quinta-feira, 22 de março de 2012

Mana, lembra-te sempre



Mana, na altura da fotografia, que pensavamos e sentiamos nós?
não sabias que passados tantos anos, estariamos onde estamos, né?

então pensa assim, minha Linda, imagina que hoje tiramos uma fotografia juntas!
e no futuro, tudo será diferente!!

achas que evoluistes, ou eu?
achas que passamos por altos, e também baixos
a vida ela é assim mesma, ainda não te apercebestes?
vão marés altas e vêm baixas
mas depressa elas mudam ...

isso faz parte da Vida
e não é magnífico?
quando acaba uma etapa, apesar da dor da perda, ela sempre vem junto
um dia, quando acordas, ela já se foi

e tens à tua frente um MUNDO cheio de POSSIBILIDADES
esse é o Milagre da Vida

mas uma coisa não foi perdida, não!!
a inocência e ternura que emites nessa antiga fotografia
sempre estará comigo, dentro do coração e alma

então pensa, nós todos que restámos depois dos pais terem ido,
somos tudo o que temos, e que permanecem sempre connosco
no bem e no mal!!

estou sempre aqui
sempre fostes a minha Bébé

Náná


quarta-feira, 21 de março de 2012

Verdade

Imagem:  Autor:©Berukstis


A curta duração das nossas vidas proíbe grandes voos às nossas esperanças.
Horácio, 65-8 d. C., poeta romano, Odes

sábado, 17 de março de 2012

COMO SER UMA Pessoa PROGRAMADA (IRONIA)

Adaptado por José Afonso Spínola

1 - Em primeiro lugar, recuse-se terminantemente a admitir a possibilidade de que esteja sendo utilizado pelo sistema para servir os interesses pouco escrupulosos de uma minoria. Reaja com raiva e aos pontapés a qualquer insinuação de que você seja uma pessoa influenciável!
2 - Encha-se até cair de cerveja, whisky, caipirinha e outras porcarias mais. Não se esqueça de encher também os seus pulmões de fumo e, o que é mais arrojado ainda, o seu nariz de pó! Mostre ao mundo o quanto é corajoso por não temer destruir-se. E, principalmente, evite ao máximo pensar que um dia terá de pagar bem caro por todos esses prazeres...
3 - Desperdice o seu tempo à vontade, mesmo sabendo que ele jamais voltará, ficando com a cara na frente da televisão durante horas a fio. Desligue-se do ambiente familiar! Afinal, o diálogo com o seu cônjuge e com os seus filhos não é mais importante que a novela das seis... e das sete... e das oito! Ah, elas são imperdíveis!... e o Big Brother então... Obrigue as pessoas conhecidas que o visitem nesses horários a assistirem consigo os seus programas predilectos. Faça-as esquecerem-se daquilo que foram fazer na sua casa. E no caso de telefonarem, despache os intrusos secamente, batendo o aparelho no gancho com imprecações. Afinal, porra, que seca, esse povo não assiste novela?!
Outra opção incrível para desperdiçar o seu tempo é atirar conversa fora. Converse coisa sem coisa, alhos e bugalhos, cobras e lagartos. Faça mexericos e afirmações sobre tudo e todos sem ter certeza de nada. Cuide só da vida alheia, esquecendo-se da sua. E se, por um imprevisível acaso do destino, a conversa resvalar para assuntos sérios, não perca a oportunidade de gozar deles!
4 - Distraia-se das mais variadas formas, porque quanto mais distraído, melhor! Aqui, novamente, a televisão poderá prestar-lhe grandes serviços. Mas não se limite apenas às novelas e ao Big Brother: assista também a muitos filmes enlatados, de violência ou de terror; ou, ainda, acompanhe passo a passo o maior número possível daqueles tão populares programas de auditório. E que tal navegar madrugadas inteiras pelas páginas mais bizarras da internet, aqueles de cartomantes, numerologia, quiromancia, procura de parceiros conjugais, ou até mesmo os mais picantes, como os pornográficos? E ainda existem aqueles jogos incríveis de computador, esqueceu-se? Ou então, se preferir, os de cartas com os/as amigos/as, claro, tudo à base de "ganzas"...
Além disso, pode passar horas íntimas viajando com excitantes e excitáveis revistas cor de rosa, ou lendo as que mexericam a vida dos artistas e de todas as que se encontram semanalmente nas livrarias. E saiba que existem vários outros meios de distracção (Ah, isso é o que o sistema mais oferece!), como clubes, bilhar, discotecas, disneylândia, excursões, centros comerciais, cinemas, restaurantes, e milhões de muitas coisas mais...
Música? Sé se for da tiazinha, da coisinha ou da garrafinha, ou então bandas sonoras de novelas. Canções com letras capazes de fazê-lo reflectir por um instante... nem pensar! São uma seca!
5 - Engorde à vontade! Afinal, dieta é mania de modelos e manequins! Seja um frequentador assíduo dos fast foods , consumindo mac-sandes-montanhas, batatas fritas com ketchup, refrigerantes, churrasco com bastante gordura, feijoadas, doces e mais doces... Seguindo esta dica à risca, engordará não só o seu corpo, mas também as contas bancárias dos milionários empresários da indústria da carne e das redes de franchising...
Recuse-se a preparar os seus próprios alimentos, preferindo os enlatados e os congelados. E na altura em que sentir uma enorme energia negativa dominar o seu ser, manifestando-se em forma de irritações, depressões e outros contras, negue veementemente que a causa do seu mal estar possa estar minimamente relacionado com a sua péssima escolha alimentar.
6 - E se for pressionado pelo seu espelho a emagrecer, apele aos célebres medicamentos milagrosos destinados a esse fim. Eles farão o seu apetite desaparecer como por encanto, juntamente com... a sua saúde! Mas isso não importa, certo? Os fins justificam os meios! Depois engorde tudo novamente. E nada de interromper este processo de efeito sanfona do engorda-emagrece-engorda .
Ou então venda a sua casa para poder custear a sua hospedagem num caríssimo SPA! Lá também são ministrados esses medicamentos que tanto aprecia...
E há também a alternativa de seguir uma daquelas aborrecidas dietas propostas por artistas e atletas famosos. Não será difícil encontrá-las: basta ligar a televisão ou folhear algumas dessas revistas semanais que dão prioridade máxima aos anúncios.
7 - Depois de passar vários anos abusando das sua saúde e enchendo-se de doenças, torne-se um consumidor habitual de medicamentos, fazendo desse consumo um vício: os cofres da indústria farmacêutica globalizada agradecerão! Tenha na sua casa uma gaveta cheia de comprimidos e tome vários durante o dia: um para dormir, um para se levantar, outros para curar as dores de cabeça, azias, indigestões, colites, úlceras, etc.
 Tome mensalmente uma bateria de antibióticos contra doenças do sistema respiratório já há tanto tempo poluído pelo esfumaçar constante do cigarro. E lembre-se: o importante não é combater a causa do desgaste do organismo, mas sim fazer desaparecer, por alguns fugazes momentos, os efeitos decorrentes dos estragos!
8 - Acredite em tudo o que é relatado na comunicação social. Descarte a possibilidade de que as notícias, antes de chegarem ao público, sejam "seleccionadas" ou, até mesmo, deturpadas, para chegar ao público de acordo com interesses internacionais.
Sintonize a sua televisão naquela emissora do jornal nacional, todos os dias depois do jantar, e aguarde as notícias que podem mudar a sua vida. Sente-se e espere... sentado!
9 - Transforme o seu filho num marginal. Deixe-o, desde bastante novo, aos cuidados de uma educadora electrónica, assistindo à televisão e/ou brincando com jogos de computador durante todo o dia. "Eduque-o" com base no faz o que eu digo, mas não faças o que eu faço.
Além disso, minta bastante às pessoas à frente dele, justifique os seus erros em vez de os admitir e habitue-se a despejar todas as suas tensões do dia sobre a cabeça da criança até ela ficar igualzinha a si. Depois, quando ele já estiver bem tonto e confuso, inicie uma maratona pelos consultórios dos principais psicólogos da cidade a fim de tentar descobrir a causa de tão triste estado.
E quando ele atingir a adolescência, faça vista grossa ao seu interesse precoce pelo sexo, estimulado por novelas, filmes e revistas para "adultos". Agindo assim, muito cedo, certamente que o seu filho poderá lhe fazer diversas surpresas, como dar sinais de desvios sexuais de toda a espécie, contrair doenças sexualmente transmissíveis, ou então, na melhor das hipóteses... dar-lhe um neto!
10 - Esteja sempre na moda. Imite as personagens das novelas da televisão em tudo: na conduta superficial, fútil e leviana, e, principalmente, na promiscuidade. Seja infiel, nunca se comprometa e seja liberal ao máximo. Afinal, vale tudo! Adopte os calões e sotaque dessas mesmas personagens, os seus tiques, os seus olhares e trajes até não conseguir saber quem você é! Além disso, leia todos os livros de "magos" para se poder auto nomear uma pessoa espiritualizada, e sentir-se, ao mesmo tempo, um intelectual. E também todos os de "neuro-linguística", auto ajuda e de pensamento positivo, convencendo-se a si mesmo de que é um grande vencedor! Mas, sobretudo, não deixe de fazer psicoterapia para conseguir viver dentro deste grande hospício, em que a maioria das pessoas, pode crer, está igualzinha a si...
11 - Seja um fanático. Em primeiro lugar, por futebol, ficando o domingo inteiro a assistir jogos pela televisão ou então ao vivo, nos próprios estádios. Torça, grite, esperneie à vontade. E não se esqueça de ameaçar de morte os apoiantes da equipa oposta à sua. Seja fanático também pelo carnaval, gastando todas as suas economias em fantasias...
12 - Seja um consumista compulsivo. Compre tudo o que vê pela frente, satisfaça todos os seus desejos, gaste todo o seu dinheiro com supérfluos, novidades electrónicas, roupas... Esqueça as suas necessidades, as prioridades e a prudência.
E, finalmente, vivendo em permanente estado de distração, embriaguez e entorpecimento, finalmente tornar-se-á apto em ser um perfeito idiota. Estará no ponto para ser manipulado e usado. Estará colocando as suas energias, a sua saúde e o seu dinheiro ao serviço dum plano infeliz, desumano e... sinistro.

Texto original retirado do anuário brasileiro Humanus e publicado no website Econac

sexta-feira, 16 de março de 2012

O EGO E seus desdobramentos

LUXÚRIA

* Eu do Adultério (quer unir-se sexualmente a uma mulher, ou homem, porém que já possui um companheiro)
* Eu da Amizade (querer a amizade de alguém para conseguir a união sexual)
* Eu Aproveitador (aproveita qualquer circunstância para satifação sexual)
* Eu Dançarino (excita-se ao dançar; há também os que se excitam vendo alguém dançar)
* Eu Altura (sente-se atração por pessoas altas e/ou baixas)
* Eu Bissexual (sente-se atraído por ambos os sexos)
* Eu Don-Juan (conquista por satisfação, mesmo sem interesse nem atração; nasce de outros eus)
* Eu dos Ciúmes (possessão sexual; nasce do eu da insegurança)
* Eu Voyeur (sente prazer em ficar observando)
* Eu Galã (sente-se atraente e gosta de conquistar com gestos, delicadezas, olhares, sorrisos  e gentilezas)
* Eu Fantasia (quando a imaginação erótica é frequente; eu muito instintivo e forte)
* Eu Esfregador (sente prazer ao se esfregar em outra pessoa; em ônibus, metrô, trens, locais públicos)
* Eu Exibicionista (mostra suas partes íntimas ou roupas íntimas, como decotes, saias curtas, calças apertadas mostrando volumes)
* Eu Coprolalia (conversa em linguagem obscena)
* Eu Esquentador (aquele ou aquela que excita e depois rechaça)
* Eu Sádico (sente prazer golpeando o parceiro; suave ou violentamente: é uma questão de grau, desde simples tapas nas nádegas a estupros abomináveis)
* Eu Travesti (sente grande prazer em vestir roupas e assumir gestos do sexo oposto; homem que sente excitação ao usar vestidos e lingeries e mulher que usa ternos e cuecas; sutil ou clara tendência bissexual ou até mesmo homossexual)
* Eu Sexivestido (sente grade prazer em usar roupas do sexo oposto sem assumir gestos; grau menor que o Eu Travesti)
* Eu Cantador (sente prazer em fazer galanteios a todas as pessoas; o famoso eu da cantada)
* Eu Ninfolepera (atração por jovens de pouca idade; o grau mais acentuado é o Eu Pedófilo)
* Eu Narcisista (sente atração pelo próprio corpo, é uma espécie de auto-homossexualismo)
* Eu Masoquista (sente prazer sexual apanhando; ligado ao eu da Ira; procura por parceiros com tendências sádicas)
* Eu Sentimental (expressa sentimentos fingidos para conquistar e/ou excitar)
* Eu Grafite (gosta de fazer desenhos obscenos em banheiros públicos e outros lugares)
* Eu Masturbador (sente prazer na masturbação, mais até do que no próprio ato)
* Eu Fornicário (sente prazer no derrame da energia, no orgasmo, na ejaculação)

IRA

* Eu da Antipatia (maior ou menor grau de repugnância, repúdio ou aversão. “Não fui com a cara de fulano”, “Não gostei” etc. Há dois tipos: provocada ou mecânica; nascem da inveja ou dos complexos e das comparações)
* Eu Educador (pais, professores ou educadores “dizem” querer encaminhar a criança ou o jovem com disciplina, mas o que se manifesta neles é a atitude descontrolada da ira; seu símbolo é a palmatória)
* Eu da Crítica Mordaz (ofende e afeta para destruir, age com ferocidade verbal, auxiliado por ironias, sarcasmos e palavras de duplo sentido)
* Eu Burlador (faz atos ou gestos, por causa da Ira, para ridicularizar, como mostrar o dedo do meio)
* Eu da Crueldade (sente satisfação em ver alguém sofrer; às vezes acompanha o Eu Educador)
* Eu Briguento (“Não levo desaforo para casa” ou “Não tenho sangue de barata”)
* Eu da Cólera (zanga-se descontroladamente)
* Eu da Displicência (mostra-se indiferente a outro, em palavras, roupas ou gestos)
* Eu Discutidor (entra em polêmicas, dialoga exageradamente, é um eu mentaloide)
* Eu da Imposição (impõe e domina; típico de chefias)
* Eu Irreflexivo (age sem nenhuma lógica)
* Eu Grosseiro (usa vocabulário grosseiro e obsceno)
* Eu Iniquidade (pratica a injustiça por maldade, é a Ira admitida)
* Eu da Injúria (ultraja por palavras)
* Eu da Intolerância (não quer entender os demais, é lunático e temperamental)
* Eu Irritadiço (irrita-se por qualquer coisa, típico em mulheres com tpm, crianças mimadas e pessoas ansiosas)
* Eu Irritável (irrita-se com tudo o que as pessoas fazem ou falam)
* Eu Machista (sente-se dono da mulher ou superior a elas, quer protegê-la pensando que a ama)
* Eu do Ódio(é o contrário do Amor)
* Eu Suscetível (“Estão rindo de mim, vou tomar satisfações”; “está olhando o quê?”)
* Eu Ressentimento (sentimento profundo de dor, que ativa o Eu do Rancor)
* Eu Ofensivo (fere com palavras)
* Eu Inconformado (tudo o desagrada, as pessoas, os lugares, as coisas; comum em adolescentes)
* Eu Desagradável (faz e fala coisas que o tornam desagradável, fala o que as pessoas ao seu redor não querem ouvir)
* Eu Blasfemo (renega, maldiz, insulta ou atenta contra o que é sagrado, contra Deus  e as religiões)
* Eu do Protesto (pessoa que não estáde acordo com qualquer determinação, opinião etc.)

ORGULHO

* Autoconsideração (É A PORTA DE ENTRADA DE TODOS OS DEFEITOS. A pessoa sente-se ferida, mal amada, mal agradecida, injustiçada. Atrai, primeiro, a ira)
* Autossimpatia (esforça-se em ser simpático para ter aceitação, típico em ambiente profissional, manifesta-se especialmente pela distribuição de sorrisos para todos)
* Automérito (crê-se merecedor, mesmo não fazendo nada)
* Autovalorização (valorizar os esforços realizados. Quer recompensa)
* Autossuficiência (não necessita de ninguém, só acredita no próprio valor, não admite que alguém o ajude)
* Burla (caçoar ou debochar de alguém através dos olhos ou de gargalhada, quer chamar a atenção)
* Impontualidade (chega atrasado para ser notado)
* Gargalhão (ri estrondosa e escandalosamente)
* Complexo de inferioridade (crer-se menos que os outros, gera indecisos)
* Complexo de superioridade (crer-se mais que os outros)
* Indiferença (não ligar para os demais, fingir que não escuta ou liga para os outros)
* Pilatos (justifica seus erros ou atitudes)
* Desobediência (não aceita seguir ordens ou sugestões)
* Orgulho físico (ególatra que admira o corpo ou determidada parte dele)
* Orgulho mental (admira-se de seu preparo intelectual, seu diploma acadêmico, sua experiência etc.)
* Eu Fama (ambiciona ser famoso, conhecido, notório, quer ser manequim, ator/atriz, político, sentir a luz dos holofotes em seu rosto etc.)
* Nacionalista (apego ao país, à região – Eu Sulista, Eu Nordestino, Eu Gaúcho, Eu Argentino etc.; pode chegar ao genocídio)
* Paranóico (doença mental, nunca aceitaria seus erros ou deficiências; complexo de perseguição)
* Egotismo (só fala de si mesmo, incessantemente; gosta de interromper quem está falando para falar de si)
* Incredulidade (não aceita os fatos por excesso de orgulho)
* Pudorado (manifestar demasiado pudor)
* Ressentimento (emoção mediana entre a ira e a autoconsideração)
* Eu Guru (pretende sempre dar respostas “superiores”, dar “lição de moral” nos outros, sempre tem uma frase de efeito para mostrar sua presença “humildemente superior”)

PREGUIÇA

* Apatia (pouca ou nenhuma iniciativa)
* Desinteresse (não se interessa por nada, para não ter com que se preocupar)
* Abandono de Si (a pessoa se estira numa cadeira, sofá ou outro lugar, joga as pernas e sente que a preguiça tomou conta de si)
* Bocejo Frequente (tudo provoca indiferença, sono e cansaço)
* Busca de Desculpas (“Hoje estou cansado, com dor de cabeça”)
* Dormir Demais (ter mais de sete ou oito horas de sono é uma manifestação de preguiça, mas também pode ser escapismo)
* Desalento (apoia-se, com os cotovelos ou pés sobre a mesa, como num eterno cansaço, ou inclina-se na cadeira)
* Enfermidade do Amanhã (vive o futuro sem experimentar o presente, cria situações para adiar)
* Esquecimento Constante (não se esforça para pensar)
* Desperdício de tempo (não dá importância ao tempo)
* Impontual (nunca chega no horário, sai de casa sempre na última hora)
* Inércia (incapacidade de ação, não sabe ter ação nem iniciativa, muito menos ser proativo)
* Inconstância (está sempre mudando para não terminar)
* Incapacidade (por preguiça de assumir)
* Mal Vestir (preguiça de combinar, às vezes até de abrir o guarda-roupas; por pouco não anda de pijama na rua ou no trabalho)
* Preguiça de Ler (alguém leu as obras gnósticas recomendadas? Ou se lê, termina o livro? Ou medita nele?)
* Pessimismo (“Para que mudar se não vai dar certo mesmo?”)
* Tradicionalismo (segue só a sua tradição, religião, família, com preguiça de mudar sua vida)
* Surdez (a preguiça afeta até os sentidos físicos)
* Preguiça Verbal (não entra em discussão ou não responde por preguiça)
* Preguiça Física (esse ego determina até as formas, como a barriga, o rosto, o andar, a postura; dá-se a impressão de que o preguiçoso físico está a ponto de derreter)

COBIÇA

* Ânsia de Poder Material (mais dinheiro, mais cargos…)
* Poder Psíquico
* Avarento (apego exagerado ao dinheiro)
* Explorador
* Ladrão
* Mau Orientador
* Conhecedor (adquire conhecimentos só para atingir fim anelado)
* Eu do Assalto
* Cleptomaníaco
* Mesquinho (não divide seus bens com ninguém)
* Usurário (empresta dinheiro a juros)

INVEJA

Enquanto a Cobiça é o querer para si, a Inveja é o pesar ou desgosto pelo bem, pela felicidade ou pelo sucesso alheio.
* Eu Bruxo (consciente ou inconscientemente lança vibrações psíquicas de fracasso a outrem)
* Eu Competitivo (pode até matar por inveja)
* Traidor (a Grande Fraternidade Branca considera o grau extremo desse defeito como Alta Traição, cuja condenação é a queda ao Nono Inferno Dantesco, mesmo que a pessoa ainda esteja viva; ou seja, o corpo da pessoa ainda está vivo, mas sua Alma já não está mais ali: é o chamado Morto-Vivo)
* Falso Julgamento (Caluniador)
* Fracasso de Alguém (este Eu se manifesta na maioria das pessoas, porém em nível inconsciente; por isso se pede ao gnóstico que mantenha sigilo e não fique “fofocando”, comentando com todo mundo suas experiências, seus projetos, planos materiais ou espirituais)

GULA

* Eu do Meio-Dia (“sente” fome ao saber que determinada hora chegou)
* Devorador (não mastiga os alimentos, ou no máximo duas mastigadas)
* Ideia Fixa (de comer sempre. Não mede consequências físicas, morais ou internas)
* Medo da Fome (come por medo de passar fome)

VÍCIOS

Obviamente, existem agregados que são elos entre um eu principal e outro. Lembremo-nos de que há mais de 10 mil agregados. Temos ainda outros eus, muito fortes nos dias atuais, como os Eus dos Vícios, tais como:
* Eu Pescador
* Eu das Rifas
* Eu Tabagista
* Jogador de Cartas
* Eu Caçador
* Eu Jóquei
* Eu Maconheiro
* Eu Refrigerante (p.ex., que adora Coca-Cola)
* Demônio Algol (alcoolismo)
* Eu Caça-Níqueis
* Eu Bilharista
* Eu masca chiclete
* Eu do Fliperama
* Eu da Loteria
* Eu Bingueiro

segunda-feira, 5 de março de 2012

Exercício para a Água






Será que o projeto abaixo dá certo?   Que tal nos ocuparmos no silêncio dos nossos corações em fazer o que é sugerido pelo Dr.Emoto?
Vai que dá certo e conseguimos um mundo melhor? 


Masaru Emoto
(presidente do projeto)
Projeto
'Agradecimento e Amor para a Água'
Vamos purificar toda água do mundo pela Oração
Este projeto começou em 01 de Julho 2002 _ secretário geral: Yasujuki Nemoto (planejamos criar uma Organização sem fins lucrativos ) _ http://tank- water.net - e-mail: love@thank-water. net, Tel: +88 3 3863.0860, Fax: +99 3 3866.5353 _ end.: 1-1-11-1F Yanagibashi, Taito-ku, Tokyo 111-0052, Japão
 Como fazer uma Oração para a Água
Vamos dizer para a água todo nosso amor e agradecimento
    • Coloque um copo de vidro numa mesa da cozinha, da sala de jantar ou quarto. Fale gentilmente para a água "Eu amo você". Ao mesmo tempo imagine que toda água do mundo está interligada. Você pode fazer isto com seus filhos, membros da família ou amigos. Seu Amor e agradecimento vão ser manda-dos para toda a água no mundo, através da água do copo. Quando você toca a água da torneira enquanto lava a louça, quando lava o arroz antes de cozinhar, ou quando lava a roupa, podemos imaginar que toda vibração de seu amor e agradecimento transborda do seu coração fluindo através de seu peito, ombros e braços, para suas mãos que tocam a água, que sai pelo ralo. Esta vibração vai se espalhar facilmente através da água que desce pela tubulação para os rios e finalmente para o oceano. A evaporação da água dos oceanos vai formar nuvens, cuja água vai descer em forma de chuva nas mais diversas partes do mundo. Assim a vibração de seu Amor e agradecimento que saiu do seu coração vai se transmitir para o mundo inteiro através deste ciclo da água. Isto é a forma mais fácil de você contribuir, e você pode fazer isto todo dia e sempre quando usa água.

  • Mais simples ainda é dizer gentilmente para a água que corre para o ralo após ter cumprido com sua função "Eu amo você" e "Obrigado". Isto com certeza mudará a vibração da água. Também é útil colar uma etiqueta adesiva na superfície da torneira onde tenha escrito "Obrigado", ela vai lembrar você da importância de expressar sua gratidão para a água, cada vez que abre a torneira.
  • Ou se quiser fazer mais, poderá organizar reuniões em volta de um pequeno lago, riacho ou até ao longo de uma praia do mar. As pessoas participantes façam um circulo se dando as mãos dizendo o já mencionado acima ou mais. Lembre que a força da oração é proporcional ao quadrado do numero de pessoas envolvidas. Junte suas próprias orações de amor para a água e este planeta terra, nesta cerimonial. Quando as vibrações de agradecimento e amor fluem de seu coração, poderá sentir um calor aquecendo seu peito, o que é o resultado da lei do universo "O que você da, receberá".
    Visualize seu amor e agradecimento
    Imaginamos que esta vibração de amor e agradecimento se transmite para a água em forma de luzes cor de prata e ouro, que toda a água do mundo brilha maravilhosa- mente, e finalmente que todo o planeta emite este brilho luminoso. Quando tudo é preenchido pela mais alta vibração de luz, tudo é harmonizado e curado. Imaginemos que todas as pessoas do mundo carregem um sorriso de felicidade.
    (corredeira de água fresca e limpa)
    Mande amor e agradecimento para áreas especiais.
    • Por exemplo, poderá mandar amor e agra-decimento para o rio Jordão, especialmente neste momento (veja a foto abaixo)
    • Muitos Israelenses e Palestinos moram ao longo deste rio. Nossas orações de amor vão elevar a vibração da água lá. Não há fron-teiras para o cami-nho da água.. As pessoas dos 2 lados do rio vão beber esta água e seus corpos se enchem da vibração de amor e agradecimento que mandamos. Assim, aqueles envolvidos na guerra e terrorismo começaram se conscientizar daquilo que estão fazendo. "Porque simplesmente não largamos as armas e vivemos uma vida de paz juntos."
    • Existem muitas outras áreas como o rio Jordão onde ainda se desenvolvem guerras e conflitos, como nos Estados Unidos, no Iraque, na Índia, no Paquistão, no Afeganistão, em nações da África e outros. Vamos mandar nosso amor e agradecimentos para as águas onde há pessoas que sofrem. Isso poderá ser mudado pela cura da água, e todo mundo será tocado pela vibração do amor e da harmonia.
    Os que participam e sofrem com guerras, também são nós mesmos, pois toda a consciência está interconectada numa só, e a água é um espelho que reflete nossa própria consciência.
    • A paz começa nos corações de cada um de nós. Vamos encher nossos corações de amor e agradecimento. Depois visualize que esta vibração se expande transbordando para todos os cantos do mundo, curando-o.
    Efeitos de sua consciência na água
    Nossa consciência sem dúvida influencia a água, principal-mente quando nós nos concentramos numa mesma intenção, que representa uma tremenda força. É como se fosse um raio laser que pudesse atingir a lua.
    No verão de 1999, centenas de pessoas se reuniram ao longo do margem do lago Biwa, localizado no centro do Japão, e oraram para a paz e harmonia do universo. Após um mês um jornal local noticiou que somente este verão não houve reclamações de moradores locais sobre o mau cheiro proveniente do crescimento de uma alga, que eles experi-mentavam durante anos.
    Como a consciência de todos nos poderemos mudar o mundo
    Os efeitos da nossa consciência na consciência de todos cria o mundo como nos conhecemos, quer dizer que podemos mudar o mundo. Quando o mundo estiver repleto de vibrações de amor e agradecimento, então você poderá experimentar um mundo de amor e agradecimento.

LOUISE L.HAY - O corpo como espelho das nossas crenças




O corpo que podemos ver e tocar não consegue nos conduzir para dentro do Ser. Mas esse corpo visível e palpável é só uma casca, ou melhor, uma percepção limitada e distorcida de uma realidade mais profunda. Em nosso estado natural de conexão com o Ser, essa realidade mais profunda pode ser sentida, a cada momento, como o corpo interior invisível, que é a presença viva dentro de nós. Portanto, "habitar o corpo" é sentir o corpo bem lá no fundo, de modo a sentir a vida dentro dele e, assim, perceber que somos algo mais além da forma exterior.
ECKHART TOLLE
O corpo é um espelho das nossas crenças
Embora muitas pessoas me vejam como alguém com o poder de curar os outros, eu não curo ninguém.
Meu trabalho é ajudar as pessoas a compreenderem como seus pensamentos criam,
constantemente, suas próprias experiências de vida - todas elas , tanto as boas quanto as que chamamos de más experiências.
Nossos pensamentos podem,  estar contri­buindo para o bem-estar ou para o mal-estar de nossos corpos.
Não queremos ficar doentes e, no entanto, podemos aprender com cada doença que contraímos.
É a maneira que nossos corpos encon­tram para nos dizerem que estamos com uma idéia errada, com uma percepção falsa, e que precisamos mudar nossa forma de pensar.
Cada doença é uma lição que precisamos aprender.
Por favor, não fique só reclamando: "quero me livrar desta doença."
Isso não vai trazer a cura que você deseja e você não vai aprender a lição de que necessita.
Não se coloque também numa atitude defensiva, como se a doença fosse uma espécie de acusação.  Não se trata de condenar nem de sentir nenhuma culpa.
Tanto na doença quanto em qual­quer situação de vida, o importante é observar o que está acon­tecendo conosco para entender o que precisa  ser libertado e trans­formado.
> toda doença é resistência e essa resistência é causada por uma acumulação de experiências ruins. Agora é hora de se limpar desse lixo ( raiva, ciúmes, apegos, traumas , tristezas, ressentimentos, magoas, dor,  ódios, preocupação...)  e entregar tudo para o universo  ....o universo irá reciclar esse lixo todo , ele sabe fazer isso ......transformar é se libertar.....dessas velhas historias, do medo, da dor  ... e escolher o amor
Então eu lhe digo: é hora de se curar, de tornar sua vida e seu corpo íntegros, que significa que você deseja investir na sua saúde.

Eu sei que você tem, dentro de si, tudo de que precisa para conseguir isso.
Quando você começar a compreender o processo que leva à saúde ou à doença, será capaz de assumir o controle consciente das mudanças que deseja fazer.
É um processo muito emocionante que vai se tornar uma das aventuras mais felizes da sua vida.
Acredito que existe um centro de sabedoria  dentro de cada um de nós e que, quando estamos prontos para fazer mudanças positivas, atraímos o que é necessário para nos ajudar. 
O corpo é um espelho das nossas crenças  e dos nossos pen­samentos mais íntimos.
O corpo está sempre conversando conosco.
É preciso aprender a escutar o que ele tem a dizer.
 Cada célula reage a cada pensamento seu, a cada palavra que você pronuncia.
Por isso, se prolongamos durante muito tempo determinadas formas de pensar e de falar, elas irão produzir comportamentos e posturas corporais, assim como um maior ou  menor bem-estar.
Suas palavras e pensamentos contribuem para sua saúde ou sua doença.
Louise Hay
 
                             Eu tenho a proteção do amor divino.
                   
Não há nada a temer, NÃO HÁ NENHUMA PRESSÃO.
Estou em segurança  .
                                    
O amor É A LUZ QUE ILUMINA MINHA  vida.
                                                     
 Eu me alimento desse sentimento,   
 E   vivo nesse momento  , essa emoção,
    DEIXO O PASSADO PARA trás,
    e sigo rumo ao novo
                    ao mais doce, ao mais belo , ao mais agradável ,ao mais calmo,
ao mais livre , ao mais bonito .
Estou cercado de tranqüilidade, DE AMOR e  DE  paz.
Tudo esta bem.
Suas palavras e pensamentos constroem
sua  saúde  ou sua doença,
sua  tristeza ou  sua  alegria.
Escolha amado, ser fora, quem você é dentro.
Eu agora torno   minha vida, 
uma vida fácil, alegre, e divertida.
Porque esse é quem Eu Sou,
e  É  assim que eu me sinto.
Tudo está bem em meu mundo,
pois sou inundado pela  paz e a harmonia divina. 
Porque esse é quem Eu Sou,
e,  É  assim que eu me sinto.
Sou um oceano de amor e alegria.

sábado, 3 de março de 2012

quarta-feira, 29 de fevereiro de 2012

Resumo de livros - Cura Quantica


"O ser humano vivencia a si mesmo, seus pensamentos, como algo separado do resto do universo - numa espécie de ilusão de ótica de sua consciência. E essa ilusão é um tipo de prisão que nos restringe a nossos desejos pessoais, conceitos e ao afeto apenas pelas pessoas mais próximas.
Nossa principal tarefa é a de nos livrarmos dessa prisão, ampliando o nosso círculo de compaixão, para que ele abranja todos os seres vivos e toda a natureza em sua beleza.
Ninguém conseguirá atingir completamente este objetivo, mas lutar pela sua realização já é por si só parte de nossa liberação e o alicerce de nossa segurança interior".
Albert Einstein

Eu costumo resumir os livros que leio. Pegar frases, tópicos, palavras e expressões que me chamam a atenção. Aqui estão as melhores do livro do Dr. Deepack Chopra
A Cura quantica.1989

Entenda como funciona nossa mente:
 
Você não está aqui para tentar fazer com que o mundo seja tão justo quanto você gostaria que fosse. Você está aqui para criar um mundo em torno de suas escolhas ao mesmo tempo em que você permite que o mundo que outros escolheram também exista.
Você pode manter o foco nas coisas ruins que já lhe aconteceram ou mudar o foco para coisas boas que podem vir a acontecer. Quando as pessoas mantêm o foco no que elas querem, o que elas não querem perde a força.
Num certo sentido, temos dois cérebros, duas mentes e dois tipos diferentes de inteligência: racional e emocional.
Nosso desempenho na vida é determinado pelas duas não é apenas o Ql, mas a inteligência emocional que conta. Na verdade, o intelecto não pode dar o melhor de si sem a inteligência emocional. (equilíbrio das emoções)
O nome Ayurveda originou-se há mais de 4 mil anos; em sânscrito, significa “a ciência da vida”.  Os antigos médicos da Índia eram também grandes sábios e tinham como crença principal a idéia de que o corpo é criado pela consciência.
No Ayurveda, o requisito mais importante para a cura de qualquer desordem orgânica é um nível profundo e completo de relaxamento.Esse princípio se baseia no conceito de que o corpo sabe como manter o equilíbrio, a não ser que esteja abalado pela doença; desse modo, se alguém deseja restaurar a capacidade de cura do próprio organismo, é necessário que faça tudo para readquirir o equilíbrio.
As pesquisas de curas espontâneas de câncer realizadas tanto nos Estados Unidos como no Japão demonstraram que, pouco antes do restabelecimento, quase todos os pacientes passam por uma alteração de consciência entendendo que a cura provém de sua mente e que o ambiente também é responsável pelo seu equilíbrio.
Por que não consideramos um milagre o corpo soldar um osso partido? O motivo pelo qual a mesma pessoa considera milagre a cura do câncer e não pense o mesmo a respeito da fusão de um osso do braço está ligado à união entre mente e corpo.
O braço partido solda-se porque a consciência o emenda, e o mesmo acontece na cura de um câncer, na longa sobrevivência de um caso de AIDS, na cura pela fé e mesmo na capacidade de viver até a idade avançada, sem se deixar abater por uma doença. 
A razão de nem todos conseguirem levar o processo de cura até onde devem resulta do fato de nos diferenciarmos drasticamente quanto a nossa capacidade de mobilizá-la.
Aparentemente, os pacientes bem-sucedidos aprenderam a motivar a própria cura e conseguiram, nos casos mais felizes, ir além. Descobriram o segredo da cura quântica.
São os gênios da união entre a mente e o corpo
A cura quântica afasta-se dos métodos da alta tecnologia e penetra nos meandros mais profundos do sistema mente corpo nesse núcleo que ela se inicia. Para atingi-lo e aprender a provocar a resposta de cura é necessário que você atravesse todos os níveis mais densos do corpo: células, tecidos, órgãos e sistemas; atingirá, então, o ponto de união entre a mente e a matéria, o ponto em que a consciência realmente começa a causar um efeito.
A mente subconsciente é simplesmente programada para reconhecer e atrair aquilo que é familiar, não necessariamente o que é desejável.
O subconsciente é o armazém de suas atitudes,
valores e crenças, e ele controla a sua vida habitual nas respostas. 
Uma vez perguntaram ao Dr. Kari Menninger, famoso psiquiatra, o que ele recomendaria a alguém que estivesse a ponto de ter uma crise nervosa. Ele disse para a pessoa sair de casa, ir ao encontro de alguém necessitado e ajudar essa pessoa.
Um corpo doente é um corpo que não está tranqüilo. Nossa fisiologia cria doenças como um alerta para que nós saibamos que nós estamos fora de equilíbrio. Para que saibamos que não estamos amando, que não estamos firmes. Os sintomas do corpo não são coisas terríveis.
Nós temos o programa básico que se chama AUTO-CURA. Se você se cortar, a pele crescerá de novo. Se você tiver uma infecção bacteriana, o sistema imunológico entra em ação e dá conta de tais bactérias. O sistema imunológico é feito para curar a si próprio. Doenças não sobrevivem em um corpo que está emocionalmente saudável.
O seu corpo elimina milhões de células a cada segundo e cria milhões de células novas. Na verdade, literalmente, partes do nosso corpo são substituídas todos os dias. Outras partes levam alguns meses, outras levam alguns anos. Dentro de alguns anos, nós temos um corpo físico totalmente novo. 
Se você tiver uma doença e se concentrar nela, se você falar a outras pessoas a respeito, você irá criar mais doença.
São nossos pensamentos e emoções que, continuamente, re-montam, re-organizam, re-criam o nosso corpo. Remova o stress fisiológico do corpo e ele fará o que ele foi projetado para fazer. Ele irá curar a si mesmo.
O segredo, como quase todo o resto do declínio “natural” da velhice, depende dos hábitos mentais, e não do conjunto de circuitos do sistema nervoso. Enquanto uma pessoa se mantiver mentalmente ativa, continuará com a mesma inteligência da juventude e da idade madura. A senilidade não é fisicamente normal em um cérebro saudável.
Qualquer médico que exerça a profissão sabe que a vontade do paciente em se curar é parte vital do tratamento. Mesmo integrando a medicina “severa”, a maioria dos médicos aceita a idéia de que a atitude, a crença e as emoções são atuantes
Se a sanidade pode ser conservada por meio dos alimentos, capazes de promover até a melhora no estado de espírito, os princípios básicos da medicina mente-corpo ficam ainda mais confusos. Você pode confiar na mente para curar artrite e, ao mesmo tempo, alegar que comer chocolate o deixa deprimido?
Se você está descascando batatas e corta o dedo, o corte se cura e, evidentemente, você não fica deslumbrado com isso, porque o processo de cicatrização — a coagulação do sangue para fechar o corte, a formação de uma crosta e a regeneração da nova pele e dos vasos sanguíneos — parece uma coisa absolutamente normal.
Quando uma célula de sangue chega à borda de um corte e começa a formar um coágulo, não viajou até ali ao acaso. Sabe realmente aonde quer ir e o que fazer quando chegar, com a mesma certeza de um especialista — com mais até, de fato, já que age de forma completamente espontânea e não procura adivinhar.
Devemos admitir que o corpo tem uma mente própria. Quando compreendemos esse aspecto misterioso de nossa natureza básica, desaparece a natureza milagrosa que atribuímos à cura. Os corpos de todo mundo sabem como curar um corte na pele, mas aparentemente poucos deles sabem como curar o câncer.
A frustrante realidade, no que se refere aos pesquisadores médicos, é já sabermos que o corpo vivo é a melhor farmácia inventada até hoje.
Ele produz diuréticos, analgésicos, tranquilizantes, soníferos, antibióticos e tudo mais que é fabricado pelas indústrias de drogas, mas sua produção é muito superior.
A dosagem é sempre certa e ministrada no horário adequado; os efeitos colaterais são mínimos ou inexistentes; as indicações para o uso estão incluídas na própria droga, como parte de sua inteligência.
O filósofo grego Heráclito foi o autor do famoso comentário: “Não podemos entrar num rio duas vezes no mesmo lugar”, já que ele está em constante mudança com a chegada de novas águas. O mesmo acontece com o corpo.
Todos nós nos parecemos muito mais com um rio do que com qualquer coisa petrificada no tempo e no espaço. Se você pudesse ver seu corpo como realmente é, nunca o veria repetir-se. 90% dos átomos de nosso corpo não estavam nele há 3 meses.
É como se vivêssemos num edifício cujos tijolos fossem sistematicamente trocados a cada ano. Se for seguida a planta original, ele continuará parecendo o mesmo prédio.
Tudo o que acontece no universo mental
necessariamente deixa sinais no físico. 
Observando essas moléculas girarem enquanto o cérebro pensa, os cientistas viram que cada acontecimento distinto no universo da mente — como a sensação de dor ou de uma intensa lembrança — desencadeia novo modelo químico do cérebro, não apenas em um ponto, mas em muitos.
Literalmente, podemos ler a mente de outras pessoas pela mudança constante de suas expressões faciais; quanto a nós mesmos, ainda que sem notar, também registramos os milhares de gestos da linguagem do corpo como um sinal de nosso estado de espírito e das intenções das pessoas para conosco.
Nosso corpo é a imagem física, em 3D, do que estamos pensando.



retirado de: 
http://laurabotelhoquantica.blogspot.com/2009/10/create-myspace-playlist-at-mixpod.html?utm_source=BP_recent

segunda-feira, 20 de fevereiro de 2012

Medos



os nossos medos, mais nada são, que capas de memórias que trazemos encrostadas dentro na alma, que accionamos, que nos fazem sentir  frágeis, e nos fazem, na maioria das vezes, sentirmo-nos afastados de Deus, ou mesmo, negar Deus

vencendo-os, apenas, chegaremos a ELE

ANALUZ

Tarot de OSHO clik

Se gosta de ERVAS e ESPECIARIAS CLIK

Se lhe interessa a NOVA ERA Clik

quinta-feira, 22 de março de 2012

Mana, lembra-te sempre



Mana, na altura da fotografia, que pensavamos e sentiamos nós?
não sabias que passados tantos anos, estariamos onde estamos, né?

então pensa assim, minha Linda, imagina que hoje tiramos uma fotografia juntas!
e no futuro, tudo será diferente!!

achas que evoluistes, ou eu?
achas que passamos por altos, e também baixos
a vida ela é assim mesma, ainda não te apercebestes?
vão marés altas e vêm baixas
mas depressa elas mudam ...

isso faz parte da Vida
e não é magnífico?
quando acaba uma etapa, apesar da dor da perda, ela sempre vem junto
um dia, quando acordas, ela já se foi

e tens à tua frente um MUNDO cheio de POSSIBILIDADES
esse é o Milagre da Vida

mas uma coisa não foi perdida, não!!
a inocência e ternura que emites nessa antiga fotografia
sempre estará comigo, dentro do coração e alma

então pensa, nós todos que restámos depois dos pais terem ido,
somos tudo o que temos, e que permanecem sempre connosco
no bem e no mal!!

estou sempre aqui
sempre fostes a minha Bébé

Náná


quarta-feira, 21 de março de 2012

Verdade

Imagem:  Autor:©Berukstis


A curta duração das nossas vidas proíbe grandes voos às nossas esperanças.
Horácio, 65-8 d. C., poeta romano, Odes

sábado, 17 de março de 2012

COMO SER UMA Pessoa PROGRAMADA (IRONIA)

Adaptado por José Afonso Spínola

1 - Em primeiro lugar, recuse-se terminantemente a admitir a possibilidade de que esteja sendo utilizado pelo sistema para servir os interesses pouco escrupulosos de uma minoria. Reaja com raiva e aos pontapés a qualquer insinuação de que você seja uma pessoa influenciável!
2 - Encha-se até cair de cerveja, whisky, caipirinha e outras porcarias mais. Não se esqueça de encher também os seus pulmões de fumo e, o que é mais arrojado ainda, o seu nariz de pó! Mostre ao mundo o quanto é corajoso por não temer destruir-se. E, principalmente, evite ao máximo pensar que um dia terá de pagar bem caro por todos esses prazeres...
3 - Desperdice o seu tempo à vontade, mesmo sabendo que ele jamais voltará, ficando com a cara na frente da televisão durante horas a fio. Desligue-se do ambiente familiar! Afinal, o diálogo com o seu cônjuge e com os seus filhos não é mais importante que a novela das seis... e das sete... e das oito! Ah, elas são imperdíveis!... e o Big Brother então... Obrigue as pessoas conhecidas que o visitem nesses horários a assistirem consigo os seus programas predilectos. Faça-as esquecerem-se daquilo que foram fazer na sua casa. E no caso de telefonarem, despache os intrusos secamente, batendo o aparelho no gancho com imprecações. Afinal, porra, que seca, esse povo não assiste novela?!
Outra opção incrível para desperdiçar o seu tempo é atirar conversa fora. Converse coisa sem coisa, alhos e bugalhos, cobras e lagartos. Faça mexericos e afirmações sobre tudo e todos sem ter certeza de nada. Cuide só da vida alheia, esquecendo-se da sua. E se, por um imprevisível acaso do destino, a conversa resvalar para assuntos sérios, não perca a oportunidade de gozar deles!
4 - Distraia-se das mais variadas formas, porque quanto mais distraído, melhor! Aqui, novamente, a televisão poderá prestar-lhe grandes serviços. Mas não se limite apenas às novelas e ao Big Brother: assista também a muitos filmes enlatados, de violência ou de terror; ou, ainda, acompanhe passo a passo o maior número possível daqueles tão populares programas de auditório. E que tal navegar madrugadas inteiras pelas páginas mais bizarras da internet, aqueles de cartomantes, numerologia, quiromancia, procura de parceiros conjugais, ou até mesmo os mais picantes, como os pornográficos? E ainda existem aqueles jogos incríveis de computador, esqueceu-se? Ou então, se preferir, os de cartas com os/as amigos/as, claro, tudo à base de "ganzas"...
Além disso, pode passar horas íntimas viajando com excitantes e excitáveis revistas cor de rosa, ou lendo as que mexericam a vida dos artistas e de todas as que se encontram semanalmente nas livrarias. E saiba que existem vários outros meios de distracção (Ah, isso é o que o sistema mais oferece!), como clubes, bilhar, discotecas, disneylândia, excursões, centros comerciais, cinemas, restaurantes, e milhões de muitas coisas mais...
Música? Sé se for da tiazinha, da coisinha ou da garrafinha, ou então bandas sonoras de novelas. Canções com letras capazes de fazê-lo reflectir por um instante... nem pensar! São uma seca!
5 - Engorde à vontade! Afinal, dieta é mania de modelos e manequins! Seja um frequentador assíduo dos fast foods , consumindo mac-sandes-montanhas, batatas fritas com ketchup, refrigerantes, churrasco com bastante gordura, feijoadas, doces e mais doces... Seguindo esta dica à risca, engordará não só o seu corpo, mas também as contas bancárias dos milionários empresários da indústria da carne e das redes de franchising...
Recuse-se a preparar os seus próprios alimentos, preferindo os enlatados e os congelados. E na altura em que sentir uma enorme energia negativa dominar o seu ser, manifestando-se em forma de irritações, depressões e outros contras, negue veementemente que a causa do seu mal estar possa estar minimamente relacionado com a sua péssima escolha alimentar.
6 - E se for pressionado pelo seu espelho a emagrecer, apele aos célebres medicamentos milagrosos destinados a esse fim. Eles farão o seu apetite desaparecer como por encanto, juntamente com... a sua saúde! Mas isso não importa, certo? Os fins justificam os meios! Depois engorde tudo novamente. E nada de interromper este processo de efeito sanfona do engorda-emagrece-engorda .
Ou então venda a sua casa para poder custear a sua hospedagem num caríssimo SPA! Lá também são ministrados esses medicamentos que tanto aprecia...
E há também a alternativa de seguir uma daquelas aborrecidas dietas propostas por artistas e atletas famosos. Não será difícil encontrá-las: basta ligar a televisão ou folhear algumas dessas revistas semanais que dão prioridade máxima aos anúncios.
7 - Depois de passar vários anos abusando das sua saúde e enchendo-se de doenças, torne-se um consumidor habitual de medicamentos, fazendo desse consumo um vício: os cofres da indústria farmacêutica globalizada agradecerão! Tenha na sua casa uma gaveta cheia de comprimidos e tome vários durante o dia: um para dormir, um para se levantar, outros para curar as dores de cabeça, azias, indigestões, colites, úlceras, etc.
 Tome mensalmente uma bateria de antibióticos contra doenças do sistema respiratório já há tanto tempo poluído pelo esfumaçar constante do cigarro. E lembre-se: o importante não é combater a causa do desgaste do organismo, mas sim fazer desaparecer, por alguns fugazes momentos, os efeitos decorrentes dos estragos!
8 - Acredite em tudo o que é relatado na comunicação social. Descarte a possibilidade de que as notícias, antes de chegarem ao público, sejam "seleccionadas" ou, até mesmo, deturpadas, para chegar ao público de acordo com interesses internacionais.
Sintonize a sua televisão naquela emissora do jornal nacional, todos os dias depois do jantar, e aguarde as notícias que podem mudar a sua vida. Sente-se e espere... sentado!
9 - Transforme o seu filho num marginal. Deixe-o, desde bastante novo, aos cuidados de uma educadora electrónica, assistindo à televisão e/ou brincando com jogos de computador durante todo o dia. "Eduque-o" com base no faz o que eu digo, mas não faças o que eu faço.
Além disso, minta bastante às pessoas à frente dele, justifique os seus erros em vez de os admitir e habitue-se a despejar todas as suas tensões do dia sobre a cabeça da criança até ela ficar igualzinha a si. Depois, quando ele já estiver bem tonto e confuso, inicie uma maratona pelos consultórios dos principais psicólogos da cidade a fim de tentar descobrir a causa de tão triste estado.
E quando ele atingir a adolescência, faça vista grossa ao seu interesse precoce pelo sexo, estimulado por novelas, filmes e revistas para "adultos". Agindo assim, muito cedo, certamente que o seu filho poderá lhe fazer diversas surpresas, como dar sinais de desvios sexuais de toda a espécie, contrair doenças sexualmente transmissíveis, ou então, na melhor das hipóteses... dar-lhe um neto!
10 - Esteja sempre na moda. Imite as personagens das novelas da televisão em tudo: na conduta superficial, fútil e leviana, e, principalmente, na promiscuidade. Seja infiel, nunca se comprometa e seja liberal ao máximo. Afinal, vale tudo! Adopte os calões e sotaque dessas mesmas personagens, os seus tiques, os seus olhares e trajes até não conseguir saber quem você é! Além disso, leia todos os livros de "magos" para se poder auto nomear uma pessoa espiritualizada, e sentir-se, ao mesmo tempo, um intelectual. E também todos os de "neuro-linguística", auto ajuda e de pensamento positivo, convencendo-se a si mesmo de que é um grande vencedor! Mas, sobretudo, não deixe de fazer psicoterapia para conseguir viver dentro deste grande hospício, em que a maioria das pessoas, pode crer, está igualzinha a si...
11 - Seja um fanático. Em primeiro lugar, por futebol, ficando o domingo inteiro a assistir jogos pela televisão ou então ao vivo, nos próprios estádios. Torça, grite, esperneie à vontade. E não se esqueça de ameaçar de morte os apoiantes da equipa oposta à sua. Seja fanático também pelo carnaval, gastando todas as suas economias em fantasias...
12 - Seja um consumista compulsivo. Compre tudo o que vê pela frente, satisfaça todos os seus desejos, gaste todo o seu dinheiro com supérfluos, novidades electrónicas, roupas... Esqueça as suas necessidades, as prioridades e a prudência.
E, finalmente, vivendo em permanente estado de distração, embriaguez e entorpecimento, finalmente tornar-se-á apto em ser um perfeito idiota. Estará no ponto para ser manipulado e usado. Estará colocando as suas energias, a sua saúde e o seu dinheiro ao serviço dum plano infeliz, desumano e... sinistro.

Texto original retirado do anuário brasileiro Humanus e publicado no website Econac

sexta-feira, 16 de março de 2012

O EGO E seus desdobramentos

LUXÚRIA

* Eu do Adultério (quer unir-se sexualmente a uma mulher, ou homem, porém que já possui um companheiro)
* Eu da Amizade (querer a amizade de alguém para conseguir a união sexual)
* Eu Aproveitador (aproveita qualquer circunstância para satifação sexual)
* Eu Dançarino (excita-se ao dançar; há também os que se excitam vendo alguém dançar)
* Eu Altura (sente-se atração por pessoas altas e/ou baixas)
* Eu Bissexual (sente-se atraído por ambos os sexos)
* Eu Don-Juan (conquista por satisfação, mesmo sem interesse nem atração; nasce de outros eus)
* Eu dos Ciúmes (possessão sexual; nasce do eu da insegurança)
* Eu Voyeur (sente prazer em ficar observando)
* Eu Galã (sente-se atraente e gosta de conquistar com gestos, delicadezas, olhares, sorrisos  e gentilezas)
* Eu Fantasia (quando a imaginação erótica é frequente; eu muito instintivo e forte)
* Eu Esfregador (sente prazer ao se esfregar em outra pessoa; em ônibus, metrô, trens, locais públicos)
* Eu Exibicionista (mostra suas partes íntimas ou roupas íntimas, como decotes, saias curtas, calças apertadas mostrando volumes)
* Eu Coprolalia (conversa em linguagem obscena)
* Eu Esquentador (aquele ou aquela que excita e depois rechaça)
* Eu Sádico (sente prazer golpeando o parceiro; suave ou violentamente: é uma questão de grau, desde simples tapas nas nádegas a estupros abomináveis)
* Eu Travesti (sente grande prazer em vestir roupas e assumir gestos do sexo oposto; homem que sente excitação ao usar vestidos e lingeries e mulher que usa ternos e cuecas; sutil ou clara tendência bissexual ou até mesmo homossexual)
* Eu Sexivestido (sente grade prazer em usar roupas do sexo oposto sem assumir gestos; grau menor que o Eu Travesti)
* Eu Cantador (sente prazer em fazer galanteios a todas as pessoas; o famoso eu da cantada)
* Eu Ninfolepera (atração por jovens de pouca idade; o grau mais acentuado é o Eu Pedófilo)
* Eu Narcisista (sente atração pelo próprio corpo, é uma espécie de auto-homossexualismo)
* Eu Masoquista (sente prazer sexual apanhando; ligado ao eu da Ira; procura por parceiros com tendências sádicas)
* Eu Sentimental (expressa sentimentos fingidos para conquistar e/ou excitar)
* Eu Grafite (gosta de fazer desenhos obscenos em banheiros públicos e outros lugares)
* Eu Masturbador (sente prazer na masturbação, mais até do que no próprio ato)
* Eu Fornicário (sente prazer no derrame da energia, no orgasmo, na ejaculação)

IRA

* Eu da Antipatia (maior ou menor grau de repugnância, repúdio ou aversão. “Não fui com a cara de fulano”, “Não gostei” etc. Há dois tipos: provocada ou mecânica; nascem da inveja ou dos complexos e das comparações)
* Eu Educador (pais, professores ou educadores “dizem” querer encaminhar a criança ou o jovem com disciplina, mas o que se manifesta neles é a atitude descontrolada da ira; seu símbolo é a palmatória)
* Eu da Crítica Mordaz (ofende e afeta para destruir, age com ferocidade verbal, auxiliado por ironias, sarcasmos e palavras de duplo sentido)
* Eu Burlador (faz atos ou gestos, por causa da Ira, para ridicularizar, como mostrar o dedo do meio)
* Eu da Crueldade (sente satisfação em ver alguém sofrer; às vezes acompanha o Eu Educador)
* Eu Briguento (“Não levo desaforo para casa” ou “Não tenho sangue de barata”)
* Eu da Cólera (zanga-se descontroladamente)
* Eu da Displicência (mostra-se indiferente a outro, em palavras, roupas ou gestos)
* Eu Discutidor (entra em polêmicas, dialoga exageradamente, é um eu mentaloide)
* Eu da Imposição (impõe e domina; típico de chefias)
* Eu Irreflexivo (age sem nenhuma lógica)
* Eu Grosseiro (usa vocabulário grosseiro e obsceno)
* Eu Iniquidade (pratica a injustiça por maldade, é a Ira admitida)
* Eu da Injúria (ultraja por palavras)
* Eu da Intolerância (não quer entender os demais, é lunático e temperamental)
* Eu Irritadiço (irrita-se por qualquer coisa, típico em mulheres com tpm, crianças mimadas e pessoas ansiosas)
* Eu Irritável (irrita-se com tudo o que as pessoas fazem ou falam)
* Eu Machista (sente-se dono da mulher ou superior a elas, quer protegê-la pensando que a ama)
* Eu do Ódio(é o contrário do Amor)
* Eu Suscetível (“Estão rindo de mim, vou tomar satisfações”; “está olhando o quê?”)
* Eu Ressentimento (sentimento profundo de dor, que ativa o Eu do Rancor)
* Eu Ofensivo (fere com palavras)
* Eu Inconformado (tudo o desagrada, as pessoas, os lugares, as coisas; comum em adolescentes)
* Eu Desagradável (faz e fala coisas que o tornam desagradável, fala o que as pessoas ao seu redor não querem ouvir)
* Eu Blasfemo (renega, maldiz, insulta ou atenta contra o que é sagrado, contra Deus  e as religiões)
* Eu do Protesto (pessoa que não estáde acordo com qualquer determinação, opinião etc.)

ORGULHO

* Autoconsideração (É A PORTA DE ENTRADA DE TODOS OS DEFEITOS. A pessoa sente-se ferida, mal amada, mal agradecida, injustiçada. Atrai, primeiro, a ira)
* Autossimpatia (esforça-se em ser simpático para ter aceitação, típico em ambiente profissional, manifesta-se especialmente pela distribuição de sorrisos para todos)
* Automérito (crê-se merecedor, mesmo não fazendo nada)
* Autovalorização (valorizar os esforços realizados. Quer recompensa)
* Autossuficiência (não necessita de ninguém, só acredita no próprio valor, não admite que alguém o ajude)
* Burla (caçoar ou debochar de alguém através dos olhos ou de gargalhada, quer chamar a atenção)
* Impontualidade (chega atrasado para ser notado)
* Gargalhão (ri estrondosa e escandalosamente)
* Complexo de inferioridade (crer-se menos que os outros, gera indecisos)
* Complexo de superioridade (crer-se mais que os outros)
* Indiferença (não ligar para os demais, fingir que não escuta ou liga para os outros)
* Pilatos (justifica seus erros ou atitudes)
* Desobediência (não aceita seguir ordens ou sugestões)
* Orgulho físico (ególatra que admira o corpo ou determidada parte dele)
* Orgulho mental (admira-se de seu preparo intelectual, seu diploma acadêmico, sua experiência etc.)
* Eu Fama (ambiciona ser famoso, conhecido, notório, quer ser manequim, ator/atriz, político, sentir a luz dos holofotes em seu rosto etc.)
* Nacionalista (apego ao país, à região – Eu Sulista, Eu Nordestino, Eu Gaúcho, Eu Argentino etc.; pode chegar ao genocídio)
* Paranóico (doença mental, nunca aceitaria seus erros ou deficiências; complexo de perseguição)
* Egotismo (só fala de si mesmo, incessantemente; gosta de interromper quem está falando para falar de si)
* Incredulidade (não aceita os fatos por excesso de orgulho)
* Pudorado (manifestar demasiado pudor)
* Ressentimento (emoção mediana entre a ira e a autoconsideração)
* Eu Guru (pretende sempre dar respostas “superiores”, dar “lição de moral” nos outros, sempre tem uma frase de efeito para mostrar sua presença “humildemente superior”)

PREGUIÇA

* Apatia (pouca ou nenhuma iniciativa)
* Desinteresse (não se interessa por nada, para não ter com que se preocupar)
* Abandono de Si (a pessoa se estira numa cadeira, sofá ou outro lugar, joga as pernas e sente que a preguiça tomou conta de si)
* Bocejo Frequente (tudo provoca indiferença, sono e cansaço)
* Busca de Desculpas (“Hoje estou cansado, com dor de cabeça”)
* Dormir Demais (ter mais de sete ou oito horas de sono é uma manifestação de preguiça, mas também pode ser escapismo)
* Desalento (apoia-se, com os cotovelos ou pés sobre a mesa, como num eterno cansaço, ou inclina-se na cadeira)
* Enfermidade do Amanhã (vive o futuro sem experimentar o presente, cria situações para adiar)
* Esquecimento Constante (não se esforça para pensar)
* Desperdício de tempo (não dá importância ao tempo)
* Impontual (nunca chega no horário, sai de casa sempre na última hora)
* Inércia (incapacidade de ação, não sabe ter ação nem iniciativa, muito menos ser proativo)
* Inconstância (está sempre mudando para não terminar)
* Incapacidade (por preguiça de assumir)
* Mal Vestir (preguiça de combinar, às vezes até de abrir o guarda-roupas; por pouco não anda de pijama na rua ou no trabalho)
* Preguiça de Ler (alguém leu as obras gnósticas recomendadas? Ou se lê, termina o livro? Ou medita nele?)
* Pessimismo (“Para que mudar se não vai dar certo mesmo?”)
* Tradicionalismo (segue só a sua tradição, religião, família, com preguiça de mudar sua vida)
* Surdez (a preguiça afeta até os sentidos físicos)
* Preguiça Verbal (não entra em discussão ou não responde por preguiça)
* Preguiça Física (esse ego determina até as formas, como a barriga, o rosto, o andar, a postura; dá-se a impressão de que o preguiçoso físico está a ponto de derreter)

COBIÇA

* Ânsia de Poder Material (mais dinheiro, mais cargos…)
* Poder Psíquico
* Avarento (apego exagerado ao dinheiro)
* Explorador
* Ladrão
* Mau Orientador
* Conhecedor (adquire conhecimentos só para atingir fim anelado)
* Eu do Assalto
* Cleptomaníaco
* Mesquinho (não divide seus bens com ninguém)
* Usurário (empresta dinheiro a juros)

INVEJA

Enquanto a Cobiça é o querer para si, a Inveja é o pesar ou desgosto pelo bem, pela felicidade ou pelo sucesso alheio.
* Eu Bruxo (consciente ou inconscientemente lança vibrações psíquicas de fracasso a outrem)
* Eu Competitivo (pode até matar por inveja)
* Traidor (a Grande Fraternidade Branca considera o grau extremo desse defeito como Alta Traição, cuja condenação é a queda ao Nono Inferno Dantesco, mesmo que a pessoa ainda esteja viva; ou seja, o corpo da pessoa ainda está vivo, mas sua Alma já não está mais ali: é o chamado Morto-Vivo)
* Falso Julgamento (Caluniador)
* Fracasso de Alguém (este Eu se manifesta na maioria das pessoas, porém em nível inconsciente; por isso se pede ao gnóstico que mantenha sigilo e não fique “fofocando”, comentando com todo mundo suas experiências, seus projetos, planos materiais ou espirituais)

GULA

* Eu do Meio-Dia (“sente” fome ao saber que determinada hora chegou)
* Devorador (não mastiga os alimentos, ou no máximo duas mastigadas)
* Ideia Fixa (de comer sempre. Não mede consequências físicas, morais ou internas)
* Medo da Fome (come por medo de passar fome)

VÍCIOS

Obviamente, existem agregados que são elos entre um eu principal e outro. Lembremo-nos de que há mais de 10 mil agregados. Temos ainda outros eus, muito fortes nos dias atuais, como os Eus dos Vícios, tais como:
* Eu Pescador
* Eu das Rifas
* Eu Tabagista
* Jogador de Cartas
* Eu Caçador
* Eu Jóquei
* Eu Maconheiro
* Eu Refrigerante (p.ex., que adora Coca-Cola)
* Demônio Algol (alcoolismo)
* Eu Caça-Níqueis
* Eu Bilharista
* Eu masca chiclete
* Eu do Fliperama
* Eu da Loteria
* Eu Bingueiro

segunda-feira, 5 de março de 2012

Exercício para a Água






Será que o projeto abaixo dá certo?   Que tal nos ocuparmos no silêncio dos nossos corações em fazer o que é sugerido pelo Dr.Emoto?
Vai que dá certo e conseguimos um mundo melhor? 


Masaru Emoto
(presidente do projeto)
Projeto
'Agradecimento e Amor para a Água'
Vamos purificar toda água do mundo pela Oração
Este projeto começou em 01 de Julho 2002 _ secretário geral: Yasujuki Nemoto (planejamos criar uma Organização sem fins lucrativos ) _ http://tank- water.net - e-mail: love@thank-water. net, Tel: +88 3 3863.0860, Fax: +99 3 3866.5353 _ end.: 1-1-11-1F Yanagibashi, Taito-ku, Tokyo 111-0052, Japão
 Como fazer uma Oração para a Água
Vamos dizer para a água todo nosso amor e agradecimento
    • Coloque um copo de vidro numa mesa da cozinha, da sala de jantar ou quarto. Fale gentilmente para a água "Eu amo você". Ao mesmo tempo imagine que toda água do mundo está interligada. Você pode fazer isto com seus filhos, membros da família ou amigos. Seu Amor e agradecimento vão ser manda-dos para toda a água no mundo, através da água do copo. Quando você toca a água da torneira enquanto lava a louça, quando lava o arroz antes de cozinhar, ou quando lava a roupa, podemos imaginar que toda vibração de seu amor e agradecimento transborda do seu coração fluindo através de seu peito, ombros e braços, para suas mãos que tocam a água, que sai pelo ralo. Esta vibração vai se espalhar facilmente através da água que desce pela tubulação para os rios e finalmente para o oceano. A evaporação da água dos oceanos vai formar nuvens, cuja água vai descer em forma de chuva nas mais diversas partes do mundo. Assim a vibração de seu Amor e agradecimento que saiu do seu coração vai se transmitir para o mundo inteiro através deste ciclo da água. Isto é a forma mais fácil de você contribuir, e você pode fazer isto todo dia e sempre quando usa água.

  • Mais simples ainda é dizer gentilmente para a água que corre para o ralo após ter cumprido com sua função "Eu amo você" e "Obrigado". Isto com certeza mudará a vibração da água. Também é útil colar uma etiqueta adesiva na superfície da torneira onde tenha escrito "Obrigado", ela vai lembrar você da importância de expressar sua gratidão para a água, cada vez que abre a torneira.
  • Ou se quiser fazer mais, poderá organizar reuniões em volta de um pequeno lago, riacho ou até ao longo de uma praia do mar. As pessoas participantes façam um circulo se dando as mãos dizendo o já mencionado acima ou mais. Lembre que a força da oração é proporcional ao quadrado do numero de pessoas envolvidas. Junte suas próprias orações de amor para a água e este planeta terra, nesta cerimonial. Quando as vibrações de agradecimento e amor fluem de seu coração, poderá sentir um calor aquecendo seu peito, o que é o resultado da lei do universo "O que você da, receberá".
    Visualize seu amor e agradecimento
    Imaginamos que esta vibração de amor e agradecimento se transmite para a água em forma de luzes cor de prata e ouro, que toda a água do mundo brilha maravilhosa- mente, e finalmente que todo o planeta emite este brilho luminoso. Quando tudo é preenchido pela mais alta vibração de luz, tudo é harmonizado e curado. Imaginemos que todas as pessoas do mundo carregem um sorriso de felicidade.
    (corredeira de água fresca e limpa)
    Mande amor e agradecimento para áreas especiais.
    • Por exemplo, poderá mandar amor e agra-decimento para o rio Jordão, especialmente neste momento (veja a foto abaixo)
    • Muitos Israelenses e Palestinos moram ao longo deste rio. Nossas orações de amor vão elevar a vibração da água lá. Não há fron-teiras para o cami-nho da água.. As pessoas dos 2 lados do rio vão beber esta água e seus corpos se enchem da vibração de amor e agradecimento que mandamos. Assim, aqueles envolvidos na guerra e terrorismo começaram se conscientizar daquilo que estão fazendo. "Porque simplesmente não largamos as armas e vivemos uma vida de paz juntos."
    • Existem muitas outras áreas como o rio Jordão onde ainda se desenvolvem guerras e conflitos, como nos Estados Unidos, no Iraque, na Índia, no Paquistão, no Afeganistão, em nações da África e outros. Vamos mandar nosso amor e agradecimentos para as águas onde há pessoas que sofrem. Isso poderá ser mudado pela cura da água, e todo mundo será tocado pela vibração do amor e da harmonia.
    Os que participam e sofrem com guerras, também são nós mesmos, pois toda a consciência está interconectada numa só, e a água é um espelho que reflete nossa própria consciência.
    • A paz começa nos corações de cada um de nós. Vamos encher nossos corações de amor e agradecimento. Depois visualize que esta vibração se expande transbordando para todos os cantos do mundo, curando-o.
    Efeitos de sua consciência na água
    Nossa consciência sem dúvida influencia a água, principal-mente quando nós nos concentramos numa mesma intenção, que representa uma tremenda força. É como se fosse um raio laser que pudesse atingir a lua.
    No verão de 1999, centenas de pessoas se reuniram ao longo do margem do lago Biwa, localizado no centro do Japão, e oraram para a paz e harmonia do universo. Após um mês um jornal local noticiou que somente este verão não houve reclamações de moradores locais sobre o mau cheiro proveniente do crescimento de uma alga, que eles experi-mentavam durante anos.
    Como a consciência de todos nos poderemos mudar o mundo
    Os efeitos da nossa consciência na consciência de todos cria o mundo como nos conhecemos, quer dizer que podemos mudar o mundo. Quando o mundo estiver repleto de vibrações de amor e agradecimento, então você poderá experimentar um mundo de amor e agradecimento.

LOUISE L.HAY - O corpo como espelho das nossas crenças




O corpo que podemos ver e tocar não consegue nos conduzir para dentro do Ser. Mas esse corpo visível e palpável é só uma casca, ou melhor, uma percepção limitada e distorcida de uma realidade mais profunda. Em nosso estado natural de conexão com o Ser, essa realidade mais profunda pode ser sentida, a cada momento, como o corpo interior invisível, que é a presença viva dentro de nós. Portanto, "habitar o corpo" é sentir o corpo bem lá no fundo, de modo a sentir a vida dentro dele e, assim, perceber que somos algo mais além da forma exterior.
ECKHART TOLLE
O corpo é um espelho das nossas crenças
Embora muitas pessoas me vejam como alguém com o poder de curar os outros, eu não curo ninguém.
Meu trabalho é ajudar as pessoas a compreenderem como seus pensamentos criam,
constantemente, suas próprias experiências de vida - todas elas , tanto as boas quanto as que chamamos de más experiências.
Nossos pensamentos podem,  estar contri­buindo para o bem-estar ou para o mal-estar de nossos corpos.
Não queremos ficar doentes e, no entanto, podemos aprender com cada doença que contraímos.
É a maneira que nossos corpos encon­tram para nos dizerem que estamos com uma idéia errada, com uma percepção falsa, e que precisamos mudar nossa forma de pensar.
Cada doença é uma lição que precisamos aprender.
Por favor, não fique só reclamando: "quero me livrar desta doença."
Isso não vai trazer a cura que você deseja e você não vai aprender a lição de que necessita.
Não se coloque também numa atitude defensiva, como se a doença fosse uma espécie de acusação.  Não se trata de condenar nem de sentir nenhuma culpa.
Tanto na doença quanto em qual­quer situação de vida, o importante é observar o que está acon­tecendo conosco para entender o que precisa  ser libertado e trans­formado.
> toda doença é resistência e essa resistência é causada por uma acumulação de experiências ruins. Agora é hora de se limpar desse lixo ( raiva, ciúmes, apegos, traumas , tristezas, ressentimentos, magoas, dor,  ódios, preocupação...)  e entregar tudo para o universo  ....o universo irá reciclar esse lixo todo , ele sabe fazer isso ......transformar é se libertar.....dessas velhas historias, do medo, da dor  ... e escolher o amor
Então eu lhe digo: é hora de se curar, de tornar sua vida e seu corpo íntegros, que significa que você deseja investir na sua saúde.

Eu sei que você tem, dentro de si, tudo de que precisa para conseguir isso.
Quando você começar a compreender o processo que leva à saúde ou à doença, será capaz de assumir o controle consciente das mudanças que deseja fazer.
É um processo muito emocionante que vai se tornar uma das aventuras mais felizes da sua vida.
Acredito que existe um centro de sabedoria  dentro de cada um de nós e que, quando estamos prontos para fazer mudanças positivas, atraímos o que é necessário para nos ajudar. 
O corpo é um espelho das nossas crenças  e dos nossos pen­samentos mais íntimos.
O corpo está sempre conversando conosco.
É preciso aprender a escutar o que ele tem a dizer.
 Cada célula reage a cada pensamento seu, a cada palavra que você pronuncia.
Por isso, se prolongamos durante muito tempo determinadas formas de pensar e de falar, elas irão produzir comportamentos e posturas corporais, assim como um maior ou  menor bem-estar.
Suas palavras e pensamentos contribuem para sua saúde ou sua doença.
Louise Hay
 
                             Eu tenho a proteção do amor divino.
                   
Não há nada a temer, NÃO HÁ NENHUMA PRESSÃO.
Estou em segurança  .
                                    
O amor É A LUZ QUE ILUMINA MINHA  vida.
                                                     
 Eu me alimento desse sentimento,   
 E   vivo nesse momento  , essa emoção,
    DEIXO O PASSADO PARA trás,
    e sigo rumo ao novo
                    ao mais doce, ao mais belo , ao mais agradável ,ao mais calmo,
ao mais livre , ao mais bonito .
Estou cercado de tranqüilidade, DE AMOR e  DE  paz.
Tudo esta bem.
Suas palavras e pensamentos constroem
sua  saúde  ou sua doença,
sua  tristeza ou  sua  alegria.
Escolha amado, ser fora, quem você é dentro.
Eu agora torno   minha vida, 
uma vida fácil, alegre, e divertida.
Porque esse é quem Eu Sou,
e  É  assim que eu me sinto.
Tudo está bem em meu mundo,
pois sou inundado pela  paz e a harmonia divina. 
Porque esse é quem Eu Sou,
e,  É  assim que eu me sinto.
Sou um oceano de amor e alegria.

quarta-feira, 29 de fevereiro de 2012

Resumo de livros - Cura Quantica


"O ser humano vivencia a si mesmo, seus pensamentos, como algo separado do resto do universo - numa espécie de ilusão de ótica de sua consciência. E essa ilusão é um tipo de prisão que nos restringe a nossos desejos pessoais, conceitos e ao afeto apenas pelas pessoas mais próximas.
Nossa principal tarefa é a de nos livrarmos dessa prisão, ampliando o nosso círculo de compaixão, para que ele abranja todos os seres vivos e toda a natureza em sua beleza.
Ninguém conseguirá atingir completamente este objetivo, mas lutar pela sua realização já é por si só parte de nossa liberação e o alicerce de nossa segurança interior".
Albert Einstein

Eu costumo resumir os livros que leio. Pegar frases, tópicos, palavras e expressões que me chamam a atenção. Aqui estão as melhores do livro do Dr. Deepack Chopra
A Cura quantica.1989

Entenda como funciona nossa mente:
 
Você não está aqui para tentar fazer com que o mundo seja tão justo quanto você gostaria que fosse. Você está aqui para criar um mundo em torno de suas escolhas ao mesmo tempo em que você permite que o mundo que outros escolheram também exista.
Você pode manter o foco nas coisas ruins que já lhe aconteceram ou mudar o foco para coisas boas que podem vir a acontecer. Quando as pessoas mantêm o foco no que elas querem, o que elas não querem perde a força.
Num certo sentido, temos dois cérebros, duas mentes e dois tipos diferentes de inteligência: racional e emocional.
Nosso desempenho na vida é determinado pelas duas não é apenas o Ql, mas a inteligência emocional que conta. Na verdade, o intelecto não pode dar o melhor de si sem a inteligência emocional. (equilíbrio das emoções)
O nome Ayurveda originou-se há mais de 4 mil anos; em sânscrito, significa “a ciência da vida”.  Os antigos médicos da Índia eram também grandes sábios e tinham como crença principal a idéia de que o corpo é criado pela consciência.
No Ayurveda, o requisito mais importante para a cura de qualquer desordem orgânica é um nível profundo e completo de relaxamento.Esse princípio se baseia no conceito de que o corpo sabe como manter o equilíbrio, a não ser que esteja abalado pela doença; desse modo, se alguém deseja restaurar a capacidade de cura do próprio organismo, é necessário que faça tudo para readquirir o equilíbrio.
As pesquisas de curas espontâneas de câncer realizadas tanto nos Estados Unidos como no Japão demonstraram que, pouco antes do restabelecimento, quase todos os pacientes passam por uma alteração de consciência entendendo que a cura provém de sua mente e que o ambiente também é responsável pelo seu equilíbrio.
Por que não consideramos um milagre o corpo soldar um osso partido? O motivo pelo qual a mesma pessoa considera milagre a cura do câncer e não pense o mesmo a respeito da fusão de um osso do braço está ligado à união entre mente e corpo.
O braço partido solda-se porque a consciência o emenda, e o mesmo acontece na cura de um câncer, na longa sobrevivência de um caso de AIDS, na cura pela fé e mesmo na capacidade de viver até a idade avançada, sem se deixar abater por uma doença. 
A razão de nem todos conseguirem levar o processo de cura até onde devem resulta do fato de nos diferenciarmos drasticamente quanto a nossa capacidade de mobilizá-la.
Aparentemente, os pacientes bem-sucedidos aprenderam a motivar a própria cura e conseguiram, nos casos mais felizes, ir além. Descobriram o segredo da cura quântica.
São os gênios da união entre a mente e o corpo
A cura quântica afasta-se dos métodos da alta tecnologia e penetra nos meandros mais profundos do sistema mente corpo nesse núcleo que ela se inicia. Para atingi-lo e aprender a provocar a resposta de cura é necessário que você atravesse todos os níveis mais densos do corpo: células, tecidos, órgãos e sistemas; atingirá, então, o ponto de união entre a mente e a matéria, o ponto em que a consciência realmente começa a causar um efeito.
A mente subconsciente é simplesmente programada para reconhecer e atrair aquilo que é familiar, não necessariamente o que é desejável.
O subconsciente é o armazém de suas atitudes,
valores e crenças, e ele controla a sua vida habitual nas respostas. 
Uma vez perguntaram ao Dr. Kari Menninger, famoso psiquiatra, o que ele recomendaria a alguém que estivesse a ponto de ter uma crise nervosa. Ele disse para a pessoa sair de casa, ir ao encontro de alguém necessitado e ajudar essa pessoa.
Um corpo doente é um corpo que não está tranqüilo. Nossa fisiologia cria doenças como um alerta para que nós saibamos que nós estamos fora de equilíbrio. Para que saibamos que não estamos amando, que não estamos firmes. Os sintomas do corpo não são coisas terríveis.
Nós temos o programa básico que se chama AUTO-CURA. Se você se cortar, a pele crescerá de novo. Se você tiver uma infecção bacteriana, o sistema imunológico entra em ação e dá conta de tais bactérias. O sistema imunológico é feito para curar a si próprio. Doenças não sobrevivem em um corpo que está emocionalmente saudável.
O seu corpo elimina milhões de células a cada segundo e cria milhões de células novas. Na verdade, literalmente, partes do nosso corpo são substituídas todos os dias. Outras partes levam alguns meses, outras levam alguns anos. Dentro de alguns anos, nós temos um corpo físico totalmente novo. 
Se você tiver uma doença e se concentrar nela, se você falar a outras pessoas a respeito, você irá criar mais doença.
São nossos pensamentos e emoções que, continuamente, re-montam, re-organizam, re-criam o nosso corpo. Remova o stress fisiológico do corpo e ele fará o que ele foi projetado para fazer. Ele irá curar a si mesmo.
O segredo, como quase todo o resto do declínio “natural” da velhice, depende dos hábitos mentais, e não do conjunto de circuitos do sistema nervoso. Enquanto uma pessoa se mantiver mentalmente ativa, continuará com a mesma inteligência da juventude e da idade madura. A senilidade não é fisicamente normal em um cérebro saudável.
Qualquer médico que exerça a profissão sabe que a vontade do paciente em se curar é parte vital do tratamento. Mesmo integrando a medicina “severa”, a maioria dos médicos aceita a idéia de que a atitude, a crença e as emoções são atuantes
Se a sanidade pode ser conservada por meio dos alimentos, capazes de promover até a melhora no estado de espírito, os princípios básicos da medicina mente-corpo ficam ainda mais confusos. Você pode confiar na mente para curar artrite e, ao mesmo tempo, alegar que comer chocolate o deixa deprimido?
Se você está descascando batatas e corta o dedo, o corte se cura e, evidentemente, você não fica deslumbrado com isso, porque o processo de cicatrização — a coagulação do sangue para fechar o corte, a formação de uma crosta e a regeneração da nova pele e dos vasos sanguíneos — parece uma coisa absolutamente normal.
Quando uma célula de sangue chega à borda de um corte e começa a formar um coágulo, não viajou até ali ao acaso. Sabe realmente aonde quer ir e o que fazer quando chegar, com a mesma certeza de um especialista — com mais até, de fato, já que age de forma completamente espontânea e não procura adivinhar.
Devemos admitir que o corpo tem uma mente própria. Quando compreendemos esse aspecto misterioso de nossa natureza básica, desaparece a natureza milagrosa que atribuímos à cura. Os corpos de todo mundo sabem como curar um corte na pele, mas aparentemente poucos deles sabem como curar o câncer.
A frustrante realidade, no que se refere aos pesquisadores médicos, é já sabermos que o corpo vivo é a melhor farmácia inventada até hoje.
Ele produz diuréticos, analgésicos, tranquilizantes, soníferos, antibióticos e tudo mais que é fabricado pelas indústrias de drogas, mas sua produção é muito superior.
A dosagem é sempre certa e ministrada no horário adequado; os efeitos colaterais são mínimos ou inexistentes; as indicações para o uso estão incluídas na própria droga, como parte de sua inteligência.
O filósofo grego Heráclito foi o autor do famoso comentário: “Não podemos entrar num rio duas vezes no mesmo lugar”, já que ele está em constante mudança com a chegada de novas águas. O mesmo acontece com o corpo.
Todos nós nos parecemos muito mais com um rio do que com qualquer coisa petrificada no tempo e no espaço. Se você pudesse ver seu corpo como realmente é, nunca o veria repetir-se. 90% dos átomos de nosso corpo não estavam nele há 3 meses.
É como se vivêssemos num edifício cujos tijolos fossem sistematicamente trocados a cada ano. Se for seguida a planta original, ele continuará parecendo o mesmo prédio.
Tudo o que acontece no universo mental
necessariamente deixa sinais no físico. 
Observando essas moléculas girarem enquanto o cérebro pensa, os cientistas viram que cada acontecimento distinto no universo da mente — como a sensação de dor ou de uma intensa lembrança — desencadeia novo modelo químico do cérebro, não apenas em um ponto, mas em muitos.
Literalmente, podemos ler a mente de outras pessoas pela mudança constante de suas expressões faciais; quanto a nós mesmos, ainda que sem notar, também registramos os milhares de gestos da linguagem do corpo como um sinal de nosso estado de espírito e das intenções das pessoas para conosco.
Nosso corpo é a imagem física, em 3D, do que estamos pensando.



retirado de: 
http://laurabotelhoquantica.blogspot.com/2009/10/create-myspace-playlist-at-mixpod.html?utm_source=BP_recent

segunda-feira, 20 de fevereiro de 2012

Medos



os nossos medos, mais nada são, que capas de memórias que trazemos encrostadas dentro na alma, que accionamos, que nos fazem sentir  frágeis, e nos fazem, na maioria das vezes, sentirmo-nos afastados de Deus, ou mesmo, negar Deus

vencendo-os, apenas, chegaremos a ELE

ANALUZ

Caclule seu bioritmo - CLICK

TAROT DA CRUZ - Clik P/JOGAR

DIVULGANDO O LIVRO DE MARIA ALICE CERQUEIRA

Livro: "DOIS JOVENS EM BUSCA DA FELICIDADE " de uma amiga visite seu blog- clique na imagem

Livros grátis para download - todos os géneros

Blog Ebooks Grátis

Reflexão surpresa - clik

Reflexão surpresa - clik
de: SIMONE: Auto-ajuda

Acenda a sua vela

Acenda a sua vela
clik na imagem: