, essa força vital independe do corpo físico. A aura, ao manifestar a força vital que serve de base para a nossa existência, também manifesta a nossa imortalidade como seres espirituais.
 
Qual a relação entre a aura e corpo astral?
O corpo astral, às vezes chamado de corpo etérico, é o correspondente não físico do corpo biológico. Ambos são mantidos pelo mesmo sistema energético de origem cósmica – o corpo astral em caráter permanente e o biológico, apenas temporário. Sem essa fonte de energia, não poderíamos existir fosse sob a forma física, mental e espiritual. Como já observado aqui, a aura humana é a manifestação visível dessa fonte de energia.
 
Qual a relação entre a aura e consciência?
A percepção consciente constitui a essência da nossa existência como fonte permanente de energia. A consciência individual é energia cósmica especialmente projetada para assegurar tanto a nossa individualidade como a nossa imortalidade. A nossa existência como entidade consciente é sustentada por um sistema de energia que compreende a aura e seu núcleo. É bastante freqüente considerar-se esse núcleo como a eterna centelha da divindade que nos liga às nossas origens espirituais e dê sentido e permanência à nossa existência consciente.
 
O que acontece com a aura na morte?
A morte, mais do que um término de nossa existência como ser consciente, é o portal para um nova e estimulante dimensão de crescimento continuo. Embora na morte, o corpo físico “expire” como forma de vida, o não físico permanece energizado ao ascender para o plano extrafísico.  Neste plano, a força vital permanente, refletida pela aura, continua sendo a mesma força vital de energização da nossa existência como entidades conscientes. Em alguns casos, a aura desprendida é visualizada como uma forma brilhante de energia que se ergue suavemente do corpo físico no momento da morte.
Em resumo, o sistema áurico humano está intimamente ligado a totalidade do nosso ser, permeando-nos e energizando-nos nos níveis físicos, mental e espiritual. É uma crônica em permanente evolução das nossas vidas, desde os nossos primórdios até o presente. É a manifestação do nosso destino de permanência e grandiosidade. Embora sua estrutura básica seja relativamente estável, é sempre sensível e reage ao nosso esforço de dirigi-lo.
Agora equipados com uma compreensão mais profunda da aura e de sua poderosa natureza, estamos prontos para explorar as novas e instigantes dimensões da mente, do corpo e do espírito. A nossa missão – dominar as novas estratégias que energizam a nossa vida no presente e nos preparam para um crescimento ilimitado no futuro.

sexta-feira, 3 de dezembro de 2010

"colocar as coisas no lugar certo"



A principal premissa do Ho'oponopono decorre do sentido da tradução da palavra, chegada até nós a partir da cultura havaiana. Traduzindo, Ho'oponopono significa "colocar as coisas no lugar certo", ou em termos mais simples, para consertar as coisas.

 
Cada um de nós tem coisas a corrigir (na verdade, coisas a serem limpas) e o Ho'oponopono não é apenas uma maneira de se corrigir ou limpar qualquer limitação que possamos imaginar, mas só este fato já nos é tão amigável que não há razões para não se tomar vantagem desta técnica tão poderosa.

O conceito básico por trás do Ho'oponopono requer, antes de tudo, perceber a verdade imutável que tudo em nossa vida vem "de dentro" de nós. Não há "lá fora...".

Nós somos uma "Unidade" - um complexo de todas as coisas, em todos os momentos. Pode ser difícil para alguém entender isso logo de primeira, mas é verdade. Simplesmente nós somos extensões da Grande "Fonte de Energia", que é o "Elemento" que permeia o universo inteiro.

Então, se nós somos feitos de energia, e por isso, com base na física quântica, todos somos criadores de nossas vidas. Isto é um fato inegável. Tudo é criado por nós mesmos - repito, com a autorização da Divindade, que nos torna seus assistente na grande Obra da Criação, portanto, "co-criadores".

Tudo o que você ver, ouvir, sentir, cheirar, tocar, pensar, lembrar, causa uma reação emocional, logo, refletindo a sua criação. E sim, inclusive as coisas boas, mas também incluindo as não tão boas. Cada uma destas coisas existem porque em algum nível de consciência, espaço ou tempo, foi você quem fez existir... Isso nos traz de volta ao Ho'oponopono.

Se tudo o que percebemos no mundo existe porque nós criamos e, é claro, percebemos, tente imaginar o tamanho do poder maravilhoso que você tem em suas mãos!

E nós sempre podemos optar por usá-lo a nosso favor ou contra nós. Não, eu não estou falando de milagrosamente se gerar dinheiro ou riqueza a partir do zero, ou, da noite para o dia, nos livrarmos de parentes e amigos irritantes ou problemáticos.

Mas você pode conduzir, criar sua vida para que muito ou mais dinheiro chegue até você, atraindo a prosperidade, e que seus parentes e amigos que lhe causam problemas parem de causar, deixando de ser incômodos para você.
COMO POSSO FAZER ISSO COM O HOOPONOPONO?

Ao aceitar simplesmente sua própria responsabilidade. Quando você realmente pode digerir o fato de que está literalmente criando cada fato de sua existência, desde a menor molécula até a mais complexa ou maravilhosa situação, então você percebe que pode mudar todas essas coisas, porque você é responsável pelo fato de tudo isso existir.

Você pode fazer isso simplesmente mostrando gratidão por todas as coisas ou pessoas que causam alegria em sua vida, e mostrando o perdão para tudo aquilo ou aqueles que lhe causam dissabor, em vez de tentar eliminar ou mandá-los embora (se fizer isso com facilidade, por favor, me ensine).

Vamos ver se você prestou atenção:

Se você é responsável por todas os fatos em sua vida, tanto o bonito quanto o feio, você tem o poder de reduzi-los, eliminá-los, ou permitir que eles cresçam ou continuem acontecendo, simplesmente mostrando gratidão ou perdão para com eles. Será que podemos fazer isto neste exato momento?



........ Ok, tempo para pensar sobre o assunto.

VOCÊ! Se você criou algo maravilhoso, agradeça por isso. Se você criou algo terrível, perdoe-se por fazê-lo, certificando-se de que não volte a acontecer no futuro.

Aqui fica difícil de engolir, mas estes conceitos são verdadeiros, tanto a nível de microcosmo e macrocosmo:

Você é responsável por tudo que faz parte de sua vida! Terrorismo é culpa sua. Assassinatos são culpa sua. A fome e a doença são culpa sua. Corrupção (e quanta corrupção...), violência, altos impostos são culpa sua. Isso dói, né? Você pode apostar que sim.

Mas aqui está a boa notícia:

O Amor é culpa sua. O nascimento bem sucedido de uma criança é culpa sua. Os amigos, a família, culpa sua. Milagres na medicina são culpa sua. Animais de estimação que alegram seu dia são culpa sua. A curiosidade de uma criança é sua culpa. A Felicidade pura, é tudo culpa sua! Tá bom, vamos trocar, nestes casos, "culpa" por "criação"!



Você começa a ver o seu poder agora? Você pode fazer ou refazer tudo! De fato, pode, sim. Mesmo agora, neste momento, quando você estiver lendo este artigo, pode ao mesmo tempo estar colaborando para a criação ou destruição de seu mundo.



Se você vai para a cama à noite e não consegue dormir, você criou isso. Quando coloca a cabeça no travesseiro e tem a melhor noite de sono de sua vida, você criou, também. Quando você se levanta de manhã e chove tanto que você nem imagina como chegar ao trabalho... tá, não vou falar! Mas quando você se levanta e se depara com um lindo dia, é criação sua - ficou melhor, né?



Observe com mais atenção todo o bem, mal, tudo e todos à sua volta. E você pode verificar isso para aumentar a sua gratidão e sua capacidade de perdoar. Mas principalmente, para ajudar a todos que você possa. Assim, estará praticando o Ho'oponopono em sua vida, a serviço do BEM.

 
UM POUCO DA PRÁTICA...

Várias pessoas têm diferentes maneiras de invocar o poder do Ho'oponopono, mas desde que eu iniciei meu convívio com Al McAllister, seguindo suas orientações, e para fazer a conhecida "limpeza de memórias limitantes", posso afirmar que é plenamente eficaz se ter em mente e pronunciar as quatro seguintes frases:

"Sinto muito"
"Perdoe-me"
"Eu te amo"
"Sou grato"

Devemos repetir frequentemente essas quatro frases (ou uma combinação delas) tanto quanto possível, todos os dias, logo que percebemos a necessidade de amar as pessoas e a nós mesmos, afirmando setirmos muito toda vez que fizermos algo errado, pedindo perdão pelos erros (a nós e a outros prejudicados), e agradecendo cada vez que algo belo acontece conosco, ou mesmo algo desagradável.

Lembre-se que a tradução literal do Ho'oponopono é trazer as coisas de volta para o seu eixo. Desde que você é co-criador de sua vida, no sentido de sermos Obreiros de nosso destino autorizados por DEUS, você tem o poder de criar o mundo "direito", ou seja, do jeito que ele tem de ser, do jeito que Deus o fez. E você pode fazê-lo dizendo, confiando e agindo em consonância com essas quatro sentenças.

Sei que para alguns pode parecer impossível aceitar o fato de que nós estamos literalmente criando o que acontece em nossa vida, e que portanto podemos mudar o rumo das coisas.

Aqui está mais um teste: se você acredita em nada disso, quem criou esta descrença? Eu? Eu, não!

Pense sobre isso.



 - por Rafael Silva

Caclule seu bioritmo - CLICK

TAROT DA CRUZ - Clik P/JOGAR

DIVULGANDO O LIVRO DE MARIA ALICE CERQUEIRA

Livro: "DOIS JOVENS EM BUSCA DA FELICIDADE " de uma amiga visite seu blog- clique na imagem

Livros grátis para download - todos os géneros

Blog Ebooks Grátis

Reflexão surpresa - clik

Reflexão surpresa - clik
de: SIMONE: Auto-ajuda

Acenda a sua vela

Acenda a sua vela
clik na imagem: